A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

sábado, 18 de fevereiro de 2017

PAT de Caraguá divulga novas vagas

Seguem abaixo as vagas de emprego disponibilizadas pelo Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Caraguatatuba. Todas estas vagas estão cadastradas no site da Prefeitura no “Serviços ao Cidadão”.

O interessado deve apresentar os documentos pessoais (RG, CPF, CTPS e PIS) no PAT ou no Poupatempo.

Ajudante de obras, Assistente de vendas, Greidista, Mangoteiro, Borracheiro, Corretor de imóveis, Empregada doméstica, Estampador de tecido, Esteticista, Gerente comercial, Gerente de bar e lanchonete, Instalador de som e acessórios de veículos, Lavador de automóveis, Lubrificador de máquinas de terraplenagem, Mecânico de máquinas pesadas (manutenção), Mecânico de refrigeração doméstica, Motorista de ambulância, Motorista de veículo leve, Motorista de caminhão-basculante, Motorista de caminhão-pipa, Nutricionista, Ajudante de manutenção, Operador de bomba de concreto, Operador de central de concreto, Operador de escavadeira, Operador de plataforma, Operador de pá carregadeira e tratores, Peixeiro (comércio varejista), Pintor de autos, Professor de administração, Professor de inglês, Promotor de vendas, Reparador de aparelhos eletrodomésticos, Torneiro mecânico, Técnico de enfermagem, Vendedor de serviços e Vendedor pracista.
                                                                                                                              
As vagas possuem perfis específicos com relação à experiência, escolaridade, entre outros, podendo sofrer variações e não estarem mais disponíveis se atingirem o limite máximo de encaminhamentos, ou ainda, em caso de encerramento pelos empregadores que as disponibilizaram.
O Posto de Atendimento ao Trabalhador de Caraguatatuba (PAT)  tem como objetivo promover oportunidades de emprego e inserção no mercado de trabalho e não oferece informações sobre vagas por telefone, detalhes sobre as vagas somente pessoalmente no local.
Serviço:

O posto funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. A distribuição de senhas de atendimento é feita diariamente até 16h30.
O PAT está localizado na Rua Taubaté, 520, bairro Sumaré. O telefone é (12) 3882-5211.

Informação para a Imprensa: (12) 3897-5650

Mutirão de limpeza prepara a cidade para o carnaval

Um grande mutirão realizado pela Prefeitura de Caraguatatuba está preparando a cidade para o feriado de Carnaval.

Depois de realizar serviços de limpeza na rodovia Rio-Santos, até a divisa com o município de São Sebastião, em parceria com o Departamento de Estrada de Rodagem (DER), a Secretaria de Serviços Municipais (Sesep) está concentrada em fazer a limpeza das praias.  Uma equipe está hoje (14/02) finalizando a operação na praia do Indaiá.


“Continuamos enviando equipes de limpeza nos bairros”, explica o secretário de Serviços Públicos, Roberti Costa. “Mas, neste período em que estamos esperando a chegada de um grande número de turistas, vamos dar uma caprichada em toda a orla, para recebermos bem nossos visitantes”.

Na programação diária
A Sesep prossegue com sua programação diária por toda a cidade. Nos bairros Porto Novo e Golfinhos, na região Sul, a operação Bota-Fora está retirando restos de poda, capina e entulhos.
O Bota-Fora também está no bairro Casa Branca, onde há uma equipe de varrição das ruas. O bairro Olaria não ficou de fora da limpeza. No Tinga, funcionários da Sesep fazem a roçada e varrição no campo do Corintinha e na rua João Jacinto da Silva.

Informação para a Imprensa: (12) 3897-5650
Márcia de Paula (clamorena@hotmail.com)
Jornalista

Aguilar Junior visita projetos da Sepedi e do Ciapi

O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, acompanhado pela secretária da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso (Sepedi), Giovana Roberta Pacelli Capucho, vistoriou as instalações do local e conheceu os projetos realizados dentro do Centro Integrado de Atenção a Pessoa com Deficiência e ao Idoso (Ciapi).

