Linguiça - Moreira Artesanal

Linguiça - Moreira Artesanal

Cabeça's Barbearia

Cabeça's Barbearia
Av. Pres. Castelo Branco, Sumaré /anexo ao posto Shell, Caraguatatuba, (12) 99616-7705

quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

PREFEITURA PROMOVE SORTEIO DO LOTEAMENTO NOVA CARAGUÁ II

A Secretaria Municipal de Habitação e o Conselho Municipal de Habitação de Interesse Social de Caraguatatuba realizam na próxima quinta-feira (21/1/2016), às 14h, o sorteio para seleção das famílias inscritas na Base de Dados do Programa “Minha Casa Minha Vida”, para o Loteamento Nova Caraguá II, no bairro Travessão.
O Loteamento possui 730 unidades habitacionais, localizado na Estrada Rio Claro, s/nº - Travessão. O sorteio será público e os interessados devem comparecer no Centro Integrado de Ações Socioeducativas (Ciase), do bairro Travessão.
Serão sorteados três grupos de famílias que atenderam aos critérios de priorização, para entrega de documentos comprobatórios e participação no referido programa e montagem de “dossiês”, que serão remetidos à Caixa Econômica Federal para posterior análise de forma hierarquizada.
Divisão – As famílias foram divididas em três grupos para o sorteio:
·     Grupo 1 – famílias que se enquadram entre quatro e seis critérios. Serão destinados a este grupo 60% das unidades habitacionais;
·         Grupo 2 – famílias que se enquadram entre dois e três critérios. Serão destinados a este grupo 25% das unidades habitacionais;
·         Grupo 3 – famílias que se enquadram em até um critério.
Serão destinados a este grupo 15% das unidades habitacionais.
Loteamento Nova Caraguá II - As 730 unidades habitacionais tem previsão de entrega para o mês de setembro. É uma parceria entre o Governo Federal, o Governo do Estado de São Paulo e a Prefeitura de Caraguá. O investimento total no empreendimento é superior a R$ 65,7 milhões, sendo R$ 51,1 milhões provenientes do Minha Casa Minha Vida e R$ 14,6 milhões do Programa Casa Paulista.
São lotes de 126,97 m², com casas geminadas de 50,58 m², distribuídos em dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço com piso cerâmico em todos os cômodos.
Das 730 unidades habitacionais, 52 imóveis estão reservados para pessoas com deficiência e 22 imóveis para idosos. São casas que receberão adaptações para torná-las acessíveis às necessidades de cada família.

Justiça envia intimação a motorista de Cristiano Araújo para depoimento

Denunciado por duplo homicídio culposo, quando não há intenção de matar,  o motorista Ronaldo Miranda Ribeiro, de 41 anos, foi intimado pela  juíza Mércia Batista Leite Dafico, da Vara de Precatórias de Goiânia, para depor sobre o acidente de carro que matou o cantor Cristiano Araújo, de 29, e a namorada do músico, Allana Moraes, de 19, na BR-153, em Goiás.
De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), o mandado foi expedido na última sexta-feira (15) e segue em aberto. O prazo limite para intimação é na próxima terça-feira (26).
O advogado de defesa de Ronaldo, Ricardo Oliveira, disse que ele ainda não havia sido intimado até a manhã desta terça-feira (19).
“Ele está viajando a trabalho, com o cantor Marrone, e não deve estar em Goiânia nesta semana. Como o prazo para cumprimento do mandado vai até a próxima semana, pode ser que o oficial de Justiça o encontre. Se isso não ocorrer, a juíza deve prorrogar o prazo”, explicou.
Ainda segundo Oliveira, o motorista deve prestar depoimento na capital. “Ele deve ser ouvido pela juíza Mércia, que deve encaminhar o processo para a Comarca de Morrinhos, onde corre o processo”, relatou.

Moro rejeita pedido de Odebrecht: 'processo é uma marcha para frente'



O juiz Sérgio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, impediu a tentativa da defesa de Marcelo Odebrecht de atrasar o julgamento do empresário, acusado de participar no esquema de pagamento de propina da Petrobras.
De acordo com informações do jornal O Globo, o advogado Nabor Bulhões acusou os investigadores da Lava-Jato de manipular a delação do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa. A defesa de Odebrecht pediu o retorno do processo à fase de instrução. Moro negou o pedido e afirmou que o “o processo é uma marcha para frente. Não se retornam às fases já superadas”, disse o magistrado no despacho.
A reportagem destaca que a defesa de Odebrecht acusou a força tarefa da Lava-Jato de “deslealdade processual”, isso às vésperas da sentença do empresário.
O criminalista Nabor Bulhões disse que o Ministério Público teria manipulado a delação de Costa ao não colocar no termo de delação nº 35 a menção onde o ex-diretor isenta o executivo de ter feito negociações com ele no esquema de pagamento de propina. A petição pede a inclusão das gravações no processo e o retorno do julgamento ao início, onde são produzidas e apresentadas as provas.
No entanto, Sérgio Moro indeferiu o pedido afirmando requerimentos “são intempestivos”. O juiz disse ainda que a inclusão da citação seriam “desnecessárias ou irrelevantes” já que Costa foi ouvido pelo próprio juiz durante os interrogatórios da ação.
Segundo a publicação, a suposta omissão teria ocorrido num dos depoimentos de Costa em 2014. Quando o ex-diretor narrou como funcionava o sistema de cartel das obras na estatal e apontou quem participava do esquema. Ao citar a Odebrecht, Costa diz os nomes dos ex-executivos Marcio Faria e Roberto Araújo. O interrogador pergunta sobre Marcelo Odebrecht, Costa é enfático: “Uai, eu conhecia ele, tive algum contato com ele, mas nunca tratamos de nenhum assunto desses diretamente com ele”, afirma o ex-diretor.
O Globo explica que o termo de delação, homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF), não faz menção a Marcelo Odebrecht. Apesar de não constar no termo 35 da delação, a declaração do ex-diretor Paulo Roberto Costa isentando o empresário Marcelo Odebrecht consta na denúncia do MPF contra o empresário na Justiça:
“Importante referir, ademais, que o réu colaborador Paulo Roberto Costa, quando de seu depoimento perante as autoridades policiais em 14/07/2015, consignou que, a despeito de não ter tratado diretamente o pagamento de vantagens indevidas com Marcelo Odebrecht, acordo de pagamentos de propina”, ressalta a denúncia feita pelo MPF.
A assessoria da Odebrecht ressaltou, em nota, que para a defesa, a juntada do depoimento na denúncia não altera o fato de ter havido uma “grave omissão”: “o episódio, na visão da defesa de Marcelo, lança uma nuvem de sombra e de dúvida sobre todo o restante do material”.
Além disso, refere a publicação, a defesa afirmou que o depoimento de Paulo Roberto Costa referido na denúncia foi prestado em julho de 2015 e trata única e exclusivamente do contrato de fornecimento de nafta entre Petrobras e Braskem.
A nota destaca que “são depoimentos diferentes, com temas e conteúdos distintos. O termo n. 35, de setembro de 2014, foi tomado 9 meses antes da deflagração da 14ª Fase da Operação Lava Jato, em que foram deferidas medidas constritivas contra Marcelo Odebrecht”.
Ainda segundo a reportagem, a defesa de Marcelo Odebrecht afirmou que não irá se manifestar sobre a decisão de Moro.

