A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Caraguá recebe hoje oficina para discutir turismo sustentável


A 6ª Oficina do “Programa de Apoio ao Desenvolvimento do Turismo Sustentável do Litoral Norte” será realizada nesta quinta-feira, das 9h às 17h, em Caraguatatuba. O tema abordado será  “Iniciativa e Experiências Exitosas em Turismo Sustentável” com foco nas Unidades de Conservação da região, a luz do turismo sustentável. 
A atividade é uma as etapas finais do processo de construção do “Programa de Apoio ao Turismo Sustentável”. Até o momento estão mobilizadas cerca de 80 pessoas, entre representantes de quatro prefeituras municipais (São Sebastião, Ilhabela, Caraguatatuba e Ubatuba), representantes do Comitê Paulista da Copa 2014, da Fundação Florestal e do Instituto Florestal, profissionais do setor turístico, ONGs regionais, Sebrae, monitores e guias locais, consultores independentes, pesquisadores e estudantes, entre outros atores. O público alvo é o poder público local, as Unidades de Conservação, as instituições de ensino e pesquisa, as entidades da sociedade civil, o trade turístico, entre outros atores sociais regionais. 
Segundo o Centro de Experimentação em Desenvolvimento Sustentável (Ceds), um dos organizadores da oficina, a participação efetiva dos envolvidos está garantindo a formatação de produtos turísticos, um Programa com Diretrizes para o setor e um Plano de Comunicação, uma proposta para a competitividade no Litoral Norte usando como uma das ferramentas o processo de certificação que serão apresentados ao final do processo.

Os assuntos abordados estão: Resultado das oficinas de Turismo Sustentável; Circuito Quilombola do Vale do Ribeira; Rota Doria e Cambuci X Cultura, Turismo e Meio Ambiente; Projeto Nova Imagem 40 anos, o resgate do Parque Nocional da Serra da Bocaina através da repartição de benefícios e responsabilidades; O Mercado como instrumento de conservação da mata atlântica; Artesanato qualidade e acabamento, design do produto e sustentabilidade; Núcleo de Novos Negócios e Parcerias da Fundação Florestal, com apoio e estratégias para a Sustentabilidade do Litoral Norte de SP; Roteiro de Pesca de Tróia da Almada; Projeto “Manejo Florestal Comunitário da Juçara e Cambucy”, relato das experiências do Programa Juçara – Conservação Ambiental com Protagonismo Social.
O Turismo Sustentável foi eleito pelo Comitê do Diálogo para a Sustentabilidade (Comdial) como norteadora das ações previstas para 2011/2012 em função da evidente importância econômica, cultural, social e ambiental que esta atividade representa para a região. 
Esta proposta, realizada em parceria com as Unidades de Conservação, pretende instrumentalizar a região para as etapas iniciais do Programa de Apoio ao Desenvolvimento do Turismo Sustentável no Litoral Norte Paulista.

Confira a programação

9h às 9h30 – Abertura
Rinaldo Madrigano Artero (Secretario Adjunto de Turismo de Caraguatatuba)
Carlos Zacchi Neto (Gerente Litoral Norte e Baixada Santista da Fundação Florestal)
9h30 às 9h45 – Resultados das oficinas de Turismo Sustentável
Patrícia Ortiz (coordenadora da Oficina, Unitau/Campus Ubatuba) e Edson Lobato (Gestor do PESM – Núcleo São Sebastião)
9h45 às 10h20 – Circuito Quilombola do Vale do Ribeira
Maurício de Carvalho (Técnico de Turismo de Base Comunitária do ISA), Jorlei da Costa Pereira e Ivo Rosa (ambos do Conselho Gestor do Circuito Quilombola)
10h20 às 11h – Rota Doria e Cambuci X Cultura, Turismo e Meio Ambiente
Ana Lúcia Wuo (Diretora da Associação LAR TERRA de Resgate Cultural e Ed. Ambiental Presidente do Comtur de Salesópolis - Integrante da Rota Dória, Rota do Cambuci e do Conselho Consultivo do Parque Estadual da Serra do Mar - Núcleo Caraguatatuba)
11h às 11h30 – Projeto Nova Imagem - 40 anos, o resgate do Parque Nacional da Serra da Bocaina através da repartição de benefícios e responsabilidades
Francisco Livino (Analista Ambiental; Arquiteto-Urbanista, Chefe do Parque Nacional da Serra da Bocaina/ICMBio)
12h às 12h30 - Debate
14h às 14h10 – O Mercado como Instrumento de Conservação da Mata Atlântica
Marcéu Pereira (Coordenador do Programa “Mercado Mata Atlântica - RBMA”)
14h10 às 14h30 - Artesanato qualidade e acabamento, design do produto e sustentabilidade
Delta Sueli dos Santos, (Artesã da marca Banana Brazil Art Natural e Assessora de Projetos Produção de Economia Solidária, da Secretaria Municipal de Assistência, Desenvolvimento Social e Economia Solidaria do Município de Registro/SP).
14h30 às 15h – Núcleo de Novos Negócios e Parcerias da Fundação Florestal - como apoio e estratégias para a Sustentabilidade do Litoral Norte de SP
Fabrício Matheus (Núcleo de Novos Negócios e Parcerias da Fundação Florestal)
15h às 15h30 - Roteiro de Pesca de Tróia da Almada
Flávia Navarro, Thaís Basaglia e Comunidade da Almada
15h30 às 16h – Projeto “Manejo Florestal Comunitário da Juçara e Cambucy” - Relato da Experiência do Programa Juçara - Conservação Ambiental com Protagonismos Social
Fábio Reis (Engenheiro Florestal - Integrante da Equipe Ipema)
16h às 16h30 – Debate de encerramento

