A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Pezão trabalha para acalmar clima entre Dilma e Cunha



Mais que um ombro amigo em meio à crise política, a presidente Dilma Rousseff encontrou no governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), um interlocutor junto ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha. Pezão trabalha para tentar acalmar o clima de animosidade entre o Planalto e o líder da Casa. Na última segunda-feira, 17, pouco antes de um encontro com a bancada fluminense, Pezão se reuniu com Cunha para pedir cautela nas pautas que aumentam as despesas dos Estados. Além disso, Pezão iniciou nessa conversa um movimento para ser um elo entre Dilma e Cunha.
O movimento é feito com discrição e mantido sob sigilo. Tanto que nesta quarta-feira, 19, no fim da tarde, Pezão foi à Brasília encontrar a presidente, mas a reunião não foi anunciada em sua agenda. Além de Pezão, o presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani, também está auxiliando na tentativa de conciliação entre o Planalto e Cunha. Na quinta-feira da semana passada, Picciani também esteve em uma reunião reservada com a presidente Dilma.
O efeito da ação ainda é incerto. Aliados de Cunha contam que não há previsão de votação de outros projetos com impacto financeiro nas contas. Na semana que vem, os deputados podem votar a Proposta de Emenda Constitucional 172. O projeto atende aos anseios de Pezão ao estabelecer que o aumento da despesa dos Estados e municípios não seja realizado sem a previsão orçamentária necessária para o seu custeio. 

Cunha terá que homenagear Moro na Câmara

O juiz Sérgio Moro, que comanda as investigações da Operação Lava Jato, será homenageado na Câmara dos Deputados com a Medalha do Mérito Legislativo. A indicação foi feita hoje pelo PPS. 
Ironicamente, a homenagem foi anunciada na mesma semana em que o presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) pode ser denunciado por envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras. Todos os anos, a entrega da medalha é feita pelo presidente da Casa. 
“O juiz Sérgio Moro dá esperança para milhões de brasileiros que não aguentam mais a corrupção entranhada nas estruturas de governo. Em suas ações, em parceria com a Polícia Federal e o Ministério Público Federal, exerce a Justiça de verdade. Aquela onde ninguém, por mais poderoso que seja, está acima da lei”, afirmou o líder do PPS na Câmara, Rubens Bueno (PR).
A homenagem será feita no dia 18 de novembro.
A indicação do nome de Moro foi feita pelo PPS
Saia justa
Desde que foi citado pelo lobista Júlio Camargo como um dos beneficiários do esquema de corrupção na Petrobras, Eduardo Cunha se tornou um dos críticos da atuação de Moro à frente da Lava Jato. 
O deputado chegou a pedir ao Supremo Tribunal Federal (STF) a suspensão da ação em que é citado, mas teve o pedido negado, nesta quarta-feira, pelo ministro Teori Zavascki. 
O argumento de Cunha é que, como possui foro privilegiado, a ação não deveria correr em primeira instância, mas sim no STF.
Zavascki, no entanto, negou o pedido. Em sua opinião, não houve tentativa irregular de investigar o deputado, e sim apenas a citação de Cunha em depoimento. O parlamentar pode recorrer da decisão. 