Sem acordo, disputa pela liderança do PMDB na Câmara pode ter três candidatos

A possibilidade de apresentação de três candidaturas à liderança, na opinião de Picciani, é uma atitude compatível com a tradicional postura do partido.

Diante da falta de consenso de deputados peemedebistas de Minas Gerais em torno da candidatura de Leonardo Quintão (MG) para fazer frente à tentativa de Leonardo Picciani (RJ) de ser reconduzido à liderança da bancada do PMDB da Câmara, parlamentares contrários ao atual líder não descartam a possibilidade de uma terceira candidatura.
Segundo o deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), integrante da ala mais oposicionista do partido, a discussão ainda é muito inicial e não há decisão sobre o tema. Reconhece, no entanto, que há conversas no partido sobre uma terceira candidatura, e que poderia ser de um deputado nordestino da sigla, uma forma de "aglutinar" o partido.
"Quando há uma demora para tomar uma decisão, pode haver margem para uma terceira candidatura", disse Vieira Lima à Reuters nesta terça-feira.
"(A terceira candidatura) seria também de oposição ao Picciani", disse o deputado.
Picciani tenta a reeleição ao posto de líder do PMDB da Câmara, mas enfrenta a resistência de parte do partido mais alinhado à oposição e ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que rompeu com o governo em julho do ano passado.
Apontado como um dos possíveis nomes para essa terceira candidatura, Hugo Motta (PB), aliado de Cunha, foi na mesma linha de Vieira Lima e afirmou que a discussão ainda está no começo e que a disputa pela liderança foi muito precipitada.
"Não posso ser candidato de mim mesmo, tem que ver como vai ficar", disse o deputado à Reuters. Embora tenha minimizado os rumores sobre disputar a liderança, ele não descartou "surpresas" no início de fevereiro, mês em que será feita a escolha do líder.
Quintão, por sua vez, reuniu-se com deputados mineiros na segunda-feira, mas não conseguiu consenso em torno de seu nome. Garante a aliados, no entanto, que tem 5 dos 7 votos da bancada mineira do partido.
A possibilidade de apresentação de três candidaturas à liderança, na opinião de Picciani, é uma atitude compatível com a tradicional postura do partido.
"O PMDB tem um histórico de disputa. O PMDB no seu dissenso acaba ao final das contas encontrando o consenso, não é nenhum bicho de sete cabeças", disse o atual líder a jornalistas.
Segundo Picciani, os deputados peemedebistas interessados na eleição para comandar a bancada terão até o dia 3 de fevereiro para inscrever suas candidaturas. A eleição está prevista para o dia 17 de fevereiro.
Ainda que quase a metade do partido na Câmara se posicione declaradamente contrária ao Planalto e favorável ao fim da aliança com o PT, o PMDB é de extrema importância para o governo. Um dos maiores partidos da Casa, tem papel decisivo em votações prioritárias, assim como na decisão sobre a abertura do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff.
A bancada da Câmara do PMDB deixou suas divergências evidentes durante a discussão sobre os nomes que representariam o partido na comissão especial que analisará a abertura de processo de impeachment contra a presidente.
Descontentes com as escolhas de Picciani, favoráveis ao Planalto, dissidentes da legenda apresentaram uma lista alternativa, aliados com a oposição. Venceram a eleição para os membros da comissão, mas ela foi posteriormente anulada por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).
A ala de rebeldes chegou a destituir Picciani da liderança após esse episódio, colocando Quintão em seu lugar, mas o deputado fluminense conseguiu retomar o posto apenas oito dias depois.
COMANDO
Além da divisão da bancada na Câmara, peemedebistas enfrentam divergências para a escolha de seu presidente nacional. O atual titular do cargo, o vice-presidente da República Michel Temer, buscará ser reconduzido na convenção do partido em março.
Temer saiu desgastado do episódio da lista para a comissão especial e da troca repentina de liderança no fim do ano passado, razão pela qual tem evitado interferir diretamente na escolha do líder na Câmara. A ideia, segundo uma fonte do PMDB, é que o vice dedique os dias anteriores à convenção da legenda em março para angariar votos e garantir sua recondução.
Essa fonte minimizou a possibilidade de apresentação de candidatura alternativa à de Temer para a presidência do PMDB. A leitura é a de que a apresentação de um candidato alternativo ao comando do partido, que represente a ala do presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), como tem sido especulado, poderia sinalizar sujeição aos interesses do Planalto.
A convenção nacional do PMDB pode tratar ainda do desembarque do partido do governo e da aliança do PT.
Segundo outra fonte dos peemedebistas, ligada à ala de senadores, é "certo" que a convenção de março tratará do desembarque, mas na avaliação dessa fonte, o PMDB não deve decidir por um rompimento drástico.
"Ao longo do ano (de 2015) já havia essa consciência de que tinha que iniciar esse desembarque, mas um início de desembarque. Pode ser, por exemplo, uma decisão de liberar as alianças para as eleições municipais, é uma tese que pode ganhar corpo", disse.
Temer deve se reunir com Dilma na quarta-feira, o primeiro encontro dos dois neste ano.

