A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Chalita leva resposta de Serra, que nega ter acabado com turno integral nas escolas de São Paulo


Em primeiro debate, peemedebista desafiou o tucano, que o ironizou
Serra agita o polegar negativamente em debate enquanto Chalita o acusava de acabar com o turno integral 
O candidato do PSDB à Prefeitura de São Paulo, José Serra, desmentiu acusação do rival Gabriel Chalita (PMDB) de que ele acabou com o turno integral nas escolas municipais no período em que foi prefeito, por dois anos. O tucano deixou o cargo em 2006 para se candidatar ao governo do Estado.
A afirmação de Chalita foi feita na semana passada, durante o primeiro debate entre os candidatos. Enquanto o peemedebista dizia para as câmeras que o tucano pôs fim ao turno integral, longe dos holofotes Serra esticava o braço e chacoalhava o polegar negativamente.
Hoje, durante visita a uma escola técnica na zona Leste, o tucano negou que tenha ouvido a critica de Chalita na ocasião, mas disse que o candidato do PMDB pode ter mentido.
— Eu não ouvi isso, mas se falou é mentira.
Segundo o candidato, o prefeito-aliado Gilberto Kassab (PSD) aumentou “de quatro para cinco horas” o tempo de permanência do aluno na escola.
— Não havia sistema de ensino integral. Tinha decreto, mas não tinha recursos.
Serra afirmou que, se ele for eleito, as instituições de ensino vão “caminhar para o tempo integral de maneira segura”.
Chalita
Chalita sempre foi aliado do governador Geraldo Alckmin, mas nunca se aproximou de Serra, mesmo em sua época de PSDB. Ao sair do debate, na última quinta-feira (2), ele ficou sabendo que o ex-prefeito o chamara de mentiroso durante sua fala a respeito do turno integral. Irritado, Chalita pediu que Serra dissesse isso ao microfone.
— Ele disse isso? Ele deveria ter dito ao microfone, porque tudo o que eu tinha de falar eu disse.

BH: Candidato à reeleição terá o dobro do tempo de petista em horário eleitoral


Marcio Lacerda terá 14 minutos e 19 segundos de propaganda, contra 8 minutos e 22 segundos de Patrus Ananias  

Principal rival de Marcio Lacerda (dir), Patrus Ananias será o primeiro a ter o programa exibido na televisão e no rádio




A Justiça Eleitoral de Belo Horizonte definiu, nesta quarta-feira (8), o resultado do sorteio para a definição da ordem de veiculação e o tempo dos partidos no horário eleitoral gratuito no rádio e na televisão para as eleições municipais. A reunião, realizada no auditório do TRE-MG (Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais), contou com a presença de representantes das legendas e de emissoras de rádio e TV.
 
Segundo o TRE, o atual prefeito e candidato a reeleição Marcio Lacerda (PSB) terá 14 minutos e 19 segundos de tempo de propaganda, enquanto o ex-ministro Patrus Ananias (PT) terá 8 minutos e 22 segundos para seu programa eleitoral.
 
Maria da Consolação Rocha (PSOL) terá um minuto e 32 segundos e Alfredo Flister (PHS), um minuto e 28 segundos; os outros candidatos, Vanessa Portugal (PSTU), Tadeu Martins (PPL) e Pepê (PCO), terão um minuto e 25 segundos cada.
Patrus (PT) será o primeiro a ter o programa exibido na televisão e no rádio. A primeira transmissão de programas para vereadores será do PCO.
 
Segundo o TRE, o horário eleitoral começará a ser exibido no dia 21 de agosto, e vai até o dia 4 de outubro. As propagandas para prefeito e vice-prefeito ocorrerão às segundas, quartas e sextas-feiras, e os programas dos candidatos a vereador serão transmitidos às terças, quintas e sábados.
 
Legislação
 
De acordo com a Lei 9504/97, um terço do tempo de propaganda é distribuído igualitariamente entre os partidos, enquanto os outros dois terços são divididos proporcionalmente ao número de representantes na Câmara dos Deputados de cada partido, considerado no caso da coligação, o resultado da soma de representantes de todos as legendas que a integram.

SP: Justiça confirma maior tempo para PSDB no horário eleitoral


Haddad, Chalita e Russomanno seguem a lista de candidatos com mais tempo na propaganda, que começa dia 21
A Justiça Eleitoral de São Paulo definiu nesta quarta-feira (8) a distribuição do tempo dos partidos e a ordem de veiculação, por meio de sorteio, do horário eleitoral gratuito. A definição aconteceu em reunião com representantes das legendas e das emissoras de rádio e TV com o juiz da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, Henrique Harris Júnior .
O candidato do PSDB a prefeito de São Paulo, José Serra (coligação “Avança São Paulo”: PV,PSD, DEM, PR e PSDB), é o concorrente com mais tempo, com 7 minutos, 44 segundos e 4 centésimos de segundo. Fernando Haddad, do PT (coligação “Para Mudar e Renovar São Paulo”: PP, PT, PSB e PCdoB) tem o segundo maior tempo, com 7 minutos, 37 segundos e 2 centésimos de segundo.
Gabriel Chalita, candidato do PMDB (coligação “São Paulo em 1º lugar”: PMDB, PSL, PSC e PTC) é o terceiro da lista, com 4 minutos, 20 segundos e 53 centésimos de segundo , seguido pelo candidato do PRB, Celso Russomanno (coligação “Por Uma Nova São Paulo”: PRB, PTB, PTN, PHS, PRP e PTdoB), com 2 minutos, 11 segundos e 87 centésimos de segundo.
Paulinho da Força, do PDT, tem um minuto,43 segundos e 80 centésimos de segundo; Soninha Francine, do PPS (coligação “Um Sinal Verde Para São Paulo”: PPS e PMN) terá um minuto, 11 segundos e cinco centésimos; Carlos Alberto Giannazi, do PSOL (coligação “Frente de Esquerda”: PSOL e PCB) tem 57 segundos e 2 centésimos e Levy Fidelix, do PRTB, 54 segundos e 68 centésimos de segundo.
Os candidatos José Maria Eymael, Anaí Caproni, Miguel Manso Perez e Ana Luiza de Figueiredo, respectivamente dos partidos PSDC, PCO, PPL e PSTU, que não se coligaram com nenhuma outra agremiação, têm 50 segundos de programa.