Deputados preparam manifesto para tirar Cunha da presidência da Câmara


Um grupo de deputados contrários ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), redigirá um manifesto solicitando a saída do peemedebista do comando da Casa tão logo o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresente a denúncia contra ele ao Supremo Tribunal Federal (STF). A Procuradoria-Geral da República (PGR) deve denunciar, no máximo até esta quinta-feira (20), Cunha e o ex-presidente da República e senador Fernando Collor (PTB-AL) por envolvimento no esquema de corrupção da Petrobras. A informação foi confirmada nesta tarde por fonte com acesso às investigações.
"Sou favorável que ele se afaste tão logo a denúncia seja feita", disse a deputada Eliziane Gama (PPS-MA). Doze deputados do PT, PSB, PSOL, PSC e PPS reuniram-se por mais de uma hora na liderança do PSOL para tratar do assunto. "Percebo que a manutenção do Cunha na presidência da Câmara pode ser ruim para a Casa", afirmou a deputada Maria do Rosário (PT-RS). Os deputados também devem se revezar em discursos para constranger Cunha na sessão desta quarta-feira (19).
Caso o STF acate a denúncia, o PSOL promete ir além, ingressando com uma representação no Conselho de Ética da Câmara solicitando a cassação de Eduardo Cunha por quebra de decoro parlamentar.
Na primeira reunião da CPI da Petrobras após a apresentação da denúncia, os deputados farão pressão para que sejam convocados Cunha e o lobista Julio Camargo, que acusou o peemedebista de cobrar propina de US$ 5 milhões no esquema de corrupção que envolve a estatal.
"Eduardo Cunha está fragilizado. A denúncia fragiliza a lógica de Cunha de se defender atacando o governo. Essa tática cansou", afirmou o deputado Ivan Valente (PSOL-SP).
Para o deputado, ele tem que se afastar do cargo para não interferir nas investigações. "Ele tem poder de atrapalhar as investigações", disse Valente.
O parlamentar diz que é preciso observar como os aliados de Cunha irão se portar após a apresentação da denúncia. Integrantes da cúpula do PSDB dizem que o partido deve manter uma "distância regulamentar" do presidente da Câmara. A avaliação dos tucanos é que Cunha não tem mais como voltar atrás da sua postura de atuar contra o governo e não lhe resta outra atitude são continuar a ofensiva.
"Cunha queimou os navios. Não tem mais como ele se recompor com a Dilma", diz o deputado Marcos Pestana (PSDB-MG). Questionado sobre uma eventual condenação de Cunha, ele disse que o deputado ainda não foi condenado. 

Câmara aprova em segundo turno redução da maioridade penal

ctv-qhw-plenariocamaraandreterca: Plenário da Câmara dos Deputados
O plenário da Câmara dos Deputados aprovou na noite desta quarta-feira, 19, em segunda votação, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que reduz a maioridade penal de 18 para 16 anos para crimes hediondos, homicídio doloso (com intenção de matar) e lesão corporal seguida de morte. O tema, que tramitava há 22 anos na Casa, segue agora para o Senado.
O PT promete voltar ao Supremo Tribunal Federal (STF) contra o trâmite da PEC na Casa. "Vou pedir ao Supremo para apreciar nosso mandado de segurança. A votação foi totalmente inconstitucional e antirregimental. Todas as regras foram violadas", afirmou o vice-líder petista Alessandro Molon (RJ).
Na votação em primeiro turno foram 323 votos a favor, 155 contra a redução da maioridade e duas abstenções. Hoje foram 320 a favor, 152 contra e uma abstenção. Por se tratar de mudança na Constituição, a proposta precisava ser votada em segundo turno e necessita de 308 votos para o texto ser mantido.    

A votação rachou o plenário. Alegando que jovens menores de 18 anos hoje têm "licença para matar", que Casas de atendimento a menores já são presídios e citando crimes que chocaram o País, votaram favoravelmente à redução PMDB, PSDB, PRB, PR, PSD, PTB, DEM e Solidariedade. "Hoje estamos aqui para fazer história. Estamos ouvindo a voz da sociedade. O Brasil quer a redução da maioridade penal, a sociedade não quer mais perder seus filhos para a violência", pregou a deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ).

A liderança do governo, PT, PSB, PDT, PCdoB, PROS, PPS, PV e PSOL orientaram voto contra a PEC. "O que nós estamos fazendo não vai resolver a violência. Quem mata no Brasil é o adulto. O jovem pode se recuperar", apelou o peemedebista Darcício Perondi (PMDB-RS), que votou na contramão de seu partido.
Pedalada regimental. Em julho, uma manobra apelidada pelos deputados governistas de "pedalada regimental" viabilizou a votação do tema duas vezes. Deputados governistas acusaram Cunha de golpe e recorreram ao STF. Na ocasião, o ministro Celso de Mello disse não ver argumentos jurídicos para suspender a tramitação da PEC porque a aprovação da proposta dependia ainda da votação em segundo turno. O ministro afirmou, no entanto, que sua decisão não impedia que um novo questionamento fosse feito no futuro.
Em nota divulgada antes do início da votação, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, reiterou sua posição contrária à PEC e destacou que a medida não vai diminuir a criminalidade. "A redução da maioridade penal é para nós algo insustentável. Caso isso seja aprovado nós teremos um erro jurídico, um erro do ponto de vista dos estudos científicos e um colapso no sistema prisional. Estaremos gerando mais violência e ferindo a nossa Constituição. Não podemos ser favoráveis a uma medida que trará enorme dano à segurança pública de todos os brasileiros", afirmou o ministro.
O governo alega que a medida impacta negativamente as contas da União, podendo gerar um gasto anual de R$ 2,3 bilhões porque será necessário ampliar as unidades prisionais para manter aproximadamente 40 mil adolescentes presos por ano.
"Não há como construir presídios para atender a essa demanda. E, ao invés de gastarmos bem, que é investir unidades onde se busque a ressocialização, estaremos gastando em presídios de adultos de onde dificilmente esses jovens serão recuperados", insistiu o ministro em nota. 
O Ministério defendeu mudanças no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), como ampliação no tempo de internação dos infratores para crimes hediondos.
A partir de qual idade uma pessoa é capaz de responder criminalmente por seus atos? O Brasil estuda baixar de 18 para 16 anos o limite para que adolescentes sejam julgados como adultos.