Na oportunidade, o prefeito conversou com os idosos e pessoas com deficiência atendidas no centro, além de funcionários. Ele se comprometeu ampliar e melhorar a estrutura do local.

Informação para a Imprensa: (12) 3897-5650
Jornalista

Prefeito recebe nova diretoria da Associação de Aposentados e Pensionistas

O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, recebeu nesta terça-feira (14/02) em seu gabinete a nova diretoria da Associação dos Aposentados e Pensionistas de Caraguatatuba.

Estiveram no encontro a presidente da Associação, Sandra Marcari, a vice Nilma da Silva Spranger e o diretor de Relações Públicas, José Araújo.

Durante a reunião foi entregue ao prefeito um ofício solicitando a regularização de um terreno que foi doado para a entidade, no bairro Pontal Santa Marina.

Atualmente, a Associação paga o aluguel de um imóvel no bairro Jardim Jaqueira, e a intenção é construir uma nova sede no terreno doado. O prefeito determinou o levantamento cadastral da área, para viabilizar o pedido.

A Associação dos Aposentados e Pensionistas tem 25 anos de existência e é declara de utilidade pública.

Informação para a Imprensa: (12) 3897-5650
Jornalista

Caraguatatuba promove campanha de castração no sábado (18)

O CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) de Caraguatatuba realizará, no próximo sábado (18/2), o “Evento de controle populacional –  castração cão e gato” na Escola Municipal de Ensino Fundamental Profª Maria Thereza de Souza Castro das 9h às 13h.

Os serviços oferecidos durante a ação são microchipagem e encaminhamento para castração; além de vacinação anti-rábica para animais não imunizados no ano passado. 

Ao total, serão disponibilizadas 40 vagas. Para participar, é necessário levar cópias do RG, CPF, comprovante de residência, comprovante de renda (até três salários mínimos) e a carteira de vacinação atualizada do animal. Os cachorros devem ser levados com guia e coleira (focinheira) e os gatos dentro de uma caixa de transporte.

Serviço:

EMEI/EMEF Profª Maria Thereza de Souza Castro
R. Seishi Yoshimoto, 120 – Getuba
Telefone: 3884-2921

Informação para a Imprensa: (12) 3897-5650
Carolina Cordeiro (carolinascordeiro@gmail.com)
Jornalista

Folia e prevenção em Caraguatatuba

Com o objetivo de alertar e conscientizar a população sobre doenças sexualmente transmissíveis, a Prefeitura de Caraguatatuba por meio da Secretaria de Saúde, realizará ações por toda cidade com a equipe da Unidade de Atendimento a Moléstias Infectocontagiosas (UAMI).

Durante os dias de festas, de 24 a 28 de fevereiro, serão distribuídos preservativos e materiais educativos sobre prevenção contra infecções sexualmente transmissíveis (IST’s) na Praça da Cultura, Praça Eventos e na Praça Luciola (Massaguaçu).

O que são IST - As Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) são causadas por vírus, bactérias ou outros microrganismos. São transmitidas, principalmente, por meio do contato sexual (oral, vaginal, anal) sem o uso de camisinha masculina ou feminina com uma pessoa que esteja infectada. A transmissão de uma IST pode acontecer, ainda, da mãe para a criança durante a gestação, o parto ou a amamentação.


O tratamento das pessoas com IST melhora a qualidade de vida e interrompe a cadeia de transmissão dessas infecções. O atendimento e o tratamento são gratuitos nos serviços da UAMI e das Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município.

A terminologia Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST) passa a ser adotada em substituição à expressão Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST), porque destaca a possibilidade de uma pessoa ter e transmitir uma infecção, mesmo sem sinais e sintomas.

Informação para a Imprensa: (12) 3897-5650
Carolina Cordeiro (carolinascordeiro@gmail.com)
Jornalista


Novos servidores de Caraguatatuba participam de integração

A Prefeitura de Caraguatatuba promoveu nesta terça-feira (14/02) uma integração com novos funcionários aprovados em concurso público e convocados pela administração municipal.

Os nove servidores concursados foram apresentados no auditório da Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso (Sepedi) e participaram de treinamentos e orientações.