Família de Eduardo Campos pede análise de relatório sobre acidente


Após a apresentação do relatório sobre o acidente de avião que matou o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, o advogado da família divulgou nota em que defende uma “aprofundada análise” do documento e lamenta o fato de a Aeronáutica não ter usado um simulador de voo para auxiliar nas investigações da tragédia.
O relatório foi divulgado nesta terça-feira (19) pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa).
Apresentação do relatório final da investigação do acidente que matou sete pessoas, entre elas o ex-governador de Pernambuco e candidato à presidência da República Eduardo CamposFabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
“A família sente a necessidade de uma aprofundada análise do relatório do Cenipa. Mas, de pronto, lamenta que não tenha sido feito o teste com o simulador de voo”, diz a nota. Para a família de Campos, que era candidato à Presidência da República, o uso de um simulador de voo nas mesmas condições do dia do acidente seria importante para auxiliar a investigação.
De acordo com tenente-coronel Raul de Souza, da equipe de investigação do Cenipa, foram feitas tentativas junto à empresa fabricante do avião para realizar a simulação, mas não houve resposta. “Poderíamos ter acrescentado ou afastado algumas hipóteses [para o acidente]”, reconheceu o oficial.
Para o major aviador Carlos Henrique Baldin, o simulador apenas encurtaria o caminho para a conclusão das investigações, sem resultados diferentes. “A gente conseguiu suplantar a falta de simulador com cálculos manuais, matemáticos. Por conta disso, demoramos um pouco mais para concluir o relatório”, disse o militar em entrevista coletiva realizada após a divulgação do relatório.
Conjunto de falhas
De acordo com a investigação do Cenipa, uma série de fatores pode ter determinado a queda do avião que levava Eduardo Campos. Entre eles, o preparo insuficiente da tripulação. Nem o piloto, Marcos Martins, nem o copiloto, Geraldo Magela da Cunha, tinham feito cursos para pilotar a aeronave modelo Cessna 560 XL. Martins estava preparado para operar uma aeronave de modelo anterior, e o copiloto não tinha treinamento para nenhuma das duas versões.
O trajeto feito por Martins minutos antes do acidente também foi citado no relatório. O piloto informou, por rádio, que tinha tomado os procedimentos para pouso, mas a aeronave não estava na posição recomendada naquele momento do procedimento. Ele deveria ter feito duas curvas no espaço aéreo próximo à pista de pouso – chamadas bloqueio e rebloqueio –, mas seguiu direto em direção à pista, em uma espécie de atalho, segundo o relatório da Aeronáutica.
De acordo com o Cenipa, a falta de treinamento do piloto e o co-piloto naquele modelo de aeronave pode ter dificultado a arremetida do avião quando eles não conseguiram pousar e tentaram levantar voo. A rota inadequada somada à baixa visibilidade decorrente do mau tempo podem ter provocado uma “desorientação” em Martins e Cunha.
Apesar dos padrões de voz do copiloto, gravados durante o voo, demonstrarem aparente fadiga e sonolência, a equipe do Cenipa evitou atribuir culpa a Cunha. “A gente não tem como mensurar, apesar do teste de avaliação de voz. A gente não pode afirmar que isso [cansaço] tenha comprometido o desempenho [do co-piloto]”, disse o major aviador Baldin.
O Cenipa, apesar de concluir que houve falha humana, evitou responsabilizar apenas o piloto e o co-piloto pela tragédia. “A gente consegue inferir, com todas as informações, que a aeronave estava apta para o voo. Mas não foi 100% falha humana”, disse o tenente-coronel Souza.
Um relatório alternativo será apresentado amanhã (20), às 9h30, pela Associação Brasileira de Parentes e Vítimas de Acidentes Aéreos, em São Paulo. A entidade adiantou que o relatório vai expor falha mecânica da aeronave.

Veja como estão os presos da Lava Jato

Foto de Heuler Andrey.

O Complexo Médico-Penal, em Pinhais (região metropolitana de Curitiba) é onde estão detidos os políticos, ex-dirigentes da Petrobras e executivos de empreiteiras condenados na Operação Lava Jato.
As imagens foram publicadas pela revista "Veja" e reproduzidas na Folha de S. Paulo.
A Folha destaca que entre os detentos estão o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, acusado de usar sua empresa de consultoria como fachada para intermediar propina da Petrobras, e Marcelo Bahia Odebrecht, herdeiro e principal executivo do quarto maior grupo privado do país até ser preso por ordem do juiz Sergio Moro em junho do ano passado.
As celas tem aproximadamente 12 metros quadrados e três presos – a proporção de 4 m² por prisioneiro é superior aos padrões da Corte Europeia de Direitos Humanos (3m² por pessoa).
A publicação explica que as cama são de cimento e há uma latrina rente ao chão, chamada pelos detentos de "boi", e um pequeno tanque. A luz natural entra por uma janela retangular pelo extremo oposto à porta do cubículo.
A sala de banho é coletiva, com há quatro duchas que saem da parede. O chão é de cimento queimado.
No Complexo, os presos acordam às 6h30 e se recolhem às 22h.
Uma das celas do Complexo Médico Penal em Pinhais (PR).Foto de Heuler Andrey.
Uma das celas do Complexo Médico Penal em Pinhais (PR).
Área de chuveiros no Complexo Médico Penal em Pinhais (PR)Foto de Heuler Andrey.
Área de chuveiros no Complexo Médico Penal em Pinhais (PR).
Corredor do Complexo Médico Penal em Pinhais (PR)Foto de Heuler Andrey.
Corredor do Complexo Médico Penal em Pinhais (PR).