Biquíni usado por Bárbara Evans esgota em loja após postagem no Instagram

Bárbara Evans fez sucesso ao postar três fotos usando um biquíni neste fim de semana. Segundo Purepeople apurou, as peças usada por ela, da grife Anaianni, já estão esgotadas na manhã desta segunda-feira (17). A parte de cima da roupa de banho custa R$ 101 e a calcinha R$ 88. E é claro que os fãs também encheram a filha de Monique Evans de elogios pelo corpão, conquistado com recentes mudanças que fez na alimentação. "Parece uma Barbie", "Linda Demais" e "Perfeita" foram alguns dos comentários.
Deixados os 3 quilos que engordou no seu aniversário para trás, Bárbara se prepara para lançar um aplicativo sobre vida saudável e estrear como atriz na série "Dois Irmãos", na qual fará cenas quentes ao lado de Cauã Reymond e com quem foi apontada de ter um affair. Ela foi flagrada saindo do carro do ator durante as gravações e, questionada sobre o envolvimento com o ex de Grazi Massafera, se limitou a falar: 'Nada a dizer'. Após um breve namoro com o empresário Fabrício Assunção, Bárbara segue solteira.
Sósia mirim de Angelina Jolie divide papel com Bárbara Evans
Com estreia prevista somente para 2016, a série "Dois Irmãos" terá vários estreantes na TV. Bárbara vai dividir o papel com Monique Bourscheid, de 13 anos, que será Lívia mais jovem. A menina impressiona pela semelhança com Angelina Jolie. A atração de Luiz Fernando Carvalho também contará com sósias de Juliana Paes e Bruna Marquezine, interpretadas respectivamente por Leticia Almeida e Jakelyne Oliveira, eleita Miss Brasil em 2013.
Com oito capítulos, o programa ainda conta com nomes como Juliana Paes,Maria Fernanda CândidoEliane GiardiniAntonio Fagundes, Emilio Orciollo Netto, Ary Fontoura e Carmem Verônica. A história tem como conflito central a difícil relação entre dois irmãos gêmeos, vividos por Cauã. Na trama, a mãe dos rapazes tem que escolher qual deles vai viver longe da família e morar no Líbano.

Joelma e Chimbinha, da Banda Calypso, anunciam separação após 18 anos: 'Amizade'