Eles foram recepcionados pelo prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, pelo secretário de Esportes e Recreação, Wenceslau de Souza Neto (Lelau), pelo secretário adjunto de Administração, Léo Macedo, e pelo presidente do Caraguá Prev, Ezequiel Guimarães.

“Viemos dar boas vindas aos novos funcionários e colocar a Secretaria de Administração a disposição”, destacou o secretário adjunto de Administração, Léo Macedo.

Já o secretário de Esportes Lelau frisou que o foco deste governo será a valorização do servidor. “Para isso estaremos dando boas condições aos trabalhadores, mas é importante que os servidores continuem estudando e reciclando conhecimentos”.

Ezequiel Guimarães do Caraguá Prev também falou o fato de os servidores sempre estarem atentos às informações sobre aposentadoria e direitos trabalhistas.

Por fim, o prefeito Aguilar Junior destacou a importância do funcionalismo público. “Acredito muito no servidor e temos que valorizá-los. Vamos sempre promover essa integração, pois muitos não conseguem saber como funciona o serviço público. Será o primeiro de muitos encontros”, destacou.

Os novos servidores estarão lotados nas Secretarias de Serviços Públicos, Esportes e de Administração. Durante todo o dia, eles participaram de conversas com André Lúcio de Abreu, da Divisão de Recursos Humanos, Paula Cristina Biancard, da Divisão de Medicina e Segurança do Trabalho, e Vera Albok, da Divisão Disciplinar.

Informação para a Imprensa: (12) 3897-5650
Acácio Gomes (acacioegomes@gmail.com)
Jornalista

Neymar deu carro de R$150 mil a amigo por ajudá-lo a reatar com Bruna Marquezine



Slide 1 de 6: David Brazil foi cupido na reconciliação de Neymar e Bruna Marquezine e ganhou do jogador um automóvel último modeloNeymar contou com a ajuda do promoter David Brazil para reatar o seu namoro com Bruna Marquezine, de quem planeja ficar noivo após o carnaval. E como forma de agradecimento, o jogador presenteou o amigo com um automóvel Toyota Hilux 2007 avaliado em cerca de R$ 150 mil. David foi uma espécie de cupido e atuou de forma intensa pela reconciliação definitiva do atacante e da atriz, que planeja longos períodos ao lado do namorado, na Espanha.
Slide 2 de 6: David Brazil foi presenteado com um Toyota Hilux, modelo 2017, avaliado em aproximadamente R$ 150 mil, diz a coluna 'Retratos da Vida', do jornal 'Extra', nesta segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017. O promoter agiu como cupido na reconciliação de Neymar e Bruna MarquezineA informação é da coluna "Retratos da Vida", do jornal "Extra", nesta segunda-feira (13). Esse não é o primeiro presente que o promoter ganhou do atacante. No ano passado, David lembrou o anel que ganhou do amigo durante passagem por Barcelona. Desde que se reconciliou com o pai de Davi Lucca, de 5 anos, a irmã de Luana Marquezine já gastou aproximadamente R$ 80 mil em viagens aéreas de primeira classe do Rio para Barcelona.
A atriz está na Espanha há mais de uma semana, onde já fez vários programas a dois e comemorou o aniversário de 25 anos do namorado dançando funk com o jogador Neymar e Bruna passaram a se reaproximar na festa julina organizada por Angélica e Luciano Huck. Depois, o jogador subiu na arquibancada do Maracanã para abraçar a atriz ao comemorar a conquista do ouro inédito na Olimpíada.
Slide 3 de 6: Neymar planeja ficar noivo de Bruna Marquezine após o carnaval

Slide 4 de 6: Bruna Marquezine já gastou cerca de R$ 80 mil em viagens de primeira classe de avião para visitar o namorado, Neymar, na Espanha

Slide 5 de 6: Bruna Marquezine planeja longas temporadas na Espanha com Neymar para testar a vida a dois com o namorado

Slide 6 de 6: Neymar e Bruna Marquezine se reaproximaram em julho e meses depois reataram o namoro