1 em cada 10 cidades do Estado de São Paulo já vive surto de dengue

LIXO - O lixo espalhado é foco do mosquito. Deixa sempre os resíduos ensacados para coleta

Pelo menos uma em cada dez cidades paulistas já vive epidemia de dengue, três meses antes do período de pico da doença, registrado historicamente em abril. O quadro considera o número de casos notificados de outubro a dezembro de 2015, período que se iniciam as altas temperaturas e as chuvas, condições climáticas propícias à reprodução do mosquito Aedes aegypti, transmissor ainda da chikungunya e do zika vírus.
Estatísticas divulgadas na segunda-feira no site do Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Estadual da Saúde mostram que 67 dos 645 municípios do Estado já registram, na temporada iniciada no último trimestre de 2015, taxa de incidência da doença acima de 300 casos por 100 mil habitantes, índice considerado epidêmico. Entre as cidades em situação preocupante estão Ribeirão Preto, São José dos Campos, São José do Rio Preto, Presidente Prudente, Ilhabela e Sorocaba.
O levantamento já aponta para a possibilidade de uma nova epidemia de dengue neste ano no Estado, que, em 2015, registrou o pior surto da doença na história, com 649.562 casos confirmados durante todo o ano, mais do que o triplo do relatado no ano anterior. Também houve recorde de mortos por complicações de dengue em território paulista: 454. O número de municípios de São Paulo que alcançaram índice epidêmico, se considerado o acumulado de casos de todo o ano de 2015, também triplicou, passando de 142, em 2014, para 481 no ano passado.
Presidente do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo (Cosems/SP) e titular da pasta na cidade de Ribeirão Preto, Stênio Miranda afirma que o aumento expressivo de casos antes do período de pico do ano tem preocupado as prefeituras, que sofrem com limitações orçamentárias para investir mais no trabalho de combate ao mosquito. “O panorama até dezembro é que temos, sim, alguns municípios vivendo uma antecipação do crescimento de casos. A expectativa agora é saber se isso vai se restringir a algumas regiões ou se pode espalhar-se para mais cidades”, diz ele.
Em Ribeirão Preto, desde outubro, o número de casos confirmados tem triplicado mês a mês. “Em outubro foram 60; em novembro passou para 300; em dezembro já são 800 confirmados e esse número pode aumentar com a conclusão de exames. Só até o dia 18 de janeiro, já são 4 mil casos notificados”, relata Miranda. A cidade também registrou 72 casos suspeitos de zika vírus, com a confirmação de quatro, e dois de chikungunya. Diante do quadro, a prefeitura decretou estado de emergência.
Dificuldades
A chuva que tem sido frequente há semanas vem dificultando o combate à dengue na cidade. Equipes estão indo às casas pedir que os moradores reforcem a atenção com os possíveis criadouros do mosquito transmissor. “Já diminuí muito o número de vasos e estou evitando qualquer coisa que junte água”, disse a dona de casa Maria de Lourdes Dias Silva, moradora do bairro Campos Elísios, que teve a casa visitada por agentes de combate à dengue. “Eles deram outras orientações que também vão ajudar a não pegar a doença”, contou.
A situação da dengue na cidade fez aumentar em mais de 20% em janeiro a procura pelo serviço público na área médica. Estimativa da Secretaria Municipal da Saúde aponta que 29 mil pessoas podem ser infectadas até junho, o que caracterizaria a pior epidemia da história da cidade. Para enfrentar o problema, nesta semana a Divisão de Farmácia da prefeitura distribuiu 15.500 frascos de soro fisiológico de hidratação endovenosa para as quatro unidades de pronto atendimento do município. “Esse medicamento é o principal reidratante para os pacientes que estão em tratamento de dengue”, explicou o farmacêutico Romano Carelli Junior.
Rio torna obrigatória a notificação de grávidas com sintomas de zika: O mosquito 'Aedes aegypti' é transmissor do zika vírus, da dengue e da chikungunya
Para adquirir os remédios, a secretaria teve de fazer uma compra emergencial. De acordo com Carelli, em janeiro o produto está sendo consumido em quantidade cinco vezes maior do que em dezembro. Também foram reforçados estoques de outros medicamentos, como paracetamol e dipirona.
A expectativa da prefeitura é de que, neste ano, os custos com o tratamento da dengue e do zika fiquem entre R$ 15 milhões e R$ 20 milhões. Para reduzir o gasto também têm sido tomadas medidas preventivas, como mutirões de limpeza. Pelo menos 66 cidades da região de Ribeirão marcaram um mutirão para o dia 30. Ribeirão ainda cancelou o carnaval da cidade para direcionar a verba para ações de combate à doença.

‘Não tem uma viva alma mais honesta do que eu’, afirma Lula

O petista disse que ‘o governo criou mecanismos para que nada fosse jogado embaixo do tapete nesse País’.