De acordo com definido no encontro, a coligação para vereador São Paulo em Primeiro Lugar (PMDB, PSL, PSC e PTC) inicia o horário eleitoral gratuito na terça-feira (21). No dia seguinte, Ana Luiza de Figueiredo, do PSTU, inicia a propaganda para a campanha de prefeito e vice.
Rodízio
Um rodízio define a ordem de veiculação: o último veiculado no dia anterior é sempre o primeiro do dia seguinte.
Segundo a legislação, um terço do tempo do horário eleitoral gratuito é dividido igualmente entre os partidos concorrentes e os dois terços restantes de acordo com a representação parlamentar.
Os programas serão exibidos até o dia 4 de outubro. No rádio, a veiculação será das 7h às 7h30 e das 12 às 12h30. Na TV, a exibição será das 13 às 13h30 e das 20h30 às 21h.
Além desses horários, os partidos têm outros 30 minutos diários em inserções, de até 60 segundos cada, exibidos entre 8 e 24 horas, inclusive aos domingos, exclusivamente para as campanhas dos candidatos às Prefeituras.

Quem aí já teve um ou conhece alguém que teve?


Hoje vamos falar de um clássico da Chevrolet, o Chevette. Afim de conquistar parte dos interessados em compactos, a GM lançou o pequeno sedã Chevette em 1973.

Chegou com a promessa de ser um carro mais sofisticado que os oferecidos pela concorrência. De fato, entre outros itens, tinha motor refrigerado a água com comando de válvulas no cabeçote e tanque de combustível montado em posição bem segura, atrás do banco traseiro. Robusto, foi bem aceito no mercado brasileiro, como um dos modelos que ficaram mais tempo em produção: 20 anos, tempo em que acumulou 1,6 milhão de unidades vendidas.Quem aí já teve um ou conhece alguém que teve?

Musas seminuas param Av. Paulista Modelos desfilaram de lingerie entre os carros nesta quarta (08). Ação promocional faz homenagem antecipada ao Dia dos Pais.



Modelos de lingerie na Avenida Paulista na tarde de quarta (08) (Foto: Fábio Tito/G1)Modelos de lingerie desfilaram na Avenida Paulista na tarde desta quarta-feira (8), e pararam o trânsito por alguns minutos. Apesar da aprovação de grande parte do público masculino, alguns motoristas começaram a buzinar quando um pequeno congestionamento começou a se formar 
As modelos Ana Paula Minerato (preto), Lorena Bueri (vermelho) e Babi Rossi (cinza e branco) participaram da campanha na Avenida Paulista (Foto: Fábio Tito/G1)As modelos Ana Paula Minerato (de preto, musa da escola de samba Gaviões da Fiel), Lorena Bueri (de vermelho, gata do Paulistão 2012) e Babi Rossi (de cinza e branco, panicat) participaram da homenagem aos pais que levou 20 modelos para uma das avenidas mais movimentadas da capital paulista. A homenagem faz parte de uma campanha publicitária de uma marca de lingerie 
Ana Paula Minerato e Babi Rossi erguem faixa entre os carros em frente ao Masp (Foto: Fábio Tito/G1)Ana Paula Minerato e Babi Rossi erguem faixa entre os carros em frente ao Masp 
A musa do Brasileirão chegou a entrar em um ônibus e brincar com o motorista e passageiros (Foto: Fábio Tito/G1)A gata do Paulistão 2012, Lorena Bueri, chegou a entrar em um ônibus e brincar com o motorista e passageiros 
Vinte modelos participaram da campanha (Foto: Fábio Tito/G1)Vinte modelos participaram da campanha, erguendo faixas com frases como 'Assim você mata o papai' 
Musas posam entre os carros na avenida (Foto: Fábio Tito/G1)Musas posam entre os carros na avenida (Foto: Fábio Tito/G1)
Modelos atravessa faixa de pedestres ao lado do Masp e do Parque Trianon (Foto: Fábio Tito/G1)Modelos atravessa faixa de pedestres ao lado do Masp e do Parque Trianon 
Vinte modelos participaram da campanha (Foto: Fábio Tito/G1)Vinte modelos participaram da campanha 
.

Via Rápida Emprego convoca 270 inscritos para matrícula de cursos profissionais na região


Além do material didático, selecionados recebem auxílio para transporte e bolsa, no total de R$ 330 


A partir desta semana, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT) do Estado de São Paulo inicia a convocação dos candidatos selecionados que participarão, em agosto, dos cursos de qualificação profissional do programa Via Rápida Emprego. No total, serão chamados 12.510 inscritos para formação de turmas em 194 municípios. No Litoral Norte, o programa convocará 270 candidatos cadastrados em Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba. 
Os cursos terão início entre os dias 13 e 30 de agosto e serão realizados em Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) do Estado de SP, em unidades do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Senat).

Os primeiros telegramas já foram enviados. Os candidatos que receberem o aviso devem comparecer ao local indicado na correspondência, munidos de RG e CPF para realizar a matrícula.
Além do material didático, os alunos matriculados receberão subsídio de transporte no valor de R$ 120. Desempregados, sem seguro desemprego ou benefício previdenciário, também terão direito à bolsa-auxílio mensal de R$ 210 durante o período do curso.
O secretário em exercício da SDECT, Luiz Carlos Quadrelli, explica que ainda há vagas disponíveis em 491 municípios. “Elas serão executadas nos próximos meses. Os interessados em participar dos cursos devem se inscrever no site do programa. Em setembro estão previstas novas convocações”. 