PSOL recorre, e plenário do STF irá decidir sobre Moreira Franco

O PSOL entrou com recurso nesta sexta-feira no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a decisão de Celso de Mello que manteve a nomeação de Moreira Franco (PMDB) como ministro do governo Michel Temer – e o consequente foro privilegiado nas investigações da Operação Lava Jato -, o que irá levar a discussão sobre o caso para o plenário da Corte, que reúne os 11 ministros do tribunal.
O presidente Michel Temer dá posse como ministro a Moreira Franco (PMDB); iniciativa será julgada pelo plenário do STF: temer-da-posse-a-moreira-francoNa quarta-feira, Celso de Mello já havia dito que, se houvesse recurso do PSOL ou da Rede – outro partido que foi ao tribunal contra a nomeação -, ele enviaria o caso ao plenário do STF.  “Se tiver recurso, vai para o plenário”, disse, salientando que isso exigiria pedir um parecer sobre o caso ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, um dos chefes da Lava Jato, e intimar Moreira Franco, que não foi ouvido antes da concessão da liminar – apenas Temer, responsável pela nomeação, apresentou justificativa, dizendo que o ato não teve a intenção de dificultar a ação da Justiça.
Os partidos alegavam, no entanto, que a indicação serviu para blindar Moreira Franco com foro privilegiado em meio às delações premiadas da Odebrecht. Somente no acordo de colaboração do ex-diretor de Relações Institucionais da empreiteira Claudio Melo Filho, o ministro foi citado 34 vezes. Segundo o ex-executivo, o apelido de Moreira nas planilhas do departamento de propinas da empreiteira era “Angorá”.
Para Celso de Mello, no entanto, uma nomeação a ministro “não configura, por si só, hipótese de desvio de finalidade (que jamais se presume), eis que a prerrogativa de foro não importa em obstrução e, muito menos, em paralisação dos atos de investigação criminal ou de persecução penal”.  Para ele, com o foro privilegiado, não há “qualquer círculo de imunidade” em torno do ministro, que “está sujeito, como qualquer outro cidadão da República, às mesmas medidas de restrição e de coerção, inclusive decretação de prisão preventiva e suspensão cautelar do exercício do cargo ministerial”.
No recurso, o PSOL insiste na tese de que a concessão de foro privilegiado atrapalha as investigações porque impede que a força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, de primeira instância, prossiga com qualquer apuração sobre o ministro. Além disso, afirma que, além da questão do desvio de finalidade na nomeação, há também a questão da moralidade que, para a legenda, estaria prejudicada no ato de Temer.
“Da mesma forma que o ato administrativo deve guardar o fim correto a que se propõe, também deve, para sua validade, ser revestido de moralidade. Ora, será um ato moral indicar um investigado pela Operação Lava Jato à condição de ministro?”, questiona o partido no recurso.

MPF pede que Paulo Roberto Costa perca benefícios de delação em processo sobre obstrução da Justiça

Ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto CostaO Ministério Público Federal pediu ao juiz Sérgio Moro que não conceda ao ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa os benefícios da delação premiada acertados para o processo em que ele é acusado de obstrução da Justiça, um dos primeiros da Lava Jato, por entender que ele omitiu informações aos procuradores, informou o MPF nesta sexta-feira.
De acordo com o MPF, o pedido se limita ao que foi acordado como benefício para Costa e seus familiares na ação penal em que são acusados de obstrução da Justiça. Não se estende, portanto, aos benefícios acertados para outros processos da Lava Jato.
Nas alegações finais da ação penal em que Costa e suas filhas são acusados de obstrução da Justiça por meio da destruição de provas, os investigadores da Lava Jato pediram a Moro que o ex-diretor da Petrobras e suas filhas Arianna Azevedo Costa Bachmann e Shanni Azevedo Costa Bachmann, além do genro do ex-diretor Marcio Lewkowicz, sejam condenados e que os benefícios não sejam levados em conta na definição da pena.
De acordo com o MPF, ficou comprovado que os quatro "faltaram com a verdade por diversas vezes quando de seu interrogatório judicial, em evidente descumprimento dos deveres impostos pelos acordos de colaboração premiada que celebraram com o Ministério Público Federal e foram homologados pelo Supremo Tribunal Federal".
"Desta feita, resta impossibilitada a aplicação dos benefícios previstos nos referidos acordos, uma vez que, no caso em tela, a colaboração não foi efetiva", acrescentaram os procuradores.