Guilherme Araújo esteve no café da manhã com blogueiros na manhã desta quarta-feira, 20, no Instituto Lula, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que ‘não tem uma viva alma mais honesta’ do que ele. O petista começou a responder perguntas a partir das 10h. Na primeira resposta, Lula falou sobre investigação de corrupção.
“Se tem uma coisa que eu me orgulho, neste país, é que não tem uma viva alma mais honesta do que eu. Nem dentro da Polícia Federal, nem dentro do Ministério Público, nem dentro da igreja católica, nem dentro da igreja evangélica. Pode ter igual, mas eu duvido”, disse.
Oficialmente, Lula não é alvo da Operação Lava Jato, a maior investigação contra a corrupção já realizada no País e que pegou antigos aliados seus, quadros históricos do PT, como José Dirceu, ex-ministro chefe da Casa Civil, e João Vaccari Neto, ex-tesoureito do partido – ambos estão presos em Curitiba, base da missão Lava Jato.
Lula já depôs na Polícia Federal na condição de ‘informante’.
O petista disse que ‘o governo criou mecanismos para que nada fosse jogado embaixo do tapete nesse País’. Para Lula, a presidente Dilma Roussef um dia será enaltecida, pelo que ela criou de condições para permitir que ‘neste país todos saibam que tem que andar na linha’. Segundo o ex-presidente, isto vale do ‘mais humilde ao mais alto escalão brasileiro’.
“Já ouvi que delação premiada tem que ter o nome do Lula, senão não adianta”, declarou. “Duvido que tenha um promotor, delegado, empresário que tenha a coragem de afirmar que eu me envolvi em algo ilícito.”
O ex-presidente afirmou que ‘tem uma tese que o Lula faz jogo de influência’. “As pessoas deveriam me agradecer. O papel de qualquer presidente é vender os serviços do seu País. Essa é a coisa mais normal em um país”, disse. “Como se o papel de um presidente fosse ser vaca de presépio.”

Filha de Fátima Bernardes corta o cabelo e impressiona por semelhança com a mãe

<p>Laura Bonner, filha de Fátima Bernardes e William Bonner, chamou atenção nas redes sociais ao postar em seu perfil no Instagram uma foto em que mostra o novo corte de cabelo.</p><p>A jovem, de 18 anos de idade, deixou as madeixas longas e adotou o corte na altura dos ombros, semelhante ao de sua mãe.</p><p>Com isso, os internautas, é claro, começaram a comparar a morena à apresentadora do “Encontro”, da TV Globo.</p><p>"Linda igual à mãe", disse um seguidor. "Está a cara da mãe", escreveu outro. "Está a cara da Fátima mais do que nunca", comentou um terceiro.</p><p>Fátima Bernardes e William Bonner são pais dos trigêmeos Laura, Beatriz e Vinícius.</p>

Laura Bonner, filha de Fátima Bernardes e William Bonner, chamou atenção nas redes sociais ao postar em seu perfil no Instagram uma foto em que mostra o novo corte de cabelo.
A jovem, de 18 anos de idade, deixou as madeixas longas e adotou o corte na altura dos ombros, semelhante ao de sua mãe.
Com isso, os internautas, é claro, começaram a comparar a morena à apresentadora do “Encontro”, da TV Globo.
"Linda igual à mãe", disse um seguidor. "Está a cara da mãe", escreveu outro. "Está a cara da Fátima mais do que nunca", comentou um terceiro.
Fátima Bernardes e William Bonner são pais dos trigêmeos Laura, Beatriz e Vinícius.

Desenhos feitos por Michael Jackson serão colocados à venda

Michael Jackson

Uma coleção de desenhos feitos por Michael Jackson serão colocados à venda.
Joseph McBratney alega ter reunido particularmente mais de 100 desenhos do falecido cantor do sucesso 'Thriller' - que morreu em junho de 2009 aos 50 anos - incluindo esboços do grupo The Beatles, da princesa Diana, Abraham Lincoln, Charlie Chaplin, Bart Simpson, Peter Pan, Mickey Mouse, Snoopy e Garfield, e agora quer vendê-los com o intuito de arrecadar dinheiro para ajudar crianças em risco.
McBratney disse à coluna 'Page Six', do 'New York Post': "É uma grande responsabilidade, montei esta coleção".
"[Quero criar] um fundo sem fins lucrativos para ajudar as crianças. Seria uma vergonha esta bela propriedade se tornar qualquer outra coisa que não seja uma propriedade de cura para o sofrimento de crianças e adultos que nunca teriam a oportunidade de estar em recuperação ou tratamento".
Joseph - que também é conhecido como Joe Brat - começou a colecionar os desenhos pela primeira vez depois de comprar alguns itens de memorabilia do astro de 'Billie Jean' no eBay. Desde então, ele foi encaminhado por um vendedor a uma mulher mexicana que havia adquirido uma série de esboços enquanto trabalhava para a Sony.
Todas as imagens são assinadas pelo cantor e o colecionador afirmou que elas foram autenticadas por um serviço de autenticação de autógrafo.
Falando em nome de Joseph, seu conselheiro Jeffrey Gurian disse: "Muitas pessoas não sabem que Michael Jackson, além de ser o Rei do Pop, também era um artista talentoso. Seu mentor no mundo da arte era Brett-Livingstone Strong, com quem ele criou a coleção Jackson-Strong Alliance".
Joseph também quer montar uma exposição dos desenhos criados por Michael Jackson.

Monique Evans se decepciona com Mocidade quer distância do Carnaval: “Nem pela TV” Primeira Rainha de Bateria se envolveu em polêmica após ter os salários atrasados



Ex-Rainha de Bateria, Luiza Brunet negocia volta à escola Imperatriz Leopoldinese

Luiza Brunet

Os fãs de Luiza Brunet vão gostar da novidade. A modelo poderá voltar a desfilar pela Imperatriz Leopoldinense no Carnaval do Rio de Janeiro, neste ano.
Afastada da Marquês de Sapucaí desde 2012, a mãe de Yasmin Brunet teria visitado o barracão da escola de Ramos, que este ano homenageará a dupla Zezé Di Camargo & Luciano.
Segundo o jornal “Extra”, a bela está estudando a possibilidade de ser destaque no desfile - ela foi Rainha de Bateria da Imperatriz por quinze anos: de 1995 a 2005, e de 2008 a 2012.
A atual Rainha da escola é a atriz Cris Vianna.