Joelma e Chimbinha, do Calypso, estão separados. Assessoria de imprensa do casal enviou comunicado informando fim do casamento, nesta quarta, 19 de agosto de 2015
Casal tem dois filhos e avisa, através da assessoria de imprensa, que agenda de shows continua sem mudanças
Depois de Alexandre Borges e Júlia Lemmertz confirmarem a separação, agora foi a vez de Joelma e Chimbinha, da Banda Calypso, anunciarem o término do casamento. Os dois enviaram um comunicado à imprensa falando sobre a decisão de colocar um ponto final na relação, que durou 18 anos.
"A Great Assessoria, responsável pela assessoria de imprensa da Banda Calypso, informa que chega ao fim o casamento de Joelma e Chimbinha. A união de 18 anos deu fruto a dois filhos maravilhosos, projetos e parcerias tanto na vida pessoal quanto profissional como a Banda Calypso, maior banda independente do país e que conta com mais de 15 milhões de discos vendidos. Queremos ressaltar que o respeito, gratidão, amizade, admiração e parceria permanecem recíprocos. Informamos também que os compromissos profissionais da Banda Calypso seguem normalmente com agenda por todo o Brasil. Contamos com o carinho e a compreensão de todos para que esse momento seja preservado", dizia o comunicado.
Carol Celico anuncia nova separação de Kaká: 'Uma das decisões mais difíceis'
Juntos há 13 anos entre namoro e casamento, Kaká e Carol Celico já enfrentaram algumas crises no relacionamento e chegaram a se separar oficialmente no final de 2014reatando pouco mais de um mês depois.
Em julho deste ano, a blogueira revelou em seu Instagram que mais uma vez a relação chegou ao fim. "Uma das decisões mais difíceis da nossa vida é escolher se queremos andar juntos, ou separados. Decisões que influenciam outros, que interferem em mais vidas, que impactam na nossa vida e na nossa memória para sempre. Foram 13 anos juntos, muitas emoções, muitas histórias, muitos momentos bons e ruins que superamos sempre juntos. E o mais importante, as duas vidas únicas e tão especiais que ganhamos com esses 10 anos de casados. Dessa vez estamos há algum tempo superando o processo mais dolorido que é a separação".
Carol, que se mudou para os Estados Unidos para acompanhar o marido, jogador do Orlando City, e passaria a dar dicas sobre a Flórida em um site, pediu privacidade neste momento delicado.
"Não foi uma decisão fácil, e ela vem com desdobramentos delicados e um processo de luto. Somente eu e o Kaká sabemos da verdade da nossa distância e diferenças, talvez normais ou comuns, mas não possíveis de solucionar depois de inúmeras tentativas, durante um longo período de tempo".

Filie-se no PRB Caraguatatuba - (12) 997989179 - Guilherme Araújo.


TJ-SP apura fraude em casos de desembargador que soltou traficantes

Em despacho, o presidente do TJ-SP, desembargador Jose Renato Nalini, constatou que há graves suspeitas de que houve fraude


