quarta-feira, 2 de abril de 2014

Kkkkkk

Cada dia que passa, o cidadão Caiçara descobre o que vem acontecendo nos bastidores da política local. Segundo fontes o presidente do Conselho Municipal de Saúde COMUS Senhor Ricardo não compareceu na reunião de prestação de contas referente ao ano de 2013 realizado no auditório da Secretaria de Saúde, alegando razões pessoais. Alem de não comparecer comunicou a todos a sua demissão da presidência. Segundo os presentes a reunião foi, mas um fiasco e nada foi resolvido. A reunião foi presidida pelo Vice-presidente, que segundo os presentes é um cidadão arrogante, prepotente, autoritário e completamente despreparado para conduzir uma assembléia como o COMUS. Quando questionado pelo conselheiro Edinho para lhe conceder vista ao relatório, o mesmo não aceitou chegando ao cumulo em dizer que os conselheiros Edinho e Frankilin não fazem falta. Imediatamente deu por aprovado o relatório e, mas um fiasco é dado como encerrado.

Sera que as medidas legais foram tomadas

Segundo uma empresaria indignada por não conseguir a liberação do AVCB, denuncia que tem agentes do poder publico estadual (corpo de bombeiros) cobrando a "bacatela" de R$ 1.500,00 para liberar AVCB e fazer vistoria estabelecimentos comerciais... Isso esta acontecendo em Caraguá e segundo esta empresaria esta pratica é normal para que sejam agilizada a AVCB... 

CARAGUAPREV pode esta quebrando...

O choque de gestão do PSDB em Caraguatatuba esta cada dia mostrando o respeito que esta sigla tem pelo funcionalismo publico municipal de Caraguá... 

Eu não quero assustar ninguém, mas o projeto do executivo em que o professor (a) ao fazer curso tem percentual de aumento em seu salário esta colocando a CARAGUAPREV em risco, e se continuar desta forma em breve o CARAGUAPREV não vai ter condições de se manter e poderá vir abrir FALENCIA. 

Não dá, mas para esconder isso dos funcionários públicos municipais... 

Vamos fazer manutenção

Secretario municipal de serviços públicos senhor Sergio Arnaldo Braz – Eu gostaria de solicitar que seja feita a manutenção das placas de ferro do calçadão da Santa Cruz, pois as pontas estão soltas com risco das pessoas se machucarem por ali... Será que ninguém desta secretaria esta vendo que esta faltando fazer a manutenção das placas de Caraguá?

Eu quero perguntar ao senhor prefeito ACS e ao senhor secretario municipal de saúde Dr. Aloysio Millen de Mattos Junio

Eu gostaria de fazer uma pergunta ao senhor prefeito ACS e ao senhor secretario municipal de saúde Dr. Aloysio Millen de Mattos Junior, Tanto se falaram da auditoria no almoxarifado da saúde de Caraguatatuba, prejudicando a compra e fornecimento de medicamentos. Agora eu gostaria de saber cadê o resultado, segundo comentários foram desviados mais de 750.000,00 e cadê o resultado senhores gestores?

Seria de grande relevância que fossem esclarecidos estes fatos para que os munícipes estejam cientes do que esta acontecendo de fato na saúde.