Sabrina Sato aposta em body cheio de recortes para ensaio da Gaviões da Fiel

A noite da última terça-feira (19) foi de muito samba no pé para Sabrina Sato. A apresentadora da Record arrasou em mais um ensaio da Gaviões da Fiel, na quadra da agremiação em São Paulo.
Madrinha de Bateria da escola, a beldade apostou em um body cheio de recortes e todo decorado para a noite de agito. O look, aliás, deixou a boa forma da japa ainda mais evidente.
Tati Minerato, Rainha de Bateria da preto e branco, sambou com modelito laranja bem curtinho, cheio de transparências.
Sabrina Sato

Com Wesley Safadão no palco, Preta Gil rebola até o chão em ensaio de seu bloco

Preta Gil e Wesley Safadão

Preta Gil comandou mais um ensaio do Bloco da Preta em uma boate na Lagoa Rodrigo de Freitas, zona sul do Rio de Janeiro, na madrugada desta quarta-feira (20).
A cantora apostou em um body colorido, decotado e bem justinho ao corpo para a grande noite. Empolgada, a filha de Gilberto Gil recebeu no palco Wesley Safadão, Tays Reis e os amigos Letícia Lima e David Brazil.
A atriz de “A Regra do Jogo” - trama das 21h da TV Globo -, aliás, recebeu o título de musa do bloco. "Vocês não sabem a alegria que eu estou!", vibrou.
O Bloco da Preta já faz parte do calendário fixo de blocos tradicionais que desfilam pelas ruas do Rio de Janeiro durante o Carnaval. 

Ministério Público pede retratação da Record por comentários no “Cidade Alerta”

Marcelo Rezende

O Ministério Público de São Paulo exigiu uma retratação da Record por comentários feitos pelo apresentador Marcelo Rezende na edição do “Cidade Alerta” que foi ao ar no dia 23 de junho do ano passado.
No programa, o jornalista exibiu uma perseguição policial e tratou os suspeitos como culpados, segundo o jornal “Agora S. Paulo”. O âncora, inclusive, pediu para que os oficiais atirassem nos homens.
Ao MP, a emissora alegou que não havia como escolher imagens apropriadas para o horário ou prever o fim da ação policial.

Marcelo Rezende se irrita com comportamento de Aline Riscado e desabafa: “O Verão se fez eclipse”

Marcelo Rezende e Aline Riscado

De férias em Orlando, nos Estados Unidos, Marcelo Rezende se irritou com Aline Riscado após encontrar com a ex-bailarina do Faustão e Latino no último domingo (17). A morena se recusou a tirar uma foto com ele e deixou o apresentador revoltado.
Em seu Instagram, Rezende desabafou a respeito da situação. “Fui fazer uma foto do meu amigo Latino com essa moça, e o verão virou inverno. Ela achou que eu ia dizer que eles eram namorados. É não conhecer a diferença entre amizade e vulgaridade. O verão se fez eclipse”, lamentou.
Logo no dia seguinte, no entanto, Aline resolveu se desculpar com o artista após o climão. “O verão chegou num sorriso cativante, que iluminou a todos. Eu não gosto de 'mal parado'. Vou esclarecer: outro dia quis tirar uma foto com Latino e Aline. Ela não entendeu, ficou com receio de ser apenas os dois e começar a história do 'tá pegando'. Ela foi ríspida e eu não gostei”.
Rezende explicou que tudo ficou bem entre os dois: "Pois bem: ontem ela me procurou, conversamos e nos desculpamos. Mas tem um momento especial: a dignidade dela ter provocado o assunto, para não deixar a história ir longe. Se nos desculpamos em particular, quero aqui pedir desculpas publicamente. Sabe, Aline, com seu gesto você conquistou um amigo - eu mesmo".


Estudo revela possibilidade de novo 'Tsunami de lama' em MG

<p>Barragem de Santarém corre risco de transbordar e se romper.</p>

Uma das medidas pedidas pela Justiça à mineradora Samarco foi a realização de um estudo que mostrasse a situação de outras barragens em Mariana (MG) que, danificadas pela de Fundão, poderiam também se romper e causar um 'Tsunami de lama' ainda mais prejudicial à fauna, flora e aos cidadãos da região.
O trabalho, desenvolvido pela consultoria Pimenta de Ávila mostra que o rompimento destas barragens resultaria no vazamento de 105 bilhões de litros de rejeitos, que teriam capacidade de percorrer ao menos 109 quilômetros, chegando à hidrelétrica Risoleta Neves (Candonga). Para efeito de comparação, a barragem de Fundão despejou 40 bilhões.
O estudo revela também que a barragem de Santarém corre risco de transbordar ou se romper, fazendo com que em dez minutos a lama chegasse ao povoado de Bento Rodrigues, atingido pelos rejeitos de Fundão - em 11 horas, chegaria ao município de Barra Longa, a 77 quilômetros de distância.
Devido a essa possibilidade, revela a Folha de S. Paulo, a consultoria sugere que a Samarco cadastre as habitações em risco de forma a facilitar o processo de evacuação. Outra recomendação é que a mineradora elabore novo plano de emergência para as barragens que restaram. A implementação das medidas será cobrada pelo Ministério Público.

Operador de caixa surpreende cliente com atendimento a idosa



Sarah Owen Bigler fazia compras na semana passada com os filhos em Indianapolis, onde mora, quando, ao chegar aos caixas caixas do supermercado, ficou atrás de uma idosa que não só pagou as compras com moedas pequenas, como ainda insistiu em pagar cada artigo separadamente.
No seu perfil de Facebook, a norte-americana explicou como se sentiu incrivelmente frustrada ao perceber que iria estar ali algum tempo à espera. No entanto, não foi por isso que Sarah se deu ao trabalho de escrever o sucedido nas redes sociais.
Ishmael Gilbert, o operador de caixa que estava a atender, foi o motivador da publicação. Sarah explicou como o homem acomodou todos os pedidos da senhora sem se mostrar aborrecido uma única vez.
“Não o vi bufar, reclamar ou revirar os olhos uma única vez que fosse. Não foi nada menos que paciente e delicado”, escreveu Sarah, na mesma publicação, acompanhada com uma fotografia do momento.
“Saímos do supermercado com um carrinho cheio de compras, mas mais do que isso [saímos] com o coração cheio de agradecimento por uma lição tão valiosa”, terminou a mulher, pedindo aos clientes daquele estabelecimento que sorrissem ao Ishmael sempre que lá fosse porque “o mundo precisa de mais pessoas como ele”.
 A publicação de Sarah no seu perfil de Facebook conseguiu, até ao momento, quase 26 mil compartilhamentos.