Fachin determina arquivamento de inquérito contra Collor na Lava Jato

Ministro do STF afirma ser 'temerário' oferecer denúncia contra ex-presidente com base em declaração de um delator.O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), arquivou inquérito instaurado contra o senador Fernando Collor (PTC-AL) no âmbito da Operação Lava Jato. O inquérito apurava acusações do ex-diretor da área internacional da Petrobrás Nestor Cerveró, que apontou envolvimento de Collor em esquema de corrupção de agentes públicos e lavagem de dinheiro relacionado à BR Distribuidora. O caso se referia à construção de um prédio do escritório da BR Distribuidora na Bahia.
Também nesta sexta-feira, 17, Fachin determinou o arquivamento de inquérito instaurado contra o senador Lindbergh Farias (PT-RJ) no âmbito da Lava Jato. A Procuradoria-Geral da República (PGR) e a Polícia Federal já haviam se manifestado pelo arquivamento do inquérito, que apurava se o petista havia cometido os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.
De acordo com Cerveró, foi negociada propina em troca de aprovação do negócio pela diretoria da BR Distribuidora, porem, o negócio não se concretizou por força do desencadeamento da Lava Jato. 
Segundo o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, não foram verificados “elementos suficientes que possam fundamentar a continuidade do inquérito e, por mais forte razão, a propositura de uma ação penal".
“Embora, por meio desse dispositivo, a legislação somente exija provas de corroboração ou confirmação para fundamentar um decreto condenatório, seria temerário o oferecimento de uma denúncia com base apenas em declarações de um colaborador, principalmente em hipóteses como a dos autos, em que os elementos de prova reunidos parecem infirmar as genéricas palavras de tal agente”, escreveu Janot.
Na avaliação de Fachin, à exceção das hipóteses em que o procurador-geral da República formula pedido de arquivamento de inquérito sob o fundamento da atipicidade da conduta ou da extinção da punibilidade, “é pacífico o entendimento jurisprudencial desta Corte considerando obrigatório o deferimento da pretensão, independentemente da análise das razões invocadas”.
“Trata-se de decorrência da atribuição constitucional ao Procurador-Geral da República da titularidade exclusiva da opinio delicti a ser apresentada perante o Supremo Tribunal Federal”, ressaltou Fachin.
A reportagem não obteve resposta do gabinete de Collor até a publicação deste texto.
O senador é alvo de investigação em outros inquéritos que tramitam no STF. Em um outro caso, a PGR já ofereceu denúncia contra o ex-presidente, acusado de ter recebido ao menos R$ 29 milhões em propinas entre 2010 e 2014 referentes a contratos da BR Distribuidora.

Carlos Velloso recusa convite e não será ministro da Justiça

Carlos Velloso: ex-ministro do STF recusou convite para ministério da Justiça: O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Carlos Velloso, cotado para o Ministério da Justiça
O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Carlos Velloso recusou nesta sexta-feira, 17, o convite do presidente da República, Michel Temer, para comandar o Ministério da Justiça.
Ele havia sido escolhido para ocupar o cargo deixado por Alexandre de Moraes, indicado para ocupar uma cadeira no STF.
Na noite da quinta-feira, 16, ele havia dito que aguardava a resposta de clientes de seu escritório de advocacia para dar uma resposta ao presidente sobre o convite.
Segundo ele, para que não houvesse conflito de interesse. Caso assumisse o Ministério da Justiça, Velloso teria de deixar de atuar como advogado, seguindo o Estatuto da Advocacia. “Eu quero servir o meu país”, disse Velloso na ocasião.
Segundo Velloso, ele havia transmitido a Temer, às 21h30 da quinta-feira, que estava “tentando afastar questões pertinentes a contratos” que exigiam a participação direta dele para dar a resposta definitiva ao presidente. A questão foi encaminhada para ser avaliada pelo setor de compliance da multinacional.
De acordo com o ex-presidente do STF, o prazo limite combinado com Temer para a decisão era esta sexta-feira.

Dedé Santana pode impedir Rede Globo de usar seu nome no novo 'Os Trapalhões'

Dedé Santana estaria disposto a vetar o uso de seu nome na nova temporada de 'Os Trapalhões' que a Rede Globo pretende fazer em parceria com o canal Viva.
Dedé Santana - Divulgação Rede Globo
Um amigo do humorista teria afirmado que Dedé não vai ceder sua marca.

"Ele está parado, sem contrato e precisa ganhar dinheiro. Ele não quer liberar o nome artístico quase de graça", contou.
Dedé Santana, por sua vez, não confirma nem desmente. "Não posso te adiantar nada. Por enquanto eu não fui consultado. Acho melhor você consultar a Globo", afirmou o humorista.
A assessoria de imprensa da Rede Globo se limitou a dizer: "O especial dos Trapalhões é um projeto em desenvolvimento e as negociações seguem como sempre'.
Recentemente foi divulgado que Mumuzinho foi escolhido pela Rede Globo para interpretar o papel de Mussum na nova versão do humorístico.
Segundo a colunista Patricia Kogut, o cantor, que foi lançado no 'Esquenta!', já assinou contrato. As gravações começam em março.
Para o papel de Didi a emissora confirmou Lucas Veloso, filho do falecido humorista Shaolin, e para fazer Zacarias foi fechado contrato com Tadeu Mello. Agora, os produtores estudam um sobrenome para os personagens.
A nova versão de 'Os Trapalhões' está prevista para o meio do ano. Serão 12 episódios de 30 minutos. Péricles Barros e Mauro Wilson escrevem os roteiros e Renato Aragão participa da criação.
Dedé Santana também poderá fazer uma participação no humorístico para resolver o impasse.

Flávio Bolsonaro faz enquete sobre eleições de 2018 e Lula lidera

Lula contrata advogado para reforçar sua equipe de defesaO deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSC-RJ) abriu lançou, na manhã desta quinta-feira (16), uma enquete em sua página no Twitter sobre um possível segundo turno para as eleições presidenciais de 2018. Na disputa, o deputado federal Jair Bolsonaro (PS-RJ) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
O resultado da enquete, no entanto, vem surpreendendo internautas: até a tarde desta quinta, a pesquisa tinha cerca de 19 mil respostas, com Lula liderando com 56%, contra 44% de Bolsonaro.
A iniciativa de Flávio vem um dia depois da divulgação do uma pesquisa da Confederação Nacional dos Transportes (CNT) que também indicou uma preferência dos eleitores por Lula.
Notícias ao MinutoSegundo o levantamento, se as eleições presidenciais fossem realizadas hoje, Lula teria 30,5% dos votos, contra 11,8% de Marina Silva e 11,3% de Jair Bolsonaro.
Nas próximas posições, estão Aécio Neves (PMDB-MG) com 10,1%, Ciro Gomes (PDT-CE) com 5%, e o presidente Michel Temer com 3,7%. A soma dos votos nulos/brancos e indecisos chega a 27,6%.

O cinema brasileiro protesta na Berlinale “contra o Governo ilegítimo”

A partir da esquerda, os atores Julio Machado, Isabel Zuaa e Welket Bungue, com o diretor Marcelo Gomes (no centro), na estreia de gala de 'Joaquim' na Berlinale.Há quase um ano os principais representantes do cinema brasileiro aproveitam qualquer evento internacional para protestar contra a situação política de seu país. Desta vez foi na Berlinale, e os indignados, a equipe técnica e artística de Joaquim. "O Brasil está vivendo uma grave crise democrática", declarou Marcelo Gomes, na coletiva de imprensa. Além de apresentar seu filme, deixou na capital alemã um manifesto assinado por doze cineastas compatriotas alertando para essa situação e seus efeitos sobre o setor. Em seu país se instalou “há quase um ano um Governo ilegítimo”, argumenta o texto, que apela à solidariedade da comunidade internacional ante essa situação.
Gomes enfatizou que a história contada na tela, a de Joaquim José da Silva Xavier, mais conhecido como Tiradentes, um dos heróis da independência brasileira, traça as raízes dos desequilíbrios de seu país na atualidade, “os males do presente”. “As estruturas de poder do Brasil colonizado se mantêm no Brasil atual”, afirmou. “A exploração e a crueldade do homem branco sobre o negro, a exploração da riqueza que foi praticada no século XVIII se enraizou nesta sociedade e se perpetua agora em forma de corrupção.”
O diretor ressaltou: “Tiradentes ainda é visto como um Deus, mas na luta da época não havia deuses nem heróis. Ele tampouco pretendeu ser um deus”. Joaquim está centrado nos anos em que Tiradentes não passava de um alferes no Exército português no Brasil: não ascendia porque não tinha nascido na metrópole. E nessa época de penúria (1781-1787), o dentista, soldado e mineiro foi mudando até acender nele o espírito revolucionário.
Em maio, em Cannes, a equipe de Aquarius, encabeçada por seu diretor, Kleber Mendonça Filho, mostrou cartazes no tapete vermelho contra “o golpe de Estado no Brasil” e qualificando o Governo de Michel Temer de “ilegal”. Em dezembro, na Cidade do México, durante a premiação Fênix, Kleber Mendonça Filho, que acabou não sendo indicado pelo Governo brasileiro para a corrida do Oscar, voltou a falar na “triste” situação vivida em seu país, e desta vez foi acompanhado em seus comentários por Wagner Moura, o protagonista de Narcos.

Ex-namorada de Celso Russomano ganha processo de R$ 200 mil do deputado

Celso Russomano e Flávia Feola - Rep Internet
A apresentadora Flávia Feola, ex-namorada de Celso Russomanno, ganhou um processo trabalhista no valor de R$ 200 mil contra o deputado federal após provar vínculo empregatício.

De acordo com o colunista Leo Dias, a justiça reconheceu além do vínculo empregatício entre ela e Celso, o acúmulo de funções, direito a férias e FGTS.
"Essa conquista foi um resgate de prejuízos financeiros e emocionais. Foram quatro audiências e contra fatos não existem argumentos. Falei toda a verdade sem nenhuma mentira" disse Flávia, que ainda afirmou que esse processo lhe trouxe uma série de problemas emocionais. "Estou cansada e fazendo terapia e tratamento psiquiátrico. Tive parada cardiorrespiratória no ano passado. Briguei com um deputado federal que se utilizado foro privilegiado para não me encarar. Recebi muitas ameaças. Ele não teve a coragem de me encarar", completou.
Segundo o site Notícias da TV, a ex-apresentadora entrou na justiça contra a Rede Brasil, onde Celso teria sido presidente do conselho da emissora.
Flávia apresentou o programa 'Circuito Society' durante cinco anos, mas alega que também trabalhava como diretora e produtora do canal por um salário de R$ 2.200 que não era pago em dia.
A ex-namorada de Celso Russomano ainda alega que antes do seu programa chegar ao fim ela foi advertida que precisava pagar uma quantia para manter a atração no ar.
"Me disseram: 'Para continuar com seu programa no ar, você terá que pagar R$ 15 mil'. Foi muito difícil. Me vi compelida a pedir demissão. Fui parar no hospital com 18 de pressão, fiquei louca. Fiquei muito mal, eles agiram de má fé mesmo", conta.
Quem apresentou Flávia para o dono do canal, o empresário Marcos Tolentino - sócio de Celso Russomano em outros negócios - teria sido o deputado.
"Tenho uma matéria [guardada] sobre o primeiro dia do meu programa, em que ele [Russomanno] fala: 'A Rede Brasil acerta em apostar em você, eu estou apostando em você'. [Na época da demissão] Falei: 'Celso, pelo amor de Deus, não faz isso comigo. Se você não me deixar com esse programa no ar, vou entrar com uma ação contra a Rede Brasil'. E ele me escreveu assim: 'Depois de tudo que eu fiz para você, você vai entrar com uma ação contra mim?'. Como ele fala que [o canal] não é dele? Celso tirou de mim o que mais amo fazer na minha vida", lamentou Flávia em entrevista de novembro de 2016.