A investigação do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) que apura a conduta do desembargador Otávio Henrique de Sousa Lima identificou uma série de irregularidades que vão desde fraudes na distribuição de habeas corpus para que ele julgasse os pedidos (sempre de bandidos ligados ao crime organizado) a decisões que soltaram traficantes perigosos sem justificativas razoáveis. Pelo menos seis decisões de habeas corpus de Sousa Lima são considerados suspeitas.
Procurado pela reportagem, Sousa Lima não respondeu aos pedidos de entrevista. O Órgão Especial do TJ - formado pelos 12 desembargadores mais antigos do tribunal e outros 12 eleitos - vai decidir sobre o afastamento do magistrado depois de ele apresentar defesa prévia.
Em despacho, o presidente do TJ-SP, desembargador Jose Renato Nalini, constatou que há graves suspeitas de que houve fraude para que o desembargador Sousa Lima fosse o responsável por analisar o habeas corpus em favor de Welinton Xavier dos Santos, o Capuava, considerado pela Secretaria de Segurança como o maior traficante de drogas do Estado.
Nalini afirmou que, no trâmite que determina qual será o desembargador que vai decidir sobre um habeas corpus, o número do caso no sistema de distribuição dos de processos foi colocado com um digito a mais. Isso fez com que o pedido fosse encaminhado a Sousa Lima, que, conforme publicou o jornal O Estado de S.Paulo, soltou Capuava por considerar "frágeis" as provas apresentadas pela polícia.
Capuava e mais quatro homens foram presos, no fim de julho, em uma casa na zona rural de Santa Isabel, na Grande São Paulo. Lá, foram achados 1,6 tonelada de cocaína pura, 900 quilos de produtos para misturar na droga, 4 fuzis (um deles capaz de derrubar um helicóptero), uma pistola e carros com "fundo falso" para transportar a droga, que era distribuída para diversas cidades, segundo o Departamento de Narcóticos (Denarc).
Capuava foi solto no dia 5 de agosto. Os demais suspeitos permanecem presos. O traficante deu um endereço de uma casa do Itaim Paulista, na zona leste de São Paulo, como local da sua residência.
Na segunda-feira, a Justiça aceitou a denúncia do Ministério Público contra Capuava e os demais integrantes da quadrilha. A juíza responsável pelo caso aceitou os argumentos dos promotores e também decretou a prisão preventiva de Capuava. "Está muito claro na investigação de que se trata de uma quadrilha perigosa e articulada. A sociedade não pode ficar à mercê de grupos como esse", disse o promotor Adolfo Sakamoto Lopes. Capuava não foi localizado no endereço que deu à Justiça e está foragido.
Mais casos
O presidente do TJ citou outro caso onde ocorreu "o mesmo procedimento": por um erro de digitação, Sousa Lima foi escolhido para julgar um habeas corpus de um traficante preso com mais de 600 quilos de maconha. O homem foi solto porque não haveria "provas suficientes" nas considerações do magistrado.
Nalini afirmou que os despachos do colega "são desprovidas de um mínimo de fundamentação". O funcionário que supostamente errou a digitação foi identificado. Paulo Roberto Fogaça disse a Nalini que devia ter se equivocado na hora de digitar, o que fez com que o caso fosse parar nas mãos do desembargador Sousa Lima. Para Nalini, a "extrema coincidência" dos dois casos "reclama uma investigação aprofundada".
Em outro caso de abril de 2012, em um plantão do Judiciário, Sousa Lima mandou soltar Francisco Aurílio da Silva Melo. Segundo a polícia, ele é suspeito de ser integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC) e havia sido preso com outro comparsa, que guardava uma pistola, na frente do 69.º Distrito Policial (Teotônio Vilela), onde o atual diretor do Denarc, Ruy Ferraz Fontes, trabalhava.
Na casa de Melo, foram localizados um fuzil, três carregadores e outra pistola. Na decisão do mérito do habeas corpus, os outros desembargadores mandaram prender Melo.
Nalini aponta que, nos seis habeas corpus suspeitos de irregularidades, Sousa Lima usou a mesma justificativa, escrita de forma idêntica nas decisões, para soltar os bandidos. "Ademais seria um paradoxo conceder ao agente que respondeu a todo o processo preso o direito à liberdade para que pudesse instrumentalizar o seu recurso."
Nalini determinou que toda prova seja anexada à investigação. A medida é "para fins de investigar as condutas atribuídas ao excelentíssimo Senhor Desembargador". Uma cópia da portaria de Nalini foi encaminhada ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e à Corregedoria Nacional de Justiça. 

Belo faz empréstimo de R$ 1 milhão para dar carro novo à Gracyanne Barbosa

Belo realizou um empréstimo de R$ 1 milhão para comprar um carro novo para a mulher, Gracyanne Barbosa

Mulher do cantor pediu um veículo no valor de R$ 200 mil e a dívida será paga com shows
Mesmo tendo perdido R$ 30 mil recentemente no pagamento de uma dívida, Belo parece não se preocupar com dinheiro e não economiza na hora de agradar a mulher, Gracyanne Barbosa. Segundo o jornal "Extra", o cantor fez um empréstimo para comprar o carro novo da amada - ela pediu um veículo modelo Range Rover, zero. Como nenhuma concessionária aceitou um financiamento, exigindo o pagamento de R$ 200 mil à vista, Belo viajou para São Paulo e conseguiu um empréstimo de R$ 1 milhão com investidores em troca da realização de shows. Ainda de acordo com a publicação, o cantor já recebeu metade do valor e receberá o restante nos próximos meses.
A dívida quitada pelo casal em julho deste ano era com uma loja de móveis de decoração, que cobrava R$ 40 mil por uma compra de móveis feita em 2012, paga com um cheque sem fundo por Gracyanne Barbosa. Durante as negociações, alguns bens da casa de Belo e sua mulher chegaram a ser penhorados.
Aos 41 anos, Belo viu o rumo da sua carreira mudar significativamente desde que resolveu acompanhar Gracyanne Barbosa na rotina em busca de uma vida saudável. O cantor está visivelmente mais magro, sarado e repaginado - recentemente o casal curtiu o arraiá do Retiro dos Artistas, onde Belo exibiu o novo visual com uma camiseta regata. Com pinta de galã, ele arrebatou mais fãs e até começou a fazer campanhas publicitárias, um mercado inimaginável para o cantor conhecido pelo visual mais franzino. Até o sorriso passou por transformações após um tratamento dentário.
Feliz com a nova fase, ele contou ao "GShow" que está enchendo o cofrinho por conta de tantas mudanças. "Agora que eu estou na área do fitness, abriu um campo da publicidade para mim que antes eu não conhecia, que é importante, ajuda na renda familiar. Eu vivia só dos meus shows e, agora, abri um campo maior. A minha saúde é o mais importante, claro, mas a estética melhorou em tudo a minha vida, até no campo profissional. Abriu um campo que eu não conhecia e que eu estou extremamente feliz também", disse.
Gracy, que apesar do corpo sarado, também recorre ao Photoshop de vez em quando para corrigir pequenas imperfeições, foi a principal responsável por tantas mudanças na vida de Belo. "Eu entrei nessa coisa da dieta porque a Gracyanne me colocou. Hoje eu me sinto bem melhor, não conseguiria mais viver sem a dieta. Até para acompanhar a Gracy. A gente saía para jantar, e eu queria comer uma feijoada ou lasanha. Eu ficava encabulado, um pouco triste, porque minha mulher não ia jantar. Hoje eu consigo comer as mesmas coisas que ela come. Isso é dividir, ter cumplicidade", ressaltou.

Saiba como lidar com o fim inesperado de uma relação

O fim de uma relação é sempre uma etapa difícil mas quando a separação surge de forma inesperada ainda se torna mais complicado


Muitas vezes o casal consegue perceber que a relação está próxima do fim, mas quando o fim chega de forma inesperada, pode ser uma etapa muito difícil.
Num artigo ao site Psychology Today, a colunista e  ex-professora da universidade norte-americana de Yale, Rita Watson, reuniu algumas formas de lidar com o fim inesperado de uma relação.
Esta lista baseou-se em vários estudos realizados para entender os efeitos do amor e da rejeição. Com base na análise de imagens cerebrais foi comprovado que há uma semelhança entre a rejeição e a abstinência de cocaína.
1. Chore: Um médico norte-americano, que estuda o choro há mais de 15 anos, concluiu que chorar é terapêutico. Mesmo que não queira fazê-lo à frente de outros, chore quando estiver sozinho. Vai notar que se sente mais leve.
2. Resista à tentação de enviar mensagens: Não vale a pena enviar inúmeras mensagens ao seu ex companheiro. Muito provavelmente não vai obter resposta e ainda se vai sentir revoltado consigo mesmo.
3. Apague todas as mensagens: Não se martirize a rever as mensagens bonitas, ou as menos bonitas, que trocaram. Apague todas as mensagens e foque-se em recuperar e seguir com a sua vida.
4. Grite tudo o que lhe der vontade, sozinho: Não vale a pena falar mal do seu ex a pessoas que até podem gostar dele ou cuja opinião não vai aliviar em nada a sua dor. Feche-se no quarto ou no banheiro e durante uns minutos grite tudo o que lhe der vontade para descarregar a raiva.
5. Vire a página: Ao início pode parecer impossível, mas com o tempo vai fazer sentido. Vire a página sem rancores. Deseje tudo de bom ao seu ex e sinta-se grato pelos bons momentos que passaram juntos e pela amizade que compartilharam. Se terminar as coisas na sua cabeça de forma clara e pacífica vai estar preparado para encontrar alguém que o possa fazer feliz.

Padre Fábio de Melo detona Xuxa: “Vai distribuir potes de Monange”


Após a estreia do programa de Xuxa, na noite desta segunda-feira (17), muitos artistas usaram as redes sociais para falar sobre a nova atração da Record. Mas foram os comentários de Fábio de Melo que chamaram a atenção dos internautas, já que o padre era convidado frequente da loira enquanto ela estava na Globo.
O religioso fez piada com a nova atração de Xuxa, que recebeu no palco Érica, famosa pelo bordão “aham, Cláudia, senta lá!”. No Twitter, Fábio de Melo disparou: “Pronto, estando Cláudia devidamente sentada, Xuxa vai distribuir os potes de Monange que até então permaneciam estocados. #XuxaNaRecord”.
Alguns minutos depois, o padre ironizou uma fã de Xuxa que estava dentro de uma ambulância por causa da emoção de conhecer a apresentadora: “Analisem comigo. Se Xuxa estivesse lendo o Twitter, atenderia 40 pessoas. Mas como na outra rede só tem textão, só atende uma”, escreveu.

Exame de DNA revela que Cristiano Araújo não é pai do filho de estudante paulista

<p>Nesta terça-feira (18), o resultado do exame de DNA para comprovar se o filho da estudante Sara Nellye Campelo era, de fato, herdeiro de Cristiano Araújo foi divulgado. Foi constatado que o garoto, de 13 anos, não tem laços sanguíneos com o artista - morto em 24 de junho deste ano.</p><p>A notícia foi dada por Sonia Abrão durante o “A Tarde É Sua”, da RedeTV!.</p><p>Logo após o falecimento do sertanejo, a moça publicou um vídeo no Facebook alegando que seu filho poderia ser fruto de um affair com o cantor.</p><p>A paulista ainda destacou que havia decidido trazer o assunto à tona após ver a mãe do artista, Noélia, durante entrevista a um programa na televisão. Contudo, pouco tempo depois, a jovem assegurou que se arrependeu de revelar que tinha dúvidas em torno da paternidade do garoto.</p><p>Vale lembrar que Cristiano Araújo deixou dois filhos, João Gabriel, de 6 anos, e Bernardo, de 2. </p><p><strong><a href="http://www.facebook.com/pages/Famosidades/129946850420592">Opine no Facebook do Famosidades!</a></strong></p>


Nesta terça-feira (18), o resultado do exame de DNA para comprovar se o filho da estudante Sara Nellye Campelo era, de fato, herdeiro de Cristiano Araújo foi divulgado. Foi constatado que o garoto, de 13 anos, não tem laços sanguíneos com o artista - morto em 24 de junho deste ano.
A notícia foi dada por Sonia Abrão durante o “A Tarde É Sua”, da RedeTV!.
Logo após o falecimento do sertanejo, a moça publicou um vídeo no Facebook alegando que seu filho poderia ser fruto de um affair com o cantor.
A paulista ainda destacou que havia decidido trazer o assunto à tona após ver a mãe do artista, Noélia, durante entrevista a um programa na televisão. Contudo, pouco tempo depois, a jovem assegurou que se arrependeu de revelar que tinha dúvidas em torno da paternidade do garoto.
Vale lembrar que Cristiano Araújo deixou dois filhos, João Gabriel, de 6 anos, e Bernardo, de 2.

O consultor de negócios e políticas Guilherme Araújo apresenta novidades para uma nova gestão, muitas mudanças podem acontecer, vejam quais serão as nossas prioridades:

Transportes públicos: será constituída a secretaria de transportes e extinta a secretaria de transito, essa secretaria será transformada em uma diretoria dentro da secretaria de transportes. Essa diretoria tem a responsabilidade de fiscalizar e refazer os itinerários e horários e será obrigatório ter no mínimo 01 (um) ônibus circulando nos horários de 00h00min a 05h00min e que todas as empresas prestadoras de serviços como empresas de ônibus e funerárias deverá ter os carros emplacados em Caraguatatuba.
Taxistas: que sejam padronizados com uma única cor todos os táxis e emplacado no município.
 Saúde: Concursos públicos e contratação emergencial de médicos e profissionais da saúde, construção de 01 (um) hospital municipal de base, 01 (uma) policlínica especializada em pediatria, mulher e geriatria com atendimento 24 horas;
Funerária: uma funerária municipal e os munícipes terão os sepultamentos gratuitos desde que tenha o rendimento de 01 (um) salário mínimo vigente;
Funcionários públicos: Plano de carreira e melhores salários ao funcionalismo, concursos em todas as áreas.
Educação: Regularizar os salários dos profissionais da educação tendo como base os mesmo salários que são pago São Sebastião com, mas 5% em gratificação e regularizar o plano de acumulo de cargos. Que seja instalado um pólo universitário publica estadual ou federal;
Pré-vestibular e preparatório: comunitários em espaços públicos;
Pólo de universidades publica: em Caraguatatuba;
Parcelamento do ITBI: Que seja parcelado o ITBI igualmente se pode parcelar o IPTU.
Guardas-vidas: Concurso para guardas vidas e que estes estejam lotados na secretaria de defesa civil, e que estes profissionais sejam concursados e possam atuar