O programa

Lançado em julho de 2011, o Via Rápida Emprego é uma ação do Governo do Estado, coordenada pela Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia (SDECT), que oferece capacitação profissional gratuita para os cidadãos que buscam ingressar no mercado de trabalho ou abrir o próprio negócio. Os cursos são definidos de acordo com as demandas regionais. Em um ano, o programa já atendeu 40 mil pessoas. Para o segundo semestre de 2012 foram disponibilizadas 37 mil novas vagas, distribuídas em 491 municípios. As capacitações são intensivas, com duração de no máximo três meses. Isso permite ao aluno concluir o curso rapidamente e se candidatar às oportunidades de emprego. 
Para participar é preciso ter idade mínima de 16 anos, ser alfabetizado e residir no Estado de São Paulo. As inscrições devem ser realizadas somente pelo site www.viarapida.sp.gov.br

Sert anuncia 60 vagas para qualificação em Ilhabela e São Sebastião

A Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho (Sert) disponibilizará, através do Programa Estadual de Qualificação (PEQ), 9,8 mil vagas em todo o Estado de São Paulo, sendo 60 para Ilhabela e São Sebastião no Litoral Norte. A ação beneficiará 179 municípios. Em processo avançado de negociação, a parceria entre Sert e Centro Paula Souza deve ser firmada nos próximos dias.
As vagas serão divididas entre o PEQ - que receberá 7,8 mil vagas - e o Programa Pró-Egresso, com 2 mil. Na região de São José dos Campos, 13 municípios serão beneficiados com 510 vagas, divididas em 10 cursos diferentes.
Os cursos serão ministrados pelo Centro Paula Souza com um investimento previsto de R$ 7,5 milhões. No PEQ, os cursos terão duração média de 100h. Já no Pró-Egresso, serão 260 horas (4 a 5h/dia). Todos os beneficiados pelo programa receberão bolsa-auxílio no valor de R$ 210 e auxílio transporte de R$ 120.
As vagas serão gerenciadas pelas Comissões Municipais de Emprego (CME), que apontarão quais os cursos de capacitação serão executados na cidade, sob os critérios população e renda, para que as implantações dos cursos atendam demanda e vocação local.
Segundo Pedro Nepomuceno, coordenador de Políticas de Emprego e Renda da Sert, “uma das grandes preocupações da Secretaria está em não qualificar por qualificar. O cidadão não pode se inscrever pensando unicamente na bolsa. Deve haver o foco no retorno ao mercado de trabalho. Nossa intenção é qualificar e encaminhar os cadastrados para o mercado de trabalho”. 

Prefeitura tapa buracos no Itaguá, mas moradores contestam serviço

A prefeitura de Ubatuba deu início nas últimas semanas à Operação Tapa-Buraco e algumas ruas do bairro do Itaguá permaneceram parcialmente fechadas durante a tarde da última terça-feira.
De acordo com a secretaria municipal de obras, o objetivo da iniciativa é resolver o problema das vias esburacadas em todos os bairros da cidade, inclusive na periferia e nas ruas mais importantes, como as que ligam a região central à Rodovia Rio-Santos.
“A operação começou há algum tempo, já contemplou alguns locais e chegou ontem ao Itaguá. Em breve estará no Parque Ribamar e de lá parte para o Ipiranguinha”, afirma Julia Balio, da equipe da secretaria municipal de obras.
A reportagem do Imprensa Livre esteve presente nas ruas onde o trabalho foi concluído e constatou uma enorme quantidade de pequenas pedras na margem dos buracos tapados. Inclusive testemunhou a reclamação de alguns moradores. Os pequenos fragmentos – restos do material utilizado para rechear os buracos – não foram devidamente varridos e podem prejudicar o funcionamento dos veículos, bem como causar pequenos acidentes, uma vez que os detritos são projetados com a passagem dos automóveis, motocicletas e bicicletas. Outra reclamação dos moradores aconteceu em relação à demora no início das obras e a visível solução paliativa para o problema. “A prefeitura resolver tapar os buracos agora, há dois meses da eleição, é um pouco estranho. Isso aqui está assim há muitos e muitos anos”, afirma a atendente Suzana Alves, que passava de bicicleta pelo local.
“Olha só a qualidade disso. Você acha que vai durar quanto tempo? Em um ou dois meses de chuva isso volta a ser um buraco. Tudo bem que resolve por enquanto, mas é necessário um trabalho melhor, mais completo e que dure mais tempo”, opina o empresário e surfista Armando Ferraz, sobre a Avenida Casto Alves. 

São Sebastião fecha primeira fase do campeonato paulista de Malha em primeiro lugar

São Sebastião classificou-se em primeiro lugar da sua chave para a segunda fase do Campeonato Paulista de Malha após vencer em casa a equipe de Lucélia por 156 a 26 no último domingo. O jogo aconteceu no Clube Amigos da Malha, no Porto Grande, região central do município.
A equipe sebastianense fechou a primeira fase com 15 pontos, seguida por São José dos Campos com 12. Na próxima, ela enfrentará os times de União Independente, Bosque da Princesa, São Pedro, Itapecerica da Serra, Comunidade Mariana, Primavera, Floresta, Assem, Cosmopolitano e Araraquara. 
O presidente do clube, Paulo Lindberg, declarou-se honrado com a vitória. “Nós formamos e damos oportunidade a novos jogadores. Nesse campeonato, inscrevemos os alunos das escolinhas e tivemos esse ótimo desempenho. É uma satisfação muito grande”, disse. 
Por esse motivo, os jogadores têm um grande amor pelo clube. “Daqui eu não saio. Eles nos dão todo o suporte que precisamos, além de oportunidade de competir em grandes campeonatos e conhecer outros lugares”, sentenciou o jogador Carlos Alexandre Santana Lopes, 13. 

Reflexão


Amando você

O que mais eu ainda tenho que fazer
Para te provar que a amo?
Beijar-te os pés até os joelhos
Me jogar ao chão como um súdito?
Ou simplesmente te despir todinha
Com apenas um único olhar
Te envolvendo no meu mundo
E me tornando presente em você
Te tirando o folego num beijo
Beijando cada curva do seu corpo
Sentindo você toda arrepiada sobre mim
Sussurrando no meu ouvido ''me possua''
E eu já me entregando aos seus caprichos
Vou levemente te descobrindo
Levando você assim a loucura
Tocando os seus seios com os meus lábios
E lentamente vou traçando a linha vertical
Que me leva ao seu divino ventre
E sedento de amor e desejo
Não resisto e instantaneamente 
Beijo a cavidade do seu umbigo
E sinto seu sangue ferver em mim
Como se ardesse nas minhas veias
Todas as suas delirantes vontades
E você se aposta de mim como louca
E vou sensivelmente assim te possuindo
Tomando cuidado para não lhe causar nenhum desconforto
E você já quase no momento de alcançar o glorioso orgasmo
Melodicamente suspirando me deixando ainda fervendo de desejo 
E você embala meus movimentos pedindo para que eu a faça feliz
E já te sentindo totalmente minha colada em mim te beijo a sua boca.


