ABI - Associação Brasileira de Imprensa

ABI - Associação Brasileira de Imprensa
Liberdade de Expressão e Ética

domingo, 22 de abril de 2012

vista aérea do traçado do rodoanel trecho norte

Ata da frente suprapartidaria

 

 

ATA DA REUNIÃO DA FRENTE SUPRAPARTIDÁRIA EM 21/11/2011

Aos vinte e um dias do mês de novembro de dois mil e onze, na sede do Partido Humanista da Solidariedade, localizado na Rua Oswaldo Cruz, 329, Centro, Caraguatatuba. A reunião teve início às vinte horas e trinta minutos e, sob a presidência do Sr. Luiz José Alves de Campos, presidente do Partido Social Liberal foram tratadas as seguintes pautas: 1.LEITURA DA ATA DIA 7/11/2011; 2. INDICAÇÃO DE NOMES PARA CONSELHO POLÍTICO DA FRENTE; 3. COMO OS PARTIDOS ESTÃO LIDANDO COM A FRENTE EM SEUS DIRETÓRIOS E COMISSÕES? 4. CONVITE PARA PALESTRAS DO PR NO DIA 26/11/2012 PARA OS PRÉ-CANDIDATOS DO PR/PSL E DEMAIS PARTIDOS TEMAS: A. Momento Político Atual em Caraguatatuba (histórico e definições) - Palestrante Professor Luiz José Alves de Campos, Professor Especialista em Finanças e Políticas Públicas e Presidente do PSL em Caraguatatuba; B. O Papel do Vereador na Câmara Municipal - Palestrante Sr. Olímpio José de Oliveira Filho - Tecnólogo em Gestão Pública; C O Orçamento Municipal Participativo - Palestrante Sr. Marcos Tadeu Demarchi - Tecnólogo em Gestão Pública. D.O que pode e não pode antes das Convenções - Palestrante Vereador Omar Kazon - Presidente do PR em Caraguatatuba; E. Fechamento do Anfitrião Vereador Omar Kazon. 5.ESCLARECIMENTOS DO PT SOBRE AS PRÉVIAS. 6. ESCLARECIMENTOS DO VEREADOR OMAR SOBRE EPISÓDIO NO PROGRAMA DE RÁDIO A CIDADE SE COMUNICA. Após a leitura da pauta, o Senhor Presidente colocou em votação cada item e, pelos representantes presentes foi votado e acatado o seguinte: 1) Que a Ata da reunião anterior foi aprovada por unanimidade. 2) Que os partidos que compõem a Frente Suprapartidária encaminhariam no máximo dois nomes para o Conselho Político da Frente no dia 5 (cinco) de dezembro de 2011. 3) Que todos os partidos estão de acordo com a formação da Frente desde o início e que informou o senhor Presidente do PT que a próxima pauta do Partido dos Trabalhadores será inclusa as questões da Frente e seus objetivos informou o senhor Antonio Carlos da Silveira Monteiro; o PRB foi interpelado pelo senhor Omar Kazon quanto as visitas na casa do Ex-prefeito Aguilar por parte do Presidente do PRB senhor Michelder e se o PRB estava junto com a Frente Suprapartidária oira do Travessão. O representante do PRB senhor Guilherme Araújo disse que iria se informar sobre esse assunto abordado e que na próxima reunião iria esclarecer com o senhor Michelder pois até o que lhe consta o PRB está com a frente até o fim. O presidente do PSL que preside a Reunião, Professor Luiz José, disse que está estranhando a ausência do PCdoB e principalmente do PTdoB e que acha oportuno saber os reais motivos das ausências nas reuniões dos seus representantes, principalmente do PTdoB. O Sr. Edu Gama do PHS iria tomar providências para que junto ao PTdoB para efetivamente contar com a presença daquele partido junto a Frente 4) O PR e o PSL externaram convite a todos os pré candidatos que compõem a frente suprapartidária, por seus vereadores, para que se quiserem participarem do círculo de palestras no dia 26 de novembro sábado na Câmara Municipal. 5) O PT informou que as prévias correram de forma tranqüila e prevista e que o processo eleitoral para escolha do nome para as convenções do PT em 2012 é o do Sr. Rodolfo que venceu por 65 votos contra 43 do companheiro Álvaro Alencar. Isto posto, o nome do Sr. Rodolfo irá para as convenções
partidárias do PT ao cargo majoritário. 6) Quanto ao episódio ocorrido na Câmara Municipal com o radialista JR Forlim, Omar Kazon disse que o locutor estava sendo parcial e questionou a idoneidade de suas emendas ao plano diretor do município e fez todas as considerações no ar a contragosto do interlocutor da rádio que demonstrou-se ser parcial nas questões da administração municipal o que revela uma mídia tendenciosa ao afirmar que o locutor se denominou governista. Diante dos fatos, o vereador entrou em discussão no ar. 7) Foi aprovada por unanimidade o calendário de reuniões da Frente Suprapartidária. A Palavra nas reuniões: Cássia do PT falou sobre as prévias do PR, marquinhos falou da campanha para coleta de assinaturas para lei mais severa a condutores que fazem uso do álcool. Rodolfo falou de seus objetivos e que o PT agora irá conduzir um processo de apaziguamento interno. Nada Mais a tratar, dei por encerrada a reunião às 22h12min, agradecendo a todos os presentes, e eu, Luiz José Alves de Campos - Pres. PSL presidi e lavrei a presente Ata que vai assinada pelos demais presentes. Omar Kazon-Pres. PR; Antonio Carlos da Silveira Monteiro - Pres. PT;  Eduardo Delfino Gama - Pres. PHS; Guilherme Araújo-Repres. PRB.