CARAGUATATUBA UMA CIDADE RICA OU POBRE

Senhores seguidores , temos que o orçamento anual de Caraguatatuba , se aproxima aos R$500.000.000,00 ( quinhentos milhões de reais) , e o povo não vê nada sendo feito nos Bairros, o que temos é vários Bairros vivendo em estado de miserabilidade.
A bem da verdade, muito se faz na Avenida da Praia, onde passa os turistas, e os Bairros ficam a mercê da falta de vontade política da administração pública.
Caraguatatuba, após a entrada da Petrobrás, tornou uma cidade com muitos recursos financeiros, só que estes recursos não se sabe para onde estão indo, tendo em vista que os Bairros da periferia continuam na mesma situação antes da vinda da Petrobrás.
Não sabemos onde é que está indo o dinheiro, só sabemos que muitos que há pouco tempo não era nada, agora está pagando de bacana, será que o dinheiro do povo trabalhador não rende tanto quanto aqueles que estão ao lado o rei , ou será que está ocorrendo fatos que nós não estamos sabendo.
Seria bom que se gastassem mais nos Bairros , para que a população carente tivesse mais acesso a tudo o que os "ricos" da cidade também tem, afinal a prefeitura está arrecadando muito, e esta verba deve ser repassada da melhor forma para a população.
Nós não queremos obras super faturadas, como ocorreu quando se super faturaram a merenda escolar, através de contrato efetuado com a Nutriplus Tecnologia e Alimentação, que gerou uma Ação Civil Pública, que deixou o prefeito atual inelegível com os direitos políticos suspensos por cinco anos , e mais devolução de valores ao erário.
Caros amigos nós precisamos de fiscais municipais voluntários , que ajudem a fiscalizar os atos do Executivo e do Legislativo, pois não é possível que uma cidade com esta arrecadação continue não dando nada para o seu povo.
Nós não podemos aceitar que só os amigos do rei é que podem ter todo o conforto que a cidade pode oferecer.
Fica aí mais um protesto para uma melhor qualidade de vida ao povo de Caraguatatuba.

RADARES ELETRÔNICOS INSTALADOS NAS VIAS PÚBLICAS DE CARAGUATATUBA

Senhores seguidores, vimos noticiar que nas vias públicas de Caraguatatuba, estão sendo instalados mais radares eletrônicos com a finalidade de controlar a velocidade do veículos que utilizam estas vias.
Ocorre que como nós observamos na Avenida Geraldo Nogueira da Silva (Boneca), no sentido Bairro Colônia de Férias até o centro da cidade, não existem placas de sinalização de velocidade , que segundo a Legislação de Trânsito é obrigatório que se tenha placas de sinalização informando qual o limite de velocidade.
Nós observamos que a Avenida está completamente cheia de novos radares, só que não existem as placas para informar a velocidade, entretanto seria bom que antes que fossem instalados os radares, que a prefeitura colocasse as placas informando o limite de velocidade, para que os motoristas não sejam prejudicados com as multas que possam ser geradas pelos radares instalados.
Fica aí mais um protesto em face da Secretaria de Trânsito, para que com o máximo de urgência coloquem as placas de sinalização, assim não haverá motivo de questionamento posterior sobre a velocidade.
Outro ponto crítico, são os radares instalados nas vias bloquetadas , que não oferece 100% de precisão na aferição da velocidade.
É muito crítico falar sobre este assunto, pois parece mais que a administração não está preocupada em educar no trânsito e sim em arrecadar.
Seria melhor que se colocassem lombadas, e não encher as vias de radares.
Agora, pior é fazer na Rodovia SP-55, a instalação de várias faixas com travessias elevadas, que não é permitido pelo CONTRAN, porque não existe previsão legal que o estabeleça.
Estas travessias elevadas podem causar graves acidentes, sem contar que acabam com a suspensão dos veículos.
Economia porca para não se construir passarelas, isto não é legal.

A COMPARAÇÃO DE ASFALTO E BLOQUETE DE CONCRETO


Senhores seguidores temos que em Caraguatatuba o terreno é arenoso e a pavimentação efetuada com bloquetes de cimento, seria mais viável e duradoura, no Município.
É só observarmos as vias públicas que foram pavimentadas com bloquetes em Governos passados que estão até a data de hoje perfeitas .
Com este atual Governo foi implantada em Caraguatatuba, em mandato anterior a pavimentação asfáltica (CBUQ) , e notamos que a execução da obra não vem seguindo as normas técnicas exigidas para aplicação em terreno arenoso.
Diante do fato nós estamos noticiando e alertando todos os contribuintes, que não aceitem o asfalto em suas ruas tendo em vista que não é viável a aplicação do asfalto mesmo porque em terreno arenoso, o asfalto logo se acaba, e as ruas ficam pior do que se fossem de terra.
Seria bom que todos se empenhassem em protestar pela aplicação do asfalto em terreno arenoso, pois o bloquete será a melhor solução, embora de mais trabalho para se efetuar a obra, porém é para sempre, e mais fácil de remoção para a Sabesp e outras companhias que fazem buraco toda hora nas vias públicas de Caraguatatuba.
Fiquem atentos , pois a contribuição de melhoria será cobrada de cada contribuinte, que terá sua rua asfaltada.
Fica aí nossa indignação pela forma que vem se administrando nossa cidade.

TERRA DE NINGUÉM

Vê se pode. A polícia federal entrou no campo da USC- Universidade de Santa Catarina e deteve alguns alunos que estavam fumando maconha. Os demais alunos fizeram uma rebelião e até tombaram uma viatura da polícia. Ficaram "irados" com ideia da polícia reprimir o uso de droga no "Campus". Não querem mais polícia lá dentro. Ou seja, o que não é liberado no Brasil deve ser liberado na USP. Nada contra quem queira usar a droga que se chama droga não é atoa, mas impedir a polícia de entrar no campus, onde já houve assassinatos, assaltos, e vários outros crimes, é demais. Daqui a pouco teremos mais cracódromo em Santa Catarina e a polícia não vai poder fazer nada. OH viiiiiiida!...

Cidadão agindo

O Blog do Guilherme Araújo tomou conhecimento, de que alguns cidadãos de Caraguatatuba, mais precisamente quatro pessoas, ingressaram com uma representação junto à promotoria pública da cidadania pedindo instauração de inquérito contra dez vereadores que votaram pela rejeição do requerimento do Vereador Tato Aguilar que pedia informações ao prefeito sobre os gastos com as empresas Bandeirante e Corpore que se estiverem recebendo mais que o Hospital pelo mesmo serviço, poderão sujeitar o prefeito a ação de improbidade. Não dá pra aceitar que um serviço de má qualidade, pior do que o que era prestado pelo hospital possa custar mais caro e ser tão ruim. Os vereadores que votaram contra o requerimento poderão responder por isso, e se forem ouvidos pelo promotor terão que explicar porque impediram que um vereador fiscalize o executivo se essa é a sua principal função. Se não conseguirem uma boa explicação o promotor poderá processá-los e quem sabe pedir afastamento. A peça, eu vi e estava bem fundamentada. É bom pensarem melhor antes de aprovar tudo que o homem manda, até porque o homem andam bem confuso nessa questão da saúde, que pode leva-lo pro buraco e quem tiver junto vai junto. 

TEM PROCURADOR NA CORDA BAMBA

O senhor José Luis das Neves, exibiu ao Blog alguns documentos interessantes. O advogado Marcelo Conceição ingressou com uma ação popular na Justiça pedindo a exoneração do procurador Dorival de Paula da prefeitura de Caraguá, por entender que ele fora admitido de forma irregular. O procurador foi admitido, segundo o autor da ação em um concurso que já havia "caducado", e mesmo assim conseguiu ingressar no quadro de servidores efetivos da prefeitura logo após o Sr. Antônio Carlos assumir cargo em 2009. A ação foi prejudicada por um juiz da comarca que pediu ao Autor que modificasse o título da mesma que de ação popular o juiz sugeriu que fosse ação de anulação de ato jurídico. O Autor aceitou a sugestão do juiz e em seguida o mesmo juiz sentenciou alegando que o Dr. Marcelo não tinha legitimidade para propor aquela espécie de ação. O Marcelo recorreu e o tribunal mandou voltar o processo a tramitar como ação popular e ainda criticou o juiz por ter preparado uma espécie de armadilha para o Autor da ação. O processo voltou, vai correr como ação popular e poderá resultar em afastamento do procurador caso a justiça entenda que a sua nomeação esteja incorreta. Se o Dorival for afastado tem mais gente que vai junto porque foi nomeada pelo mesmo concurso já vencido. Quem viver verá.

Xiiiiiiiiiiiii Bomba....

Acabo de receber a informação que mas um secretario de Caraguatatuba pede demissão...
Aguardem a confirmação.

A coisa esta feia....

O navio esta a deriva...

Delegacia Virtual do Estado de São Paulo

Delegacia Virtual do Estado do Rio de Janeiro