Carta de outra carta


Como o Jornal é, pelo próprio nome, uma imprensa livre, sinto-me no dever de responder uma carta enviada pelo leitor Paulo Panossian, do dia 06/08/2012. 
Li a carta de Panossian ao jornal e me impressionei com sua dissimulação. Dizer que há “excrecências alojadas no Planalto” é digno de quem vê a democracia como irrelevante, afinal, o Partido dos Trabalhadores, nobre leitor, não está “alojado” no Planalto, foi eleito democraticamente, em eleições livres, diretas e com os direitos à oposição assegurados. Foram 20 milhões de votos de diferença em 2002 para eleger Lula, mais outros 20 milhões em 2006 para reelegê-lo e, nesta última em 2010, 12 milhões de votos a mais para a presidenta eleita Dilma Rousseff. A maioria dos brasileiros e brasileiras entendeu que o Brasil mudou a partir de 2002, pois, os avanços do Governo Lula e Dilma são inegáveis. A tática usada pelo leitor Paulo é a tática da desconstrução, do ódio, do medo e da intolerância. Tática, aliás, típica daqueles que nunca se sentiram à vontade com um metalúrgico no poder. Goste ou não, caro Paulo, nossa democracia avançou, e eleger Lula significou abandonar a postura de subserviência que o país viveu por tantas gerações. Não me espanta, portanto, o seu ódio e virulência, mas sinto te informar que a Esperança venceu o Medo há muito tempo.

Lei do silêncio


Caros leitores, eu fico triste em ver quanto os candidatos não respeitam os espaços nas ruas e nem a lei do silêncio. Não estou aqui reclamando de um ou de outro. Estou falando como cidadão sebastianense da gema e educador. Pra que tantas bandeirolas nas ruas exaltando seus candidatos? Carros de som com seus volumes e músicas que não dizem nada com coisa alguma? Outro dia pensei que estava sonhando, mas não, um carro de som de algum candidato passou pra lá das 2h00 da manhã com o som muito alto. Se ele esta pensando em obter meu voto deste jeito, sugiro que mude suas estratégias.
Seria utopia pedir para os candidatos realizarem debates calorosos e de alto nível no teatro municipal, com telões para que a população possa assistir e tirar suas conclusões? Poder escolher com maturidade e liberdade, sem ser pressionado.
Estamos no ano de 2012, século XXI , com a tecnologia batendo em nossas portas e os excelentíssimos candidatos utilizando de subterfúgios do século XIX. Senhores candidatos, peço a gentileza para não ficarem tremulando suas bandeiras nas esquinas das vias públicas atrapalhando o trânsito de pedestres e ciclistas. E diminuam o volume dos seus carros de som. Não somos surdos. Meus sentimentos.

Solidariedade


Para incentivar a população a participar e ajudar a cidade, ações prometem agitar a reta final da primeira etapa da Gincana da Solidariedade. O alimento que está sendo arrecadado é o arroz. Na quinta-feira, o Cine Caraguá e o Parque de Diversões Trombini recebem arroz em troca de ingresso. No cinema a entrada para o filme “Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge” é equivalente a 2 kg de arroz. As sessões são às 15h45, 18h45 e 21h40. O filme tem 165 minutos de duração e classificação indicativa de 12 anos.

O Parque de Diversões Trombini recebe 1 kg de arroz em troca de um ingresso e 5 kg por seis ingressos. O horário de funcionamento do parque é das 18h às 21h. A população ainda pode ajudar doando no mínimo 1 kg de arroz. Os alunos, professores e funcionários das escolas estarão nas portas dos comércios para recolher os alimentos ofertados pela comunidade no momento da compra.

Aqueles que quiserem também podem fazer a doação nas escolas municipais da cidade. A contagem final para encerramento da primeira etapa será realizada no dia 14 de agosto, no Centro Esportivo Ubaldo Gonçalves (Cemug), às 15h.

Miss Ilhabela

Termina na sexta-feira o prazo para inscrição do concurso “Miss Ilhabela 2012”, organizado pelo Fundo Social de Solidariedade, dentro das comemorações do Aniversário de 207 anos de emancipação político-administrativa da cidade. Podem participar candidatas a partir de 16 anos completos até 21 anos. As inscrições podem ser feitas sempre das 10h às 17h, na sede do Fundo Social, que fica no Paço Municipal, com Eliana ou Gisele.
O concurso será realizado no dia 31 de agosto, no Esporte Clube Ilhabela, onde haverá o tradicional Baile de Aniversário. A 1ª colocada receberá R$ 500, a 2ª colocada R$ 300 e 3ª colocada R$ 200, além de brindes de patrocinadores. A jovem eleita “Miss Ilhabela” participa das comemorações do aniversário da cidade. Em 2011 foi eleita miss a jogadora de futebol Débora Azevedo, 21 anos.

Praia Brava

A Prefeitura de São Sebastião promoveu no fim de semana a melhoria na Estrada da Praia Brava, em Boiçucanga, na Costa Sul do município. O trabalho feito em um trecho de aproximadamente 70 metros de extensão é fruto de parceria entre a Secretaria das Administrações Regionais, por meio da Regional Boiçucanga, e a Ambrava (Associação Ecológica Ambiental Praia Brava).
O serviço foi executado pelos próprios moradores com produtos doados pela Administração, a exemplo dos 700 m² de bloquetes, 25 m³ de areia e parte do cimento utilizado para concretar o material. A iniciativa visa melhorar o acesso das famílias que residem ou têm propriedade no local, uma vez que a acessibilidade e/ou locomoção é muito difícil principalmente em ocasiões de chuva.
O trabalho já foi executado em outros pontos da via pública e continuará a ser feito aos poucos, em especial nos lugares mais críticos. Segundo informações, a Estrada da Praia Brava tem mais de 70 imóveis entre residentes e veranistas. A finalidade da Ambrava é reunir os moradores e atuar na questão social auxiliando o Poder Público em ações de organizar e gerenciar as necessidades básicas da comunidade.