ATA DA REUNIÃO DA FRENTE SUPRAPARTIDÁRIA EM 07/11/2011


Aos sete dias do mês de novembro de dois mil e onze, na sede do Partido Humanista da Solidariedade, localizado na Rua Oswaldo Cruz, 329, Centro, Caraguatatuba. A reunião teve início às vinte horas e trinta minutos e, sob a presidência do Sr. Luiz José Alves de Campos, presidente do Partido Social Liberal foram tratadas as seguintes pautas: 1) Alteração dos dias de realização dos encontros da Frente Suprapartidária de semanalmente passa a ser quinzenalmente; 2) Indicação de dois nomes por partido para formação do Conselho Político da Frente Suprapartidária; 3) Elaboração de atas de todas as reuniões da Frente e leitura da reunião anterior a todos os presentes; 4) A palavra nas reuniões; 5) Palavra Aberta a outros participantes. Após a leitura da pauta, o Senhor Presidente colocou em votação cada item e, pelos representantes presentes foi votado e acatado o seguinte: 1) Quanto às reuniões da Frente Suprapartidária as mesmas serão realizadas a cada quinze dias e elaboração de um calendário de reuniões antecipado. 2) Quanto à formação do Conselho Político da Frente, foi votado que cada partido da Frente fará indicação de dois nomes no máximo para comporem o Conselho Político que orientará as ações da Frente a partir da sua constituição. O Presidente do PT Senhor Antonio Carlos da Silveira Monteiro disse que concorda com a formação do Conselho Político da Frente. O Presidente da Reunião informou que determinadas ações, daqui em diante devem ser tomadas sob sigilo, dada as questões políticas que envolvem a todos os partidos para o ano de dois mil e doze. 3) Todos os presentes se manifestaram que é importante manter os registros das Atas e conseqüentemente seu arquivo e a Sra. Lídia Polillo Moreira, do Partido dos Trabalhadores indicou a mim, Luiz José, para elaboração das Atas, o que foi aceito e que outra pessoa o faça em função de eventual ausência, disse; 4) A Palavra nas Reuniões: Ficou decidido que a palavra nas reuniões da Frente será feita apenas pelos representantes de cada partido, não admitindo mais que outras pessoas inclusive estranhas ao nosso objetivo tomem a palavra para si nas reuniões. Qualquer manifestação de participantes na reunião será solicitada que o faça primeiro ao seu representante. A palavra aberta será dada ao final de cada reunião, pelos representantes de cada partido e limitada ao tempo já estabelecido. Somente nas reuniões abertas ao público será admitida a participação nas reuniões da Frente por motivos óbvios de sigilo. Colocada a palavra aberta o Presidente do PR, senhor Omar Kazon colocou aos presentes que todas as reuniões fossem presididas por Luiz José sem que haja o rodízio. O Presidente do PT, Senhor Antonio Carlos da Silveira Monteiro, elogiou a condução dos trabalhos e também está de acordo que o Professor Luiz José continuasse presidindo os trabalhos de ora em diante. O que foi aceito por unanimidade dos presentes. Ao final, o Presidente do PR convidou a todos para saborearmos uma pizza e o Senhor Presidente Milton Ribas, do PCdoB concordou e efetuou imediatamente o pedido para uma "Delivery". Nada Mais a tratar, dei por encerrada a reunião às 21h12minh, agradecendo a todos os presentes, e eu, Luiz José Alves de Campos-Pres. PSL, presidi e lavrei a presente Ata que vão assinada pelos demais presentes. Omar Kazon-Pres. PR; Antonio Carlos da Silveira Monteiro-Pres. PT; Milton Ribas - Pres. PCdoB; Eduardo Delfino Gama-Pres. PHS; Guilherme Araújo-Repres. PRB.

ATA DA REUNIÃO DA FRENTE SUPRAPARTIDÁRIA EM 5/12/2011


Aos cinco dias do mês de dezembro de dois mil e onze, na sede do Partido Humanista da Solidariedade, localizado na Rua Oswaldo Cruz, 329, Centro, Caraguatatuba. A reunião teve início às vinte horas e trinta minutos e, sob a presidência do Sr. Luiz José Alves de Campos, presidente do Partido Social Liberal foram tratadas as seguintes pautas: 1. LEITURA DA ATA DIA 21/11/2011; 2. INDICAÇÃO DE NOMES PARA CONSELHO POLÍTICO DA FRENTE; 3. CONFRATERNIZAÇÃO DO DIA 15/12/2011; 4. OUTROS Assuntos de interesse geral. Após a leitura da pauta, o Senhor Presidente colocou em votação cada item e, pelos representantes presentes foi votado e acatado o seguinte: 1) Que a Ata da reunião anterior foi aprovada por unanimidade. 2) Que os partidos que compõem a Frente Suprapartidária encaminhariam no máximo dois nomes para o Conselho Político da Frente no dia 5 (cinco) de dezembro de 2011. 3) Que todos os partidos estão de acordo com a formação da Frente desde o início e que informou o senhor Presidente do PT Antonio Carlos da Silveira Monteiro que a próxima pauta do Partido dos Trabalhadores será inclusa as questões da Frente e seus objetivos; o PRB esclareceu que está com a Frente Suprapartidária; o Sr. Nestor Alves do PTN solicitou da palavra dizendo que é candidato a prefeito e que o candidato não pode esmorecer e temer os opositores. Neste momento o Sr. Presidente da reunião solicitou que o PTN formalize em definitivo seu ingresso na composição da Frente e que o faça o mais breve possível e por escrito; Mais uma vez o Presidente solicita por escrito os nomes do componentes do Conselho Político. Informou a todos os presente que a confraternização será no dia já marcado, dia 15 de dezembro a partir das 19:00 horas na casa do Sr. Luiz José Alves de Campos, Presidente do PSL, sito na Alameda dos Salgueiros, 95, Bairro Cidade Jardim, e que a contribuição de cada partido é por meio de carne, lingüiça ou frango para o churrasco. Nada Mais a tratar, dei por encerrada a reunião às 22h00min, agradecendo a todos os presentes, e eu, Sr. Luiz José Alves de Campos - Pres. PSL, presidi e lavrei esta Ata que vai assinada pelos demais presentes. Omar Kazon-Pres. PR; Antonio Carlos da Silveira Monteiro - Pres. PT; Eduardo Delfino Gama - Pres. PHS; Guilherme Araújo - PRB) e o Prof. Ribas PCdoB. 

Veja quem esta traindo os acordos e compromissos...

Começa hoje pré-venda para show da Madonna no Brasil

Começa nesta madrugada a pré-venda de ingressos do show da cantora Madonna no Brasil. A Time For Fun, empresa responsável pela venda, havia sido autuada pelo Procon de São Paulo por cobrar taxa de conveniência nas compras via internet e telefone, além de realizar a pré-venda para clientes Ourocard.
Em comunicado distribuído neste fim de semana à imprensa, a empresa afirma que obteve na Justiça decisão favorável, garantindo assim o direito de promover a pré-venda exclusiva e de cobrar taxas de serviços para o show do dia 4 de dezembro. A venda para o público em geral começa nesta quarta-feira (25).
A partir da meia-noite deste domingo, os fãs da cantora e clientes Ourocard poderão acessar o site www.ticketsforfun.com.br e garantir o seu lugar no evento. Às 9 horas desta segunda-feira (23), a pré-venda exclusiva poderá ser feita pelo telefone 4003-5588 (número válido para todo o País). Nessas duas modalidades de venda, o consumidor receberá os ingressos em domicílio, mas pagará taxas de conveniência e de entrega do serviço.
Às 10 horas desta segunda-feira, os pontos de venda da empresa também estarão vendendo ingressos. Nestes pontos, o consumidor paga uma taxa de conveniência. Já na bilheteria oficial do evento, que fica no Credicard Hall (Av. Das Nações Unidas, 17.955), não são cobradas taxas para esse serviço.
Na última sexta-feira (20), o Procon determinou a suspensão das vendas de entradas para o show em São Paulo. O órgão considera discriminatória a pré-venda de ingressos e alega que não existe 'conveniência' efetiva ao consumidor que, ao comprar pela internet ou telefone, ainda tem de pagar pela entrega do ingresso. A multa prevista era de R$ 400 a R$ 6,5 milhões. O Procon ressaltou que a empresa é reincidente em práticas abusivas na venda de ingressos e já foi autuada em mais de R$ 4 milhões na última década.
O primeiro show da cantora americana no Brasil será no dia 1º de dezembro no Parque dos Atletas, no Rio de Janeiro. Dia 4 será a vez dos paulistas verem a cantora no estádio do Morumbi. O último show será em Porto Alegre, no dia 9, no estádio Olímpico.

Deslizamentos bloqueiam os dois sentidos da Anchieta

Deslizamentos de terra nas duas pistas da Rodovia Anchieta bloqueiam os dois sentidos da rodovia no início da tarde deste domingo. De acordo com a concessionária responsável pela via, Ecovias, a pista sul havia sido liberada para tráfego, por volta das 13h45.
Por volta das 13 horas, foi contatado um deslizamento no km 43 da Rodovia Anchieta, informou a Ecovias. Agentes da concessionária foram ao local onde detectaram a necessidade de bloquear totalmente a pista no sentido litoral. Em seguida, a Ecovias foi informada de que também no km 43 da pista norte, sentido capital, havia outro deslizamento que teria rompido a barreira da via.
Ambas as pistas ficaram bloqueadas e tanto a subida quando a descida da serra ocorre apenas pela Rodovia dos Imigrantes, que já registra congestionamento em todo o trecho de serra, conforme dados da Ecovias.
Por volta das 13h45, a pista sul da Anchieta foi desbloqueada para tráfego de veículos, mas ainda estava com 4 km de filas. A causa dos deslizamentos, segundo a Ecovias, foi o excesso de chuvas no local. Ainda há chuva fraca no trecho de serras da rodovia.

SIP debate liberdade de expressão e controle do Estado

No debate mais acalorado da Reunião de Meio de Ano da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP), representantes de vários jornais latino-americanos cobraram ontem do professor de Direito Constitucional Roberto Viciano explicações para a série de medidas restritivas à liberdade de expressão na Venezuela, no Equador e na Bolívia. Viciano trabalhou como consultor na elaboração das Constituições desses países e sustentou a tese de que os textos constitucionais são semelhantes 'a qualquer modelo democrático do mundo'.
'Depois de ouvir o professor Viciano poderia dizer que estamos no paraíso legal no Equador, na Venezuela e na Bolívia', ironizou o outro debatedor, o venezuelano Allan Brewer Carías, ex-senador, ex-ministro e deputado constituinte em 1999, professor de Direito da Universidade Central da Venezuela e professor adjunto da Universidade Columbia, em Nova York. 'Mas não é assim que acontece', emendou Brewer.
Brewer atacou a concentração de poder nas mãos do presidente Venezuelano, Hugo Chávez, e a submissão do Legislativo e do Judiciário ao Executivo. 'Desde a Assembleia Constituinte temos um controle absoluto. Temos um presidente que, no século 21, diz: ''A lei sou eu''. O centralismo político desmantelou o federalismo, o municipalismo. A Justiça segue ordens e não a lei. A Constituição pode dizer o que for, mas se há concentração de poder, não se pode falar em garantias de direito', afirmou.
A discussão central girou em torno de uma tese que não está nas Constituições, mas segundo representantes da Venezuela e do Equador, começa a ganhar força nos dois países: a de que o trabalho dos meios de comunicação é um serviço público e estaria, portanto, submetido ao controle do Estado. 'Os meios de comunicação, públicos ou privados, são um instrumento fundamental para o debate democrático e prestam um serviço público, não têm função exclusivamente privada. Nem os gestores públicos podem usar os meios de maneira sectária nem os privados podem rejeitar que prestam um serviço público. Todos devem ser objeto de algum controle democrático', afirmou Viciano.
Diretor do jornal Hoy, de Quito, o jornalista equatoriano Jaime Mantilla, vice-presidente da SIP, reagiu: 'A informação ao público não é um serviço público. A opinião pública se forma com o livre pensamento, a partir de uma variedade de informações que recebemos e não com informações só de um lado.'
Viciano citou relatório da Comissão Interamericana de Direitos Humanos que apontam agressões e ameaças de morte a jornalistas em países como México e Colômbia mais frequentes do que na Venezuela, na Bolívia e no Equador. Os jornalistas argumentaram que a realidade mexicana é particularmente preocupante por causa da guerra do narcotráfico que assola o país, da mesma maneira que na Colômbia as Farc, embora enfraquecidas, ainda exerçam um poder paralelo. Não haveria, portanto, como comparar realidades diferentes.
O debate sobe o impacto das mudanças constitucionais na liberdade de expressão abriu o terceiro dia da reunião da SIP, que levou 250 representantes de 25 jornais à cidade de Cádiz, no sul da Espanha. O encontro termina hoje, com a aprovação dos relatórios apresentados por cada país sobre as condições de trabalho da imprensa e a liberdade de expressão nos últimos seis meses. O representante do Brasil na reunião é o consultor do Estado Paulo de Tarso Nogueira, integrante da Comissão de Liberdade de Imprensa e Informação da SIP.
Em outro debate realizado ontem, dirigentes de jornais espanhóis traçaram um cenário preocupante para a imprensa, em consequência da crise econômica europeia e especialmente na Espanha. Apontaram queda nas receitas de publicidade, redução dos investimentos em inovação e demissão de jornalistas. 'As empresas terão que se reestruturar, haverá uma refundação dos meios de comunicação', afirmou Antonio Fernández-Galiano, do El Tiempo. 'Temos sorte de estarmos presentes na América Latina, em países onde a economia vai bem. Na Espanha, não podemos fazer previsões para o futuro, porque não sabemos o que vai acontecer no mês que vem', disse Juan Luis Cebrian,do El País. Os dois jornalistas concordaram que a queda na credibilidade dos meios de comunicação espanhóis, apontada em recentes pesquisas, é reflexo da desconfiança da população em relação à grande maioria das instituições, como o Parlamento, os partidos políticos e os sindicatos.

Sarney deve ter alta de hospital em SP nesta segunda-feira

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), deve ter alta médica nesta segunda-feira (dia 23) do Hospital Sírio-Libanês, segundo sua assessoria de imprensa. No última dia 14, Sarney foi internado no hospital da capital paulista com um quadro de insuficiência coronária. No dia seguinte, o senador foi submetido a um exame de cateterismo e uma angioplastia com a colocação de stent, sendo levado para Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Neste domingo, o peemedebista recebeu a visita do senador Pedro Simon (PMDB-RS).
Mesmo com a alta, Sarney deve permanecer pelo menos mais uma semana em São Paulo para observação e só no começo de maio deverá reassumir a presidência do Senado.
Já o ministro do Turismo, Gastão Dias Vieira, internado desde o dia 18 no mesmo hospital, recebeu alta no início da noite deste sábado (dia 21). Viera passou por avaliação cardiológica e exames realizados no dia anterior não detectaram alterações significativas no ministro.

Dilma tem a maior aprovação desde o início do mandato

O desempenho da presidente Dilma Rousseff é considerado ótimo ou bom por 64% dos brasileiros. Em janeiro, quando completou um ano de governo, esse número era 59%. A parcela de eleitores que considera o governo regular caiu de 33%, em janeiro, para 29% em abril.
Os dados são de pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo neste domingo (22). Foram entrevistadas 2.588 pessoas em 161 municípios nos dias 18 e 19 de abril. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para cima ou para baixo.
Dilma tem a maior aprovação em um ano e três meses de mandato em comparação com os dois últimos presidentes. Lula era bem avaliado por 55% da população no segundo mandato e por 38% no primeiro. Já o desempenho de Fernando Henrique Cardoso era aprovado por 18% dos brasileiros no segundo mandato.
Para 57% da população, o governo Dilma é igual ao de Lula, enquanto 21% avalia que Dilma é pior que seu antecessor, 20% considera o atual governo melhor e 2% não sabe responder.
2014. Lula é o candidato petista favorito para concorrer à Presidência em 2014, escolha de 57% dos pesquisados. Dilma aparece com 32% da preferência. Um candidato do PT diferente na próxima corrida presidencial é a opção de 6% dos pesquisados e 5% não souberam responder.
Considerando um suposto segundo turno das eleições presidenciais na atualidade - repetindo o pleito de 2010 - Dilma seria escolhida por 69% do eleitorado e Serra por 21%. Outros 6% não votariam em nenhum dos dois e 4% estariam indecisos.
Parte dos eleitores (26%) que dizem ter votado em Serra em 2010 mudariam o voto para Dilma hoje e 8% fariam o contrário.
Para lembrar, em 2010 a petista Dilma venceu o segundo turno com 56,05% dos votos válidos e o tucano Serra ficou com 43,95% da escolha.
Economia. A pesquisa Datafolha também revelou que 49% dos brasileiros acreditam que a situação econômica do País vai melhorar. Já a porcentagem da população que avalia que a economia vai piorar se manteve estável, com 13% na pesquisa de abril e janeiro; 34% acredita que o quadro ficará como estável (37% em janeiro) e 5% não sabe responder (4% em janeiro).
O otimismo dos brasileiros aparece em outros dados. Menos pessoas têm a expectativa de aumento da inflação em abril (41%) do que em janeiro deste ano (46%). Já 37% acredita que a inflação vai ficar como está (dado de abril) contra 35% em janeiro. Outros 15% avaliam que o índice vai diminuir (14% em janeiro) e 6% não sabe responder (5% em janeiro).
A pesquisa foi realizada em 18 e 19 de abril, depois que os bancos públicos e alguns privados anunciaram redução das taxas de juros seguindo a pressão do governo.

E POR ISSO ESTOU AQUI (ROBERTO CARLOS)

Olha dentro dos meus olhos
Vê quanta tristeza de chorar por ti, por ti
Olha eu já não podia mais viver sozinho
E por isso eu estou aqui
De saudade eu chorei e até pensei que ia morrer
Juro que eu não sabia
Que viver sem ti
Eu não poderia

Olha quero te dizer todo aquele pranto
Que chorei por ti, por ti
Tinha uma saudade imensa de alguém que pensa
E morre por ti

De saudade eu chorei e até pensei que ia morrer
Juro que eu não sabia
Que viver sem ti
Eu não poderia

Olha quero te dizer todo aquele pranto
Que chorei por ti, por ti
Tinha uma saudade imensa de alguém que pensa
E morre por ti

Atuação de Luis Fabiano contra o Bragantino atrai atenção de técnico da Turquia

Os dois gols que Luis Fabiano marcou não serviram apenas para colocar o São Paulo na semifinal do Campeonato Paulista. A atuação do atacante contra o Bragantino, neste sábado, encantou o técnico do Elazigspor, da Turquia, Dogan Engin, que acompanhou o jogo em um dos camarotes do Morumbi ao lado do agente Fifa, Goksel Arici e do empresário brasileiro João Celso.
O turco se convenceu de que vale investir alguns milhões de euros para tentar tirar o jogador de 31 anos do Tricolor. A proposta será apresentada ao presidente Juvenal Juvêncio em uma reunião nesta segunda-feira.
A intenção do Elazigspor é ter Luis Fabiano como principal estrela na próxima temporada, quando vão participar da primeira divisão do campeonato local, depois de conseguir o acesso.
FORA DA SEMIFINAL
Apesar de despertar o interesse turco com sua atuação contra o Bragantino, o atacante deixou o campo triste, cabisbaixo, na bronca com a arbitragem. Ele saiu irritado por ter recebido o terceiro amarelo e não poder defender a equipe na semifinal, contra Santos ou Mogi Mirim.
'Saio feliz e satisfeito com o trabalho, mas com sensação grande de impotência por não poder ajudar o time', disse, após a partida o atacante.
Estava indignado, mas um pouco mais clamo, pois fez acusações fortes contra Wilson Luiz Seneme antes do intervalo. De acordo com o capitão são-paulino, ele foi intimidado o tempo todo. 'Desde o começo ele estava me intimidando, falando pra não falar com ele. Eu sou o capitão e não posso conversar com ele? Jamais o desrespeitei, mas aconteceu o que ele queria', disparou o centroavante.
O atacante pode desabafar sobre uma possível perseguição do árbitro, mas sua falta foi, sim, passível de cartão. 'Não foi justo e todo mundo sabe. Tiveram faltas piores e nem cartão ele deu. Não entendo o critério.'

Ki vergonha - Autoritarismo total....

Amigos ou colaboradores do FERNANDO DA PADARIA do morro do algodão estão pela cidade arrancado adesivos outros de pré-candidatos e colocando do FERNANDO DA PADARIA... (isso tudo sem autorização do proprietario do veiculo).

Desse jeito todos os carros da cidade de caraguá terá apenas um unico adesivo...

Imagine este senhor e suas equipe com o poder o que eles vão fazer pela cidade com autoritarismo que ainda nem tem!!!

Por favor me devolva o adesivo que a sua equipe tirou do meu carro (um fiesta preto 4 portas) que estava parado na Cidade Jardim na pizzaria do Neno na madrugada de sexta-feira.

Vettel renasce no Bahrein, volta a vencer e já assume a liderança do Mundial Alemão segurou investida de Kimi Raikkonen para vencer e assumir a liderança do Mundial

Vettel renasce no Bahrein, volta a vencer e já assume a liderança do Mundial

O bicampeão está de volta. Largando na pole, Sebastian Vettel não deu chances aos carros de McLaren e Mercedes, resistiu às tentativas de um inspirado Kimi Raikkonen e venceu o GP do Bahrein, quarta etapa da temporada de 2012 da Fórmula 1.

A vitória é 22ª da carreira de Vettel, a primeira desde o GP da Índia do ano passado, e recoloca o alemão com toda a força na lista de candidatos ao título mundial ­ ele torna-se o líder o campeonato, com 53 pontos.

A segunda colocação ficou com o finlandês Kimi Raikkonen. Em sua melhor corrida desde a conquista do título mundial de 2007, ele chegou a brigar pela vitória, mas acabou perdendo rendimento nos metros finais. Para completar a grande prova da Lotus, Romain Grosjean fechou o pódio em terceiro lugar.
A corrida - Na largada, Sebastian Vettel e Lewis Hamilton mantiveram as primeiras posições. Logo atrás, Mark Webber teve de segurar o francês Romain Grosjean, que teve um ótimo início de prova. Fernando Alonso, que saiu em nono, pulou para quinto. Os brasileiros também foram bem ­ Felipe Massa pulou de 14º para nono, e Bruno Senna ganhou cinco posições, de 15º para décimo.

As primeiras voltas foram marcadas por várias ultrapassagens, incluindo uma de Massa sobre Kimi Raikkonen no fim da reta, com o troco do finlandês duas voltas depois. Enquanto isso, Grosjean, na outra Lotus, escalava o pelotão com ultrapassagens.

O ritmo de disputas por posições só diminuiu após a primeira rodada de paradas nos boxes. Então, quando as estratégias de corrida começaram a se mostrar, surgiu um novo candidato à vitória. Kimi Raikkonen, campeão de 2007, poupou pneus macios nos treinos para usá-los na corrida.

A tática levou o finlandês à segunda colocação e, no início da 36ª volta, o piloto da Lotus tentou a ultrapassagem pela primeira vez. O alemão reagiu à investida e manteve-se na ponta, resistindo a novas tentativas durante toda a volta. Com Raikkonen menos impetuoso, o piloto da Red Bull conseguiu segurar o rival até que ambos foram para os boxes.

Depois da terceira rodada de pit stops, já com pneus médios, Raikkonen não conseguiu manter o ritmo. Por mais que a equipe tentasse incentivá-lo pelo rádio, o finlandês ficou para trás e teve de se contentar com o segundo posto.

Entre os brasileiros, Felipe Massa marcou os primeiros pontos da temporada, em nono; Bruno Senna, com problemas durante todo o fim de semana, abandonou no fim com problemas no freio e ficou a três voltas do vencedor, na 22ª colocação.

GP do Bahrein, resultado final1) Sebastian Vettel (ALE/Red Bull-Renault), 57 voltas em 1h35min10s990
2) Kimi Raikkonen (FIN/Lotus-Renault), a 3s300
3) Romain Grosjean (FRA/Lotus-Renault), a 10s100
4) Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault), a 38.700
5) Nico Rosberg (ALE/Mercedes), a 55s400
6) Paul di Resta (GBR/F orce India-Mercedes), a 57s500
7) Fernando Alonso (ESP/Ferrari), a 57s800
8) Lewis Hamilton (GBR/McLaren-Mercedes), a 58s900
9) Felipe Massa (BRA/Ferrari), a 1min04s90010) Michael Schumacher (ALE/Mercedes), a 1min11s400
11) Sergio Pérez (MEX/Sauber-Ferrari), a 1min12s700
12) Nico Hulkenberg (ALE/Force India-Mercedes), a 1min16s500
13) Jean-Éric Vergne (FRA/Toro Rosso-Ferrari), a 1min30s300
14) Kamui Kobayashi (JAP/Sauber-Ferrari), a 1min33s700
15) Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso-Ferrari), a 1 volta
16) Vitaly Petrov (RUS/Caterham-Renault), a 1 volta
17) Heikki Kovalainen (FIN/Caterham-Renault), a 1 volta
18) Jenson Button (GBR/McLaren-Mercedes), a 1 volta
19) Timo Glock (ALE/Marussia-Cosworth), a 2 voltas
20) Pedro de la Rosa (ESP/Hispania-Cosworth), a 2 voltas
21) Narain Karthikeyan (IND/Hispania-Cosworth), a 2 voltas
22) Bruno Senna (BRA/Williams-Renault), a 3 voltas
Não completaram/número de voltasPastor Maldonado (VEN/Williams-Renault), 26 voltas
Charles Pic (FRA/Marussia-Cosworth), 25 voltas

Não sei parar de te olhar

Na UTI, filho do cantor Leonardo está com pneumonia

  • Pedro (à esq.) e Thiago no estúdio do UOL (2009)  
  • Pedro (à esq.) e Thiago
Internado em estado grave após sofrer um acidente de carro na madrugada desta sexta-feira (20), o cantor Pedro Leonardo, filho do cantor Leonardo, também está com pneumonia, informou diretor da UTI do Instituto Ortopédico de Goiânia (IOG), Wandervan Antônio Azevedo, em entrevista coletiva neste sábado (21). Segundo ele, o quadro é considerado normal em pacientes que respiram com a ajuda de aparelhos, como é o caso do cantor. “É preocupante, mas, ao mesmo tempo, é um quadro esperado com esse tipo de paciente”, declarou Wandervan à Globonews. A informação foi confirmada pela assessoria que cuida dos shows de Leonardo, que ainda afirmou que Pedro já está sendo tratado com antibióticos.
Apesar da gravidade do caso, o diretor da UTI ainda disse que a situação está controlada. “Há risco de morte, mas ele é jovem, tem boa saúde e tem tudo para que seu quadro evolua de forma positiva e ele se recupere”, afirmou o diretor. Ainda de acordo com Wandervan, as próximas 48 horas são cruciais para saber como o jovem vai reagir ao tratamento.
Por volta das 18h deste sábado, a assessora de imprensa da Talismã, produtora musical de Pedro, e apurou que o cantor continua na UTI, com pneumonia e em coma induzido.
Segundo a assessora, o filho de Leonardo ainda vai passar por uma bateria de exames para ver se o quadro está evoluindo. Ela não soube precisar, contudo, quando serão realizados os exames.
Acidente
Pedro, da dupla Pedro e Thiago, sofreu um acidente de carro na madrugada desta sexta-feira (20) em Itumbiara, Goiás. O jovem de 24 anos estava sozinho no carro quando, por volta das 6h55, sofreu o acidente na estrada MG-452, na altura da cidade de Araporã, que fica na divisa de Goiás com Minas Gerais.
De acordo com o médico Ernani de Oliveira Rodrigues, do Hospital Municipal Modesto de Carvalho, Pedro chegou ao local sedado, por volta das 8h40. Ele passou por uma tomografia e depois por uma cirurgia na região do baço.
Em 2009, o cantor participou do reality show "A Fazenda", da Record, e foi eliminado na última semana do programa. Pedro é pai de Maria Sophia, nascida em maio do ano passado. A menina é a primeira neta do cantor Leonardo.

O QUE FAZER QUANDO NAO HA MAIS SAIDA?

Pregação Vencendo as Tentação com Silas Malafaia

história da menina sem rosto...

PARTO E NASCIMENTO DE TRIGEMEAS

Obesidade é sério - Elaine Cristina

TRIBO KAMAYURÁ | RITUAL DE PASSAGEM PARA A VIDA ADULTA

Thai Hot Stem Massage

Vídeo 1 - Já pensou na sua dica de amiga para a Manu Gavassi ? | Dicas d...

Confira este vídeo incrível do MSN: Jessica Simpson à vontade

Confira este vídeo incrível do MSN: Jessica Simpson à vontade

Confira este vídeo incrível do MSN: TV Famosidades - 08/03

Confira este vídeo incrível do MSN: TV Famosidades - 08/03

Confira este vídeo incrível do MSN: Sexo Estranho: Orgasmos Incomuns

Confira este vídeo incrível do MSN: Sexo Estranho: Orgasmos Incomuns

Brasil foi sondado para enviar monitores à Síria, diz chanceler

O Brasil foi sondado para integrar uma eventual missão de observadores militares na Síria, disse nesta sexta-feira o chanceler Antonio Patriota, que instou autoridades sírias a cumprir com o acordo mediado pela ONU para por fim aos conflitos que já duram mais de 13 meses.
Uma equipe de sete observadores está no país verificando o cumprimento de um frágil cessar-fogo entre forças do presidente sírio, Bashar al-Assad, e manifestantes contrários ao governo. Apesar do plano, mediado pelo enviado Kofi Annan, a violência continua no país. Nesta sexta-feira, dia de orações para muçulmanos, ao menos 23 pessoas morreram.
"Sondagens estão sendo feitas por enquanto no sentido de participarmos de uma força de observação militar na Síria", disse Patriota a jornalistas. "Consideraremos com cuidado qualquer solicitação (formal) que venha ser feita", acrescentou.
"Mas é muito importante que as autoridades sírias cumpram com o acordado e criem as condições para o posicionamento desses observadores independentemente da participação brasileira."
O governo sírio se opôs à criação de um grupo de observadores superior a 250, como havia sugerido Annan, e declarou ter preferência a monitores de "países neutros", entre os quais o Brasil, que tem adotado uma postura mais discreta na questão, ao contrário de outros países ocidentais e os da Liga Árabe.
A China, outro país citado pelo governo sírio, disse estar "estudando seriamente" a ideia. Na próxima semana, um adicional de 30 monitores da Organização das Nações Unidas (ONU) deve chegar à Síria.
"Apesar dos desenvolvimentos preocupantes desta semana, acreditamos que a melhor opção à nossa disposição ainda é o plano do ex-secretário-geral (da ONU) Kofi Annan... para abrir caminho aos observadores miltares", disse Patriota.
A missão de monitoramento da ONU é considerada a última chance para evitar uma guerra civil na Síria.
Assad, que está há 12 anos no poder, tem determinado o envio de tanques e soldados para dispersar os protestos contra seu governo, que começaram pacificamente há um ano, mas acabaram se militarizando.

Delegacia Virtual do Estado de São Paulo

Delegacia Virtual do Estado do Rio de Janeiro