A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Tite espera ter Adriano para a arrancada final no Brasileirão

Tite sempre diz que o Campeonato Brasileiro será decidido nas 10 últimas rodadas. E é nela que o técnico terá força máxima no Corinthians, principalmente com Adriano. O atacante está recebendo uma atenção especial para voltar 100% e poder ajudar o time na tão sonhada arrancada final
Evitando falar abertamente em datas para não frustrar os torcedores, comissão técnica e médica do clube tentam, em silêncio, deixar o centroavante em condições de fazer a sua estreia no Pacaembu. Querem fazer uma grande festa no primeiro jogo do camisa 10. Duas partidas estão sendo analisadas: diante do Atlético Goianiense (28.ª rodada), no dia 9 de outubro, e contra o Botafogo (29.ª), no dia 12, a que ganha força por ser feriado nacional.
“Está sendo muito boa a recuperação, dentro do prazo estipulado e agora depende apenas da evolução do Adriano”, afirmou o consultor médico Joaquim Grava, que participou da cirurgia no tendão de Aquiles do jogador, no último dia 20 de abril. “Mas não tem data (para a volta), no futebol nunca se define nada antes”.
Na próxima segunda-feira, Adriano completará oito meses longe dos gramados. E está ansioso por voltar. Chegou a ir no vestiário do duelo contra o Flamengo para passar força ao grupo e dizer que “estava jogando junto”. Conter sua euforia também faz parte da estratégia corintiana. “Ele precisa ter calma. Na hora em que tiver condições, vai estrear. Mas adianto que em 15 dias não estará em campo. E quem acompanha o dia a dia do clube observa isso”, disse Grava.
Adriano faz dez treinos semanais. De terça à sexta, em dois períodos, sendo um de fisioterapia e outro para aprimorar a parte física. Acompanhado sempre de perto pelo auxiliar Caio Mello, ele já trabalha com bola, mas sozinho. Daqui dez dias, se unirá aos companheiros para a reta final de aprimoramento. De acordo com o fisioterapeuta Bruno Mazziotti, Adriano precisa emagrecer, ainda, 4,5 quilos. Quando iniciou os trabalhos no Corinthians, eram seis quilos a mais e previsão de estreia para o dia 22 de maio, diante do Grêmio.
“Quanto ele está acima do peso não posso falar porque não vi na balança. Mas achei que visualmente fosse pior. Ele está bem e tende a melhorar cada vez mais, é um atleta ainda jovem e facilmente de se readaptar”, afirmou Fábio Mahseredjian, novo preparador físico do clube. “Agora, vai depender da determinação dele. De uma dieta e de atividade física. Quanto mais fechar a boca, mais rápido vai perder esse peso”, seguiu.
Descartando ser um desafio deixar o Adriano em forma, Fábio já até o escala no Brasileirão. “Adianto que é impossível ele não se condicionar. Faltam dois meses e meio para acabar o campeonato, é tempo suficiente para que ele faça alguns jogos, quantos não sei, mas vai e não tenho medo de afirmar isso”, falou. “Só não posso dizer se em setembro, começo ou meio de outubro”.

Nenhum comentário: