A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Já em Caraguá

Um ônibus do transporte coletivo de Caraguatatuba, foi roubado e incendiado no inicio da noite desta quinta-feira no bairro Pontal Santa Marina. Dois indivíduos em uma moto abordaram o motorista e após o assalto jogaram um liquido inflamável e atearam fogo no veículo. As chamas foram contidas por populares e dois passageiros que estavam no coletivo passaram mal e foram encaminhadas ao hospital.
Em Ubatuba, por volta das 19h20 desta quinta-feira 28/06, duas pessoas foram baleadas por dois indivíduos em uma moto. As vitimas foram socorridas em estado grave á Santa Casa da cidade. A policia em todo o Estado de São Paulo está em alerta devido atentados contra policiais militares e patrimônios. Informações extra- oficiais é que o PCC passaria a promover ataques a partir de hoje em cidades do interior do estado. Será que os ataques já começaram por aqui também???

Presidente do BNDES incentiva “empresas âncora” na pesca e aquicultura



O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, proferiu na manhã desta quarta-feira (27), em Brasília, a palestra “Financiamento à Pesca e à Aquicultura”. Na plateia, estavam os dirigentes do Conselho Nacional de Aquicultura e Pesca (CONAPE) e empresários do setor. O ministro Crivella lembrou, na oportunidade, que recente estudo do BNDES apontou a aquicultura como um novo “pré-sal” para o Brasil.
Para fortalecer a aquicultura nacional, Luciano Coutinho defendeu a criação de empresas âncoras, mais robustas e com maior capacidade tecnológica e gerencial. Elas estariam aptas a atingir maiores escalas de produção e de rentabilidade, com produtos mais diversificados. Cuidariam em melhores condições de aspectos como produção, assistência técnica, beneficiamento, comercialização e crédito. E estas empresas auxiliariam as demais a superarem problemas nestas áreas, tornando o setor mais dinâmico. Estas empresas âncoras precisariam, entretanto, de recursos e tecnologia. Os recursos poderiam, por exemplo, ser provenientes de fundos criados especialmente para isto. Para o desenvolvimento tecnológico recomendou programas de inovação.
A agenda de implementação e operacionalização de programas de apoio e incentivo, segundo ele, demandará a participação não apenas do BNDES, mas de outras instituições financeiras públicas, bem como de outros ministérios e órgãos. Já para a pesca artesanal, Coutinho recomendou o fortalecimento de cooperativas.
Diagnóstico
Luciano Coutinho disse que o BNDES, a partir de um acordo com o Ministério da Pesca e Aquicultura em março de 2011, criou um Grupo de Trabalho em Aquicultura, que resultou em um diagnóstico do setor. Segundo ele, o desenvolvimento da pesca e aquicultura no Brasil é um “tema estratégico para o BNDES”, tendo em vista que o País dispõe de todas as condições para ter “um futuro brilhante” no setor. E pode, inclusive, se tornar “uma grande plataforma exportadora de pescado”, de forma a suprir à crescente demanda do mercado internacional, onde a proteína de pescado é a mais consumida. Desta forma, o pescado mundial se torna “uma janela de oportunidades” para o Brasil, que possui excepcionais condições de produção face aos seus imensos recursos hídricos no continente e no mar.
Apesar de seu otimismo, Luciano Coutinho lembrou que o Brasil ainda tem uma produção pesqueira modesta e demanda importações para o abastecimento interno. Em 2011, o déficit neste quesito, na balança comercial brasileira, foi da ordem de US$ 1 bilhão.
Luciano Coutinho salientou que os maiores produtores de pescado só atingiram este patamar após o apoio e estímulo do aparato estatal. E o mesmo precisa ocorrer no Brasil. Por isto, entre as vantagens comparativas do País, além das condições naturais, ele incluiu a existência do Ministério da Pesca e Aquicultura e de instituições de pesquisa como a Embrapa.
O diagnóstico do BNDES revelou que a maioria das empresas dedicadas à aquicultura no Brasil é de pequeno porte, não processando mais do que 4 mil toneladas anuais. A aquicultura será o grande filão para o aumento da produção nacional, como ocorre internacionalmente. E este segmento já cresce 10,3% ao ano desde 2009 no Brasil.
O estágio atual é, na visão de Luciano Coutinho, o de “qualificar as empresas âncora”, e não, ainda, o de consolidar o setor.
O presidente do BNDES colocou a sua equipe à disposição dos conselheiros do CONAPE para discutir problemas específicos e também para estruturar as próximas ações. Ele se comprometeu a estudar medidas que tornem as linhas de crédito do banco mais acessíveis aos aquicultores e pescadores, ao levar em conta as características de suas atividades. Muitos piscicultores, por exemplo, têm dificuldades em apresentar garantias, porque a sua atividade é exercida em águas da União, e não em fazendas, como ocorre geralmente na agropecuária.

Fotos ineditas do show de Jennifer Lopez no HSBC Arena (27/06/12 às 20hs)













Entrevista


O consultor de negócios e políticas Guilherme Araújo Através da equipe do Blog do Guilherme Araújo efetuou nos dias 21 á 27 de junho de 2012 uma pesquisa nos nos bairros do Centro, Travessão, Olaria, Casa Branca, Tingá, Indaiá, Aruan, Capricórnio, Jetuba, Tabatinga, Massaguaçu, Cocanha, Martin de Sá, Prainha, Sumaré, Ipiranga, Cidade Jardim, Caputera, Jaraguazinho, Rio de Ouro, Horto Florestal, Ponte Seca, Estrela D’Alva, Jardim Primavera, Jardim Progresso, Jardim Gaivotas, Golfinhos, Pontal Santa Marina, Jardim Jaqueira, Poiares, Jardim Betânia, Jardim Palmeiras, Porto Novo, Tarumãs, Pereque Mirim, Pontal Santa Marina, Barranco Alto e Morro do Algodão.

A pesquisa tem como objetivo avaliar o grau de satisfação do eleitor com a situação atual política de Caraguatatuba e o que os eleitores querem para os proximos 04 anos de governo da cidade de Caraguatatuba.

Conheça o perfil de idades das “1000 (mil) pessoas foram entrevistadas”.
16 a 18= 150
19 a 25= 200
26 a 30= 150
31 a 35= 150
36 a 45= 200
46 a 70= 150

Você esta satisfeito com a ATUAL GESTÃO DO ATUAL PREFEITO de Caraguatatuba?

Sim
32,8%
Não
49,1%
Não souberam informar
18,1%

Você esta satisfeito com os ATENDIMENTOS NA AREA DA SAÚDE de Caraguatatuba?

Sim
6,1%
Não
74,6%
Não souberam informar
19,3%

Você esta satisfeito com os serviços de TRANSPORTES de Caraguatatuba?

Sim
9,8%
Não
76,1%
Não souberam informar
14,1%

Você esta satisfeito com OS SERVIÇOS OFERECIDOS PELAS ESCOLAS E CRECHES de Caraguatatuba?

Sim
28,4%
Não
52,8%
Não souberam informar
18,8%

Você esta satisfeito com o Social de Caraguatatuba?

Sim
12,1%
Não
73,5%
Não souberam informar
14,4%

Você esta satisfeito com o Social de Caraguatatuba?

Sim
8,6%
Não
73,1%
Não souberam informar
18,3%

Você esta satisfeito com a SEGURANÇA de Caraguatatuba?

Sim
12,1%
Não
72,5%
Não souberam informar
15,4%

Você votaria novamente no atual prefeito de Caraguatatuba

Sim
21,3%
Não
33,1%
Não souberam informar
45,6%

Se o atual prefeito indicasse um (a) candidato (a) para prefeito de Caraguatatuba, você votaria?

Sim
13,9%
Não
67,3%
Não souberam informar
18,8%

Qual dos nomes abaixo você conhece e esta em condições de assumir a prefeitura de Caraguá?

Pré-candidatos
Partidos
Resultados
Pref. ACS
 PSDB
26,2%
Ver. Omar Kazon
 PR
18,3%
Ver. Gobetti
 PDT
6,1%
Guilherme Araújo
 PRB
3,4%
Prof. Rodolfo
 PT
2,3%
Prof. Sidnei
 PSOL
1,1%
Não souberam informar
-
42,6%

Qual vereador (a) que MERECE ser reeleito?

Vereador (a)
Partidos
Resultados
Ver. Aurimar
 PTB
9,4%
Ver. Baduca
 PDT
8,9%
Ver. Omar Kazon
 PR
8,3%
Ver. Gobetti
 PDT
7,6%
Ver. Neto Bota
 PRB
4,4%
Ver. Celso Pereira
 PSDB
3,7%
Ver. Lobinho
 PSOL
3,1%
Ver. Pedro Ivo
 PSD
3,2%
Ver. Silmara
 PSD
2,2%
Ver. Vilma
 PSDB
1,9%
Não souberam informar
 PSDB
47,3%

Qual vereador (a) que NÃO MERECE ser reeleito?

Vereador (a)
Partidos
Resultados
Ver. Vilma
PSDB
17,6%
Ver. Neto Bota
PRB
9,8%
Ver. Celso Pereira
PSDB
8,7%
Ver. Pedro Ivo
PSD
8,2%
Ver. Silmara
PSD
7,7%
Ver. Gobetti
PDT
5,6%
Ver. Lobinho
PSOL
5,5%
Ver. Omar Kazon
PR
4,3%
Ver. Baduca
PDT
4,9%
Ver. Aurimar
PTB
4,1%
Não souberam informar
-
23,6%

Qual o vereador (a) que MENOS LEGISLOU PARA O POVO de 2008 a 2012?

Vereador (a)
Partidos
Resultados
Ver. Vilma
PSDB
21,9%
Ver. Celso Pereira
PSDB
13,7%
Ver. Neto Bota
PRB
12,4%
Ver. Pedro Ivo
PSD
10,8%
Ver. Lobinho
PSOL
10,1%
Ver. Silmara
PSD
7,2%
Ver. Gobetti
PDT
6,6%
Ver. Omar Kazon
PR
6,3%
Ver. Baduca
PDT
4,1%
Ver. Aurimar
PTB
3,4%
Não souberam informar
-
3,5%