História do Brasil

Alunos de escolas estaduais podem se inscrever até sexta-feira, na 4ª Olimpíada Nacional em História do Brasil, organizada pelo Museu Exploratório de Ciências da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). A competição é voltada a estudantes dos 8º e 9º anos do Ensino Fundamental e das três séries do Ensino Médio. As inscrições devem ser feitas pelo site http://www.museudeciencias.com.br.

Orçamento


A Assembleia paulista, por intermédio de sua comissão de Finanças, Orçamento e Planejamento, iniciou em 11 de junho último a série de audiências públicas para discutir o Orçamento do Estado para 2013. Neste ano, a comissão realiza em agosto, reuniões nas regiões administrativas, metropolitanas e aglomerações urbanas do Estado.
Desde 2005, deputados estaduais paulistas percorrem as diversas regiões para ouvir a população a respeito de questões que interferem no seu dia a dia e que, na apreciação do Orçamento estadual, podem ser definidas com a destinação de recursos, ou a adoção de políticas públicas.
Apesar de ser uma peça técnica, a Lei Orçamentária reúne todas as ações a serem implementadas pelo Estado. Talvez seja a principal matéria que a Assembleia deve aprovar ao longo de cada exercício. É o Orçamento que determina os recursos e investimentos do Estado por região e programas em todas as áreas de sua competência.
As audiências públicas diminuem as barreiras geográficas e ajudam na identificação dos recursos que podem ser remanejados para melhor atender às necessidades da população. As sugestões poderão ser apresentadas no local das audiências ou até 30 de setembro no Portal da Alesp (www.al.sp.gov.br). Uma equipe técnica irá analisar as propostas e avaliar sua compatibilidade com os programas do Orçamento.

Nuno (PRB) realiza primeiro grande comício das eleições na região Central


O candidato a prefeito pelo PRB, Nuno, realizou nesse domingo o primeiro grande comício das eleições ubatubense na grande Região Central de Ubatuba. Com a presença de centenas de pessoas, Nuno discursou sobre um caminhão de som no bairro da Estufa I. Ele e seus apoiadores fizeram questão de ressaltar um posicionamento de mudança na política a cidade e não pouparam críticas com relação aos últimos anos da administração municipal. 
“Somos uma candidatura de verdadeira renovação ou seja sem qualquer aliança com essa atual administração”, enfatizou o candidato.
Nuno e seu vice, Charles Medeiros, já realizaram eventos semelhantes nos bairros da Picinguaba (Norte) e Fortaleza (Sul). No entanto, este é o primeiro comício de Nuno na região central e o primeiro também das eleições ubatubenses com tal estrutura. 

Sessão retorna hoje após recesso parlamentar

A plenária da Câmara de São Sebastião retorna na noite de hoje a ser palco das sessões ordinárias. Todavia, a pauta da primeira sessão ordinária após o recesso parlamentar não traz, a princípio, nenhuma polemica à vista. Tudo dentro da normalidade. Tal normalidade, construída no decorrer deste ano, constituída de requerimentos, em sua maioria, endereçadas ao Executivo, requerendo informações ligadas à manutenção. O que acaba se tornando um prolongamento da leitura das indicações.

Apesar do retorno do recesso desta vez acontecer em meio a período de campanha eleitoral, não se espera nada fora do comum. A oposição cobra melhorias de infra-estrutura, os de situação, como Marcos Tenório redireciona as proposituras a possíveis novos itinerários de ônibus. Porém, é de se reconhecer um tom de cobrança à atual Administração, por parte de agentes da bancada de situação, como o vice-presidente do Legislativo, Marco Jorge, que solicita informações referente à construção de Unidades Escolares nos Bairros de Cambury e Barra do Sahy. A vereadora Solange Ramos também cobra dados do Executivo sobre a manutenção da Rua Atlantis, em Maresias, como a limpeza do mesmo bairro. Além de questionar a paralisação dos trabalhos de pavimentação da Rua da Cesp, Bairro Maresias. 
No mais, o vereador Amilton Pacheco cobra, mais uma vez, o Executivo, informações sobre o andamento de diversos processos, gerados por requerimentos, desde 2009, que tratam entre outros sobre a Rua XV de Novembro no Bairro Pontal da Cruz. Além de pedir a instalação de luminárias em ruas do bairro de Maresias. 

Colega de partido de Pacheco, José Reis, requer informações à Prefeitura sobre os serviços realizados com a utilização da máquina Bullcon - Triturador de Resíduos Industriais e programa de resíduos espalhados pelos bairros do município. 
O parlamentar Maurício Bardusco continua a expor seus questionamentos quanto à atual gestão da Câmara. Bardusco pedirá na noite de hoje cópia de todas as portarias, de Janeiro de 2011 até hoje, respeitando o tempo hábil para a resposta do requerimento. O vereador continua a mirar suas proposituras ao presidente da Casa de Leis, Artur Balut, onde solicita em caráter de urgência a resposta do ofício protocolado março. 

Expediente 

No Expediente apenas quatro itens previstos para hoje. O primeiro é a leitura da moção, de autoria do Vereador Marcos Jorge de “Aplausos e Reconhecimento aos alunos Gabriel Canalli Ruiz Baptista, Grabrielly Ellen Dantas Dos Santos e Leonardo Saraceni Morita, campeões mundiais de Jiu Jitsu”. Outro item é quanto a leitura do projeto de lei de autoria do Executivo que dispõe sobre autorização de convênio com a Associação de Velas de São Sebastião.
Por fim, se realizará a leitura de dois projetos de Lei complementar, também de autoria do Executivo, que descreve a Zona Especial de Interesse Social (Zeis) em ruas do Bairro do Una, Costa Sul, e da Enseada, na Costa Norte. A pauta da sessão pode ser alterada. 

Câmara realiza primeira sessão ordinária do segundo semestre com quatro projetos em pauta para votação

A primeira sessão ordinária do segundo semestre da Câmara Municipal de Ilhabela será realizada hoje, às 18h, com quatro Projetos de Lei (PLs) em pauta para votação. Entre eles está o PL 22/2012 que “institui a Semana Municipal de Combate à Evasão Escolar”, a ser realizada anualmente na semana que abranger o dia 15 de setembro, de autoria do vereador presidente da Casa, vereador Carlos Alberto de Oliveira Pinto, o Carlinhos (PMDB). 

Também na pauta a propositura 28/2012, de autoria da vereadora Benedita Maria Gonzaga de Campos, a professora Dita (PTB), que “autoriza a criação e implantação da Horta Municipal”; o 38/2012, também de autoria do presidente Carlinhos, que trata da “disciplina a publicidade em veículos de transporte coletivo” e o 40/2012 que “dispõe sobre a autorização para o Poder Executivo Municipal instituir o programa bolsa-orquestra e dá outras providências”, de autoria do vereador Valdir Veríssimo de Assunção, professor Valdir (PPS). 

Posse

Ainda hoje, o vereador Valdir Marcelo dos Santos (PPS) participa da sua primeira sessão após decisão judicial em resposta ao mandado de segurança que impetrou para assumir a cadeira de suplente, em substituição ao vereador afastado, Luiz Mário de Almeida Matarazzo o Marinho (PV).
Na sentença, o Juiz de Direito determinou providências no sentido de possibilitar posse imediata do requerente, antes da primeira sessão ordinária do segundo semestre de 2012, com efeitos desde 21 de março do decorrente ano, quando a vaga foi deixada após o afastamento do então vereador Marinho.

Na ocasião do afastamento do vereador Marinho, o então suplente, Luiz Paladino de Araújo, o Luizinho (PCdoB) foi convocado e, consequentemente, empossado. Posteriormente Luizinho deixou a cadeira, sendo empossada a vereadora Nanci Peres de Araújo Zanato. 
Paralelamente aos acontecimentos, o então primeiro suplente Marcelo solicitou a cadeira no Legislativo, no entanto o processo foi reprovado com seis votos contrários. Na ocasião, com a reprovação do processo, além de ter o pedido da cadeira negado, Marcelo também teve o seu mandato de suplente de vereador extinto. 
Diante da decisão dos pares, Marcelo entrou na justiça contra a reprovação de seu pedido, tendo expedido a seu favor, o mandado de segurança, determinando sua retomada ao Legislativo. A sessão será transmitida ao vivo pelo site oficial do Legislativo: www.camarailhabela.sp.gov.br. 

Ernane afirma que sua administração fez mais obras na cidade do que as anteriores e desafia candidatos a provarem o contrário

O candidato à reeleição a prefeito de São Sebastião, Ernane Primazzi, juntamente com o candidato a vice, Wagner Teixeira, da coligação “São Sebastião Paz e Desenvolvimento”, realizaram no último final de semana comícios em Juquehy, Costa Sul de São Sebastião, Topolândia e São Francisco, ambos na região central do município. 

Com a participação de centenas de pessoas, Primazzi respondeu às acusações do ex-prefeito e candidato da coligação “Seriedade e Trabalho”, no que diz respeito à ordem expedida pelo Ministério Público (MP), determinando a demolição do Centro de Convenções construído no Balneário dos Trabalhadores. 
Primazzi confirma a assinatura desse Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), que foi realizado por recomendação do MP. Ele diz que a obra em questão apresentou inúmeros problemas estruturais, que não poderiam ser revertidos, conforme apontado em laudo do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (Dade), órgão ligado à secretaria estadual de Turismo. 
“Em 2009 a administração buscou meios de manter a obra e fazer os reparos necessários para que a mesma fosse utilizada pelos munícipes, porém, sem êxito. Isso porque análises técnicas apontaram a inviabilidade”, disse. Ainda de acordo com ele, o valor da obra foi de R$ 5 milhões, sendo R$ 3 milhões de verba do Dade e uma contrapartida do município na ordem de R$ 2 milhões. 

Mas o convênio foi desfeito antes que todo o repasse fosse realizado. Por conta disso, o município deverá devolver mais de R$ 2 milhões ao Estado. 
No termo assinado, ficou definido que a administração também deverá realizar a demolição da obra, pois há riscos estruturais, como por exemplo, falha na concretagem, viga apresentando ferragem exposta, impermeabilização de topo de viga, fissura em peça estrutural, infiltrações decorrentes de desempenho irregular da impermeabilização, além de não atender à lei de uso e ocupação de solo. 
“O morro que foi cortado para a construção, também apresenta risco de desmoronamento, o que aumenta a inviabilidade da obra”, destacou. Ainda não há previsão de quando a demolição será feita, pois será necessária licitação de uma empresa especializada para realizar esse trabalho.

Comícios

Durante os comícios a população teve a oportunidade de constatar, em vídeo elaborado pela coligação, as obras realizadas na cidade nos últimos três anos do Canto do Mar a Boracéia.
Em Juquehy, Primazzi destacou as mais de 40 ruas pavimentadas no bairro, sendo que 11 já foram entregues e 39 estão em andamento, além da revitalização da entrada do bairro, do serviço de drenagem executado nas vias e miniginásio de esportes.
Ainda de acordo com o candidato, a comunidade vai contar com mais um ESF – Estratégia da Saúde da Família, totalizando duas unidades, que vai contemplar cerca de 7 mil moradores. Outro benefício é a sede do conselho tutelar que atenderá toda a população da Costa Sul. Na Topolândia foram destacadas obras como: Escola da Topolândia, com vaga para 1, 5 mil crianças, reforma do Centro de Referência Assistência Social (Crass), construção do anexo da creche Adriana Vasques, pavimentação de ruas do complexo Topolândia, Olaria e Itatinga, terminal rodoviário do Itatinga, Mirante do Itatinga, entre outras benfeitorias.

Em São Francisco, fechando a maratona do fim de semana, mesmo embaixo de chuva a população compareceu para ouvir o candidato à reeleição. O bairro, segundo o atual prefeito, recebeu nos últimos três anos melhorias como: pavimentação de ruas, centro cultural São Sebastião“Batuíra”, Espaço Adélia Barsotti , além de benefícios recebidos pelo setor pesqueiros, como convênio no valor de aproximadamente R$ 80 mil/ano, fábrica de gelo e caminhão frigorífico em uma parceria com o Ministério da Pesca e o tão sonhado píer que facilitará a descarga dos pescados pela classe.
A reforma do Posto de Atendimento (PA) localizado no Morro do Abrigo também foi destaque durante o comício. Outra conquista lembrada pelo candidato, foi a retirada da alça de acesso no projeto do contorno Sul, que ligará Caraguatatuba a São Sebastião, o que ocasionaria a retirada de mais de 400 famílias do local.

Propostas

Como proposta de governo Primazzi e seu vice Wagner Teixeira, relataram resumidamente a continuidade dos trabalhos desenvolvidos durante a gestão e criação de mais oportunidades a toda população. Na área de emprego e renda uma proposta de utilização de mão de obra local para as reformas de prédios públicos, valorizando pequenos empresários da construção civil da cidade. Também é apontada a criação de mais cursos profissionalizantes para os jovens em seu primeiro emprego, incentivos à pesca artesanal e turismo.

Para a área da Educação, ampliação e novas construções de creches e escolas, cursos de qualificação para servidores e professores, além de ampliação de cursos de informática para a rede pública. Na Saúde a população poderá contar com medicamentos gratuitos e melhoria na medicina preventiva com reformulação dos ESFs.
As propostas ainda passam pelas áreas de Transportes, Habitação e Meio Ambiente, Segurança entre outros setores necessários para o desenvolvimento de toda a cidade.
Os próximos comícios serão realizados na sexta feira na Vila Sahy, Barra do Sahy, Costa Sul e sábado na Enseada, Costa Norte da cidade, sempre às 20h.
A Coligação Paz e Desenvolvimento é formada por 10 partidos (PSC – PV – PHS – PP –PSDC –PSD – PPL – PT do B – DEM – PRTB). 

Vice de Felipe Augusto promete reforma administrativa, caso eleito

O vice-prefeito da coligação “Por uma nova São Sebastião”, Paulo Henrique, PH, prometeu durante comício em Boiçucanga, Costa Sul sebastianense, que no governo de Felipe Augusto irá haver uma reforma administrativa na prefeitura, na qual o turismo na Costa Sul será valorizado. “Vamos criar a Agência Municipal do Turismo, para dar suporte e subsidiar a atividade. É impossível também falar em turismo e não falar de saneamento básico. Em parceria com a Sabesp iremos trazer 100% de saneamento básico para Boiçucanga. Faremos uma gestão rápida e dinâmica”, anseia.
Aproveitando que o comício foi realizado na Praça da Alegria, no centro de Boiçucanga, Felipe Augusto declarou que se eleito prefeito pretende dar alegrias ao povo e que isso será feito através da criação de um Centro Cultural. A pretensão foi feita no último sábado.

“Precisamos incentivar e investir nas atividades turísticas em Boiçucanga. Revitalizar esta praça, e o entorno, é essencial para que o comércio volte a funcionar novamente, e que o turista passe a frequentar outra vez o bairro. Hoje em dia, o comerciante, e o pequeno empresário sobrevivem 11 meses, com o dinheiro que ganham em apenas um mês durante a alta temporada. Essa história vai mudar. Vamos criar festivais de inverno, trazer eventos culturais para Boiçucanga, esta é a única forma de caminharmos rumo ao desenvolvimento”, promete o candidato tucano.
A educação também fez parte do discurso do candidato. “É um absurdo a superlotação da creche de Boiçucanga. Vamos mudar o rumo de São Sebastião. Nossas crianças serão respeitadas. E daremos qualidade de vida, além de uma educação de qualidade a elas. Este é o nosso compromisso”.

O ex-prefeito Luizinho Faria disse, durante seu discurso, que só não consegue realizar quem não tem capacidade de administrar, e que isso o Felipe Augusto teria de sobra. “Nosso candidato tem competência e experiência política, além de boas alianças com o Governo Estadual”, avalia o ex-prefeito.
Para Décio Galvão, ex-prefeito sebastianense, não há dúvida que Felipe Augusto é o homem certo para governar o município. “Nosso calibre é 45, vamos ter uma grande vitória, e iremos renovar São Sebastião”. 

Após nova condenação, Paulo Ramos diz que não participará das eleições por motivo pessoal

O juiz de direito Eduardo Passos Bhering Cardoso proferiu sentença julgando procedente a ação civil de improbidade administrativa movida pela Prefeitura de Ubatuba contra o ex-prefeito de Ubatuba Paulo Ramos. A sentença condena o ex-prefeito a ressarcir integralmente o dano sofrido pelo município, correspondendo a 15 mil unidades de cestas básicas no valor de R$ 83,87 cada. Além disso, a sentença condena Paulo Ramos a “perda da função pública e suspensão dos direitos políticos pelo prazo de cinco anos, com proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios, ainda que indiretamente, ou por intermédio de pessoa jurídica da qual seja sócio majoritário pelo prazo de cinco ano s”.
Esta é apenas mais uma de tantas outras decisões da Justiça que retiraram do ex-prefeito a plenitude de seus direitos políticos e, consequentemente, da participação nestas eleições.

Mesmo com condenações que transitaram em julgado e com a anulação dos votos recebidos em 2008, Paulo Ramos ressalta que só não participará da disputa pela prefeitura nesse ano por uma opção pessoal. Em entrevista exclusiva ao Jornal imprensa Livre, ele minimizou os problemas jurídicos e diz que sempre estará presente na vida política de Ubatuba.
“Quanto a esse processo, digo tranquilamente que vamos recorrer, pois é uma condenação em primeira instância e acredito que a chance de evertermos essa decisão é muito grande na instâncias superiores. Já sobre minha situação eleitoral posso garantir a todos que teria sim condições de sair nesse ano, no entanto, só não fiz isso por uma decisão familiar e pessoal”, ressaltou o ex-prefeito, completando seus argumentos.

“Eu tinha condições de brigar juridicamente pois meu impedimento acaba ainda em outubro, portanto, eu poderia assumir no caso de eleito. Mesmo assim existe uma ação rescisória neste processo que poderia me liberar até antes das eleições. No entanto, minha opção de apoiar a candidatura do Tato (PTB) foi por uma questão pessoal e de saúde, afinal, acabo de vir de uma cirurgia no coração”, disse Paulo Ramos, ressaltando que pode não estar desejando mais a vida pública, porém seguirá atuando politicamente em prol do desenvolvimento de Ubatuba. 

Antonio Carlos tem registro de campanha aprovado pela justiça eleitoral

Decisão da juíza levou em consideração a legitimidade dos autores do pedido de impugnação registrado pelo PT e PC do B

A juíza Fernanda Ambrogi responsável pela 206ª Zona Eleitoral de Caraguatatuba despachou favoravelmente o pedido de registro da candidatura do atual prefeito e concorrente à reeleição Antonio Carlos da Silva (PSDB) representante da coligação “Avança Caraguá”. A decisão publicada na última sexta-feira levou em consideração o pedido de impugnação registrado pelo Partido dos Trabalhadores (PT) e do Partido Comunista do Brasil (PC do B). 
De acordo com o documento houve falha na forma como os partidos entraram com o pedido acarretando ilegitimidade ativa dos impugnantes. “As impugnações foram interpostas pelos partidos políticos PT e PC do B de forma isolada, embora tais partidos façam parte da coligação partidária Caraguá mudando de verdade. Assim verifico que o partido coligado no processo de registros de candidaturas, não possui legitimidade para impugnar isoladamente perante a justiça eleitoral já que à coligação, a partir do pedido de registro, são atribuídas as prerrogativas e obrigações de partido no que se refere ao processo eleitoral, devendo funcionar como um só partido em reação ao pleito a cujo propósito se formou”, disse a juíza no documento. 
Diante disso, a magistrada sentenciou.“Desta feita, é manifesta a ilegitimidade ativa dos impugnantes ensejando o reconhecimento da carência da ação, razão pela qual indefiro as iniciais e por consequência julgo extinto o processo sem resolução do mérito”, finalizou. 

Juan garante infraestrutura para Zeis durante caminhada na Tropicanga

O candidato a prefeito pelo PMDB, Juan Garcia, voltou a frisar que vai retomar aquele que considera “um dos mais importantes programas sociais e de regularização fundiária” já visto na história de São Sebastião e que foi iniciado na sua gestão entre 2005 e 2008. O tema das Zonas de Especial Interesse Social (Zeis) foi o destaque da caminhada e minicomício que o candidato peemedebista realizou nessa segunda-feira em Boiçucanga (Estrada do Cascalho e Vila Tropicanga), Costa Sul do município.
O peemedebista recordou que quando assumiu a prefeitura havia centenas de processos judiciais determinando a retirada de famílias que ocupavam áreas de proteção ambiental. 

“Tivemos pulso firme, postura de prefeito realmente preocupado com os mais carentes e negociamos com o Poder Judiciário a permanência das famílias em suas casas”.
O candidato do PMDB usou o exemplo da própria Vila Tropicanga para desmentir seus opositores que afirmam que ele mandou derrubar casas em áreas irregulares. “Isso é uma tremenda mentira. Muito pelo contrário, o que fiz foi preservar a casa das famílias. Aqui na Tropicanga impedimos que mais de 50 imóveis fossem demolidos, na numa negociação onde conseguimos reverter à decisão do juiz. Há casos em que não há possibilidade de manter os moradores e a prefeitura é obrigada a cumprir a ordem do juiz. A atual administração demoliu mais de 60 imóveis para atender o Judiciário e eu não digo que foi o prefeito que mandou”, exemplificou.
Juan Garcia lembrara ainda que terminou a construção de mais de 20 casas populares, também na Vila Tropicanga, e que serviram para abrigar aquelas famílias que estavam em áreas de risco no bairro. Ele disse ainda que, ao retornar à prefeitura, dará sequência a este trabalho, interrompido atualmente. 

“Fizemos um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) com o Judiciário, no qual após a regularização da área, a Tropicanga deveria receber saneamento básico, calçamento de vias públicas e instalação de rede coletora de esgoto. Só trouxeram a iluminação e abandonaram o bairro. Voltarei e pavimentarei as ruas e vou tratar da questão do esgoto. Esse é o nosso compromisso com a Tropicanga e outros locais onde residem pessoas carentes em áreas de preservação. Vamos regularizar as terras e dar condições dignas de moradia para a população”, garante Juan. 

Justiça de Caraguatatuba impugna candidatura de Wilson Gobetti para prefeito


A justiça eleitoral de Caraguá julgou procedente a ação de impugnação de registro de candidatura proposta pelo Ministério Público Eleitoral, e reconheceu a inelegibilidade de Wilson Agnaldo Gobetti (PDT), representante da coligação “Caraguá mais unidade e mais feliz”, tendo em vista que este teve suas contas relativas ao exercício do cargo de presidente da Câmara Municipal reprovadas por decisão do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo. Na manhã de ontem, o candidato informou que seus advogados já entraram com recurso na justiça e enquanto aguarda o parecer judicial sua campanha segue normalmente sem sofrer prejuízo nenhum.

“Este é um processo que cabe recurso e os nossos advogados já providenciaram entrar com o pedido. De acordo com o jurídico da campanha a juíza não fez fundamentação nenhuma com relação à impugnação. Os advogados nos tranquilizaram alegando ter outra situação semelhante a esta e que na fase de recurso teve o parecer favorável, se não me engano, na cidade de Barueri”,explicou Gobetti.
No despacho a juíza acata a decisão do MP que registrou o pedido de impugnação devido a rejeição das contas referentes ao período em que o candidato presidiu a Câmara Municipal. “O Ministério Público Eleitoral interpôs ação de impugnação ao registro da candidatura alegando, em síntese que o candidato não atende os requisitos legais necessários para o registro de sua candidatura a cargo eletivo incorrendo em causa de inelegibilidade prevista no artigo 1º,inciso I, alínea q, da lei complementar 64/90, em razão da rejeição de contas referente aos exercícios de 2003, 2004, 2007 e 2008 através de decisão definitiva proferida pelo Tribunal de Contas do Estado. Termino por requerer o indeferimento do pedido de registro de candidatura”, diz a juíza na sentença. 

Com relação à campanha, Gobetti afirmou que continuará suas caminhadas nos bairros e tocando a programação normalmente. “A população de Caraguá que confia em nosso trabalho pode ficar tranquila porque não teremos nenhum problema em continuar nossa caminhada e a disputa nas urnas. Somos sim candidatos e vamos lutar para colocar em prática todas as propostas de nosso plano de governo. As pessoas que acreditam no nosso trabalho podem ficar despreocupados, tudo continua do mesmo jeito. Vamos recorrer aqui primeiro e caso não tenhamos sucesso, vamos buscar o recurso em segunda instância”, planejou. 


Fonte: Jornal Imprensa Livre