Praça de Eventos e Lazer do Galera recebe show de Lázaro hoje



Apresentação do cantor gospel que já vendeu mais de 200 mil DVDs integra a programação de shows do Aniversário da Cidade
A Praça de Eventos e Lazer do Galera, no bairro Água Branca, recebe os shows dos 207 anos de emancipação político-administrativa de Ilhabela e hoje, às 22h, a atração é o cantor gospel Lázaro. Ele nasceu em Salvador (BA), onde começou sua carreira aos 18 anos, passando banda Terceiro Mundo, Banda Cão de Raça e finalmente na Banda Olodum. “Nas curvas perigosas da vida colidi com as drogas, e entre os destroços do que restou, a mão de DEUS veio em meu socorro. Louvo ao senhor grato por tão grande misericórdia”, declara Lázaro em seu site oficial.
Os três primeiros dias de show na Praça de Eventos e Lazer do Galera integram o evento Aviva Ilhabela, organizado pelo conselho de ministros evangélicos com apoio da Prefeitura. Na sexta-feira, tem show com a cantora Leila Francieli. 
Lázaro conta que já perdeu a conta de quantos já se converteram a Cristo desde que passou a ministrar país afora junto às multidões. Com mais de 400 mil álbuns prensado e mais de 200 mil DVD´s vendidos (referindo-se apenas a seu mais recente trabalho, Eu Te Amo Tanto), Lázaro, ou Irmão Lázaro, tem sido mesmo um fenômeno no cenário gospel/cristão.

Mais shows
Dando sequência à programação de shows dos 207 anos de Ilhabela estão previstos ainda: Pronúncia no Olhar e Forro Maré (1º/9 a partir das 22h), Sambô (2/9), Chitãozinho e Xororó (3/9 – Show de Aniversário da Cidade), Charlie Brow Jr. (6/9), Dexter (7/9 - comemoração do Dia Municipal do Hip Hop) e Roger e Rogério (8/9). Fechando a agenda, no dia 9 de setembro, às 16h, haverá a “Tarde da Criança” com brinquedos, performances teatrais e Galinha Pintadinha, e às 22h show com o grupo de pagode É D+. 

Blog do Guilherme Araújo pode entrar para Guines Book

O Blog do Guilherme Araújo acaba de bater mas um recorde, e graças aos nossos seguidores conseguimos atingir a marca de 12975 matérias postadas e estamos concorrendo  para entrar no Guines Book. E isso devemos a todos vocês seguidores e todas os nossos colaboradores e jornalistas e editores.

Atitude é o que sobrou e para muitos falta por estarem comprometidos com interesses pessoais...

Vereadora Silmara Mattiazzo, parabéns pela sua atitude e o Blog do Guilherme Araújo deseja que a senhora se recupere rápido....

Guilherme Araujo lança um desafio:

Eu gostaria que alguém me aponte 10 obras 

que o ex-prefeito executou em Caraguá. 

alguém sabe me dizer?

Direitos Humanos da Assembleia Legislativa cobra apuração na morte de advogado


O deputado estadual Marco Aurélio (PT), integrante da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa cobra uma apuração da morte do advogado Diego Luiz Berbare Bandeira, 38 anos, ocorrida na noite da última quinta-feira quando foi baleado com 14 tiros. Bandeira havia denunciado à Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa maus tratos e abusos policiais no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Caraguatatuba.
Conforme o deputado Marco Aurélio, ele e os demais deputados que compõem a Comissão de Direitos Humanos estavam em contato direto com Diego Bandeira para apurar essas denúncias. Bandeira era advogado criminalista e membro da Comissão de Direitos Humanos da OAB de Caraguá. Em junho passado, ele e a advogada Aline Carlota haviam denunciado na Assembleia Legislativa as condições insalubres, tortura e falta de atendimento médico no CDP de Caraguatatuba. 

Os advogados e o deputado Marco Aurélio também denunciaram relatos de abuso policial, tortura e extorsão à Procuradoria Geral do Estado. Os casos fazem parte de uma linha de investigação do homicídio.
“A morte do advogado Diego Bandeira precisa ser apurada e não pode ficar impune. Nós, da Comissão de Direitos Humanos, vamos levar à frente as denúncias que ele fez. Sua morte não pode ser em vão”, disse Marco Aurélio.
Diego Bandeira foi executado com 14 tiros quando estava em frente à sua residência no bairro Rio do Ouro, em Caraguá. A polícia acredita em execução, mas, por enquanto ninguém foi preso. Segundo testemunhas, por volta das 18h45 a vítima estava conversando com um amigo em frente da sua casa, na Rua Bernardino Alexandre, no Rio do Ouro quando um homem de moto parou efetuou os disparos e fugiu. Os tiros foram disparados à queima roupa. Cinco deles atingiram a cabeça do advogado, que morreu na hora.  

Segundo a polícia, há várias frentes de investigação e suspeitos estão sendo ouvidos. O delegado responsável pelo caso, Maurício Ahvener, explicou que nenhuma hipótese está sendo descartada.  “Ele atuava na área criminal e por conta disso teremos de verificar todos os processos acompanhados por ele e se há algum caso que possa ser enquadrado nessa investigação e que motive uma vingança. Também temos de verificar a vida pessoal dele, que, segundo informações atualmente se relacionava com uma adolescente. Apreendemos no local computadores, laptops, celulares e tudo isso vai ser encaminhado para a perícia em São Paulo para tentar pelo histórico da vítima determinar o que tenha causado o crime”, destacou.