Marina Ruy Barbosa assume namoro com o piloto Alexandre Negrão: 'Feliz'

Marina Ruy Barbosa assume namoro com o piloto Alexandre Negrão: 'Feliz'

Marina Ruy Barbosa acaba de deixar o time dos solteiros. A atriz confirmou que está namorando o piloto de Stock Car Alexandre Negrão, com quem mantinha um affair desde o fim de 2015. "Ela está namorando e feliz", limitou-se a dizer a assessoria da artista. Na madrugada desta terça-feira (19), a intérprete da Eliza da novela "Totalmente Demais" alterou seu status no Facebook para "em um relacionamento sério".
Marina e o atleta passaram a virada do ano juntos em Fernando de Noronha, mas procuraram ser discretos, já que ela estava acompanhada dos pais, Gioconda e Paulo. O casal voltou a se encontrar no fim de semana seguinte ao Réveillon.
Oficialmente solteira desde junho de 2015, após nove meses com Caio Nabuco, Marina não havia assumido nenhum relacionamento depois de terminar com o empresário. Ela teria vivido um romance com Roberto Marinho Neto, um dos herdeiros da Globo e colocado um ponto final na relação por ciúmes da modelo Izabel Goulart, ex-namorada do rapaz. A atriz ironizou os rumores ao posar ao lado da top, de quem é amiga. Recentemente, ela foi apontada como affair do político Irajá Abreu, que negou o envolvimento com a ruiva, além de ser fotografada com um moreno, no Rio.

Oferta do Chelsea fará passagem render R$ 53 mi a Pato e 'prejuízo' de R$ 25 mi a Corinthians

Alexandre Pato em sua apresentação no Corinthians, em janeiro de 2013

Xiiiiiiiiiiiiiiii, vazou o valor da proposta do Chelsea por Alexandre Pato será de dez milhões de libras, ou R$ 58 milhões. Pelo que foi a passagem do atacante, o valor faz com que muitos torcedores do Corinthians comemorem, mas ninguém tem mais motivos para sorrir do que próprio jogador - ao menos financeiramente.
Se confirmada a oferta inglesa, a passagem pelo Brasil renderia, entre salários e a parte que lhe cabe na negociação, quase R$ 53 milhões a Pato. Já para o Corinthians, a quantia diminuirá o prejuízo, mas não fará com que o clube recupere o que pagou, tanto na transferência quanto nos vencimentos mensais.
Dos R$ 58 milhões que o Chelsea supostamente pagaria na negociação, 60%, ou R$ 34,8 milhões, vão para os cofres do Corinthians, R$ 5,2 milhões a menos do que os R$ 40 mi que o clube desembolsou em janeiro de 2013. Já em salários, a equipe alvinegra gastou, no total, mais de R$ 20 milhões, totalizando R$ 60,4 mi em despesas - a balança fica negativa em R$ 25,6 milhões.
Pato, por sua vez, por ter aberto mão de luvas quando chegou ao Corinthians, fica com 40% do valor por que for negociado - de R$ 58 milhões, sua fatia seria de R$ 23,2 mi. Em salários, considerando também a parte que recebeu nos 23 meses que esteve emprestado ao São Paulo, o atacante recebeu R$ 29,6 milhões, totalizando R$ 52,8 mi em sua passagem no Brasil.
Desde que deixou o Milan, o salário de Pato é de R$ 800 mil mensais. Em 2013, o Corinthians arcou com esse valor sozinho, mas, em 2014 e 2015, ao emprestá-lo ao São Paulo, pagou só metade dessa quantia a equipe tricolor desembolsou a outra metade. 
No Corinthians, Pato fez 62 jogos, com 17 gols marcados. Seu lance mais marcante, porém, foi um erro, a cavadinha em um pênalti contra o Grêmio, que acabou eliminado o time da Copa do Brasil. Já no São Paulo, o atacante viveu bons momentos, principalmente em 2015. Foram 98 partidas, com 38 bolas na rede - 26 na última temporada e ainda 15 assistências.

Ludmilla nega ganhar R$ 1 milhão por mês com shows: 'Mentira. Um dia chego lá'

Ludmilla negou ganhar R$ 1 milhão por mês: 'É mentira. Um dia chego lá'

Dona de uma lancha de R$ 300 mil, Ludmilla negou estar ganhando R$ 1 milhão ao mês. "É mentira e eu não falei isso em lugar nenhum!", afirmou a cantora em entrevista ao "TV Fama", desta segunda-feira (18). "Comprei a lancha, mas não estou ganhando R$ 1 milhão por mês. Um dia eu chego lá", reforçou a funkeira eleita rainha do Cordão do Bola Preta para este Carnaval.
Por falar em folia, a intérprete de "Hoje" - música balbuciada por Roberto Carlos em seu especial de fim de ano - não escondeu sua ansiedade para desfilar pela primeira vez na Marquês de Sapucaí como musa do Salgueiro. "Estou doida para pisar na Avenida", contou Ludmilla, dona de uma mansão de oito quartos na Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio de Janeiro.
Para aguentar o ritmo dos dias de Carnaval, a cantora intensificou os exercícios físicos e alterou o seu cardápio. "Entrei em uma dieta louca. Não sei nem como estou aguentando, mas estou indo. E estou malhando para caramba", disse a funkeira que atribui à genética sua boa forma. "Acho que foi porque fui crescendo. Nem minha mãe entende o que aconteceu comigo. Porque ela sempre foi mulherão e aos 21 anos, tinha um corpo violão. Acho que é isso. Puxei dela", finalizou a artista que passou por uma transformação no visual.

Arquivos Públicos de Caraguá tornam-se referência em gestão documental‏

O Arquivo Público do Estado de São Paulo (APESP), por meio do Centro de Assistência aos Municípios (CAM), considerou o “Arquivo Administrativo José Lúcio de Alcântara” de Caraguatatuba (Arquivo Geral Municipal) e o Arquivo Arino Santa’Ana de Barros  (Arquivo Permanente e Histórico) referências em gestão documental. Na segunda-feira (11), servidores da Prefeitura de Santa Isabel fizeram uma visita técnica ao Arquivo Geral Municipal, Arquivo Permanente e Arquivo Central da Fundacc (Fundação Educacional e Cultural de Caraguá) para conhecerem a organização, condução dos trabalhos de gestão documental e a implantação da Tabela de Temporalidade de Documentos por recomendação do Arquivo Público do Estado.
De acordo com a diretora da Divisão de Arquivo Público Municipal, Luzia Rodrigues de Toledo Prado, o Arquivo Público do Estado de São Paulo sugeriu a visita técnica para os servidores de Santa Isabel. “Estaremos sempre de portas abertas para funcionários e arquivistas de outros municípios, porque não é uma tarefa fácil desenvolver e manter uma gestão documental eficiente”, adianta.
Luzia destaca que, em muitas cidades, os arquivos são esquecidos e desamparados, com guardas de documentos precárias e profissionais desvalorizados. “Ao contrário de nossa Administração, que deu suporte em todos os sentidos para trabalharmos e tornarmos referência em arquivos públicos para os municípios que estão começando uma gestão documental.”
Segundo Luzia, um dos maiores desafios para a Administração Pública é a implantação da Tabela de Temporalidade de Documentos nas secretarias, fundações e autarquias. “Após aprovação e oficialização pela autoridade competente, estabelece a temporalidade para cada documento produzido, eliminação ou guarda permanente. A Comissão de Avaliação de Documentos de Arquivo foi criada para implantação da tabela com representantes de todas as secretarias auxiliando os trabalhos.”
O Arquivo Administrativo José Lúcio de Alcântara (Arquivo Geral Municipal) está localizado na Rua dos Ipês, 205 – Cidade Jardim. O horário de atendimento é das 9h às 16h30. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (12) 3882-5706. O Arquivo Histórico Arino Sant’Ana de Barros está localizado no Polo Cultural Profª Adaly Coelho Passos (Praça do Caiçara), na Praça Dr. Cândido Motta, 72 – Centro. O telefone é o (12) 3883-9980.
História
Os trabalhos de gestão documental em Caraguá iniciaram em 1998, com a criação do Arquivo Histórico Arino Sant’Ana de Barros.  Em 2010, começou a organização do acervo documental do Arquivo Administrativo José Lúcio de Alcântara. A Lei Municipal 2.218/2015 estruturou a Divisão de Arquivo Público Municipal, responsável pela Gestão Documental Municipal. Mais de 300 servidores fizeram curso de capacitação para auxiliar no arquivamento de documentos nos arquivos das secretarias.  
“Hoje, o Arquivo Administrativo encontra-se 100% organizado. Todo trabalho realizado beneficiou o acesso à informação, não só para a administração, mas para os munícipes e pesquisadores que necessitam de acesso aos documentos públicos”, explica a diretora.

Xanddy e Carla Perez

Carla Perez e Camilly Victória

O casal Xanddy e Carla Perez abre as portas da sua residencia para o Blog do Guilherme Araújo e faz fotos com o casal de filhos e da filha, Camilly Victória, de 14 anos. A ex-dançarina posou com a mesma estampa da filha nos bastidores de um show de Xanddy em Salvador, na Bahia.
Para a ocasião, a loira apostou em um vestidinho curtinho. Já a jovem escolheu um short branco e uma blusa que combinava com o figurino da mãe.
Os fãs ficaram surpresos com a semelhança entre as duas. “Tal mãe, tal filha”, disse um. “Muito parecidas”, comentou outro.
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos
Casados desde 2001, Carla Perez e Xanddy são pais de Camilly Victória, de 14 anos, e Victor Alexandre, de 12 anos

Em carreira solo, Joelma grava primeiro CD com participações dos filhos

Joelma quer começar sua carreira solo com o pé direito! E para isso, a cantora teve participações mais do que especiais na gravação de seu primeiro CD.A ex-esposa de Ximbinha recebeu os filhos, Yasmin, de 11 anos, e Yago, de 19, no estúdio para cantarem ao seu lado."Que orgulho, meu filho gravando meu CD", escreveu Joelma na legenda da foto que postou em seu perfil no Instagram.O primeiro trabalho solo de Joelma tem previsão para ser lançado em março deste ano.

Joelma quer começar sua carreira solo com o pé direito! E para isso, a cantora teve participações mais do que especiais na gravação de seu primeiro CD.A ex-esposa de Ximbinha recebeu os filhos, Yasmin, de 11 anos, e Yago, de 19, no estúdio para cantarem ao seu lado."Que orgulho, meu filho gravando meu CD", escreveu Joelma na legenda da foto que postou em seu perfil no Instagram.O primeiro trabalho solo de Joelma tem previsão para ser lançado em março deste ano.

Cadê você?

O Blog do Guilherme Araujo e a Radio Caraguá Mix estão devidamente credenciadas e já recebeu as credenciais para fazer a cobertura do carnaval 2016 no Sambódromo RJ...

"Enquanto você ficar ai me criticando eu vou rompendo barreiras e vencendo desafios"...




                           

                            ‪#‎desanimanãoqueavitoriaécerta‬

Delegacia Virtual do Estado de São Paulo

Delegacia Virtual do Estado do Rio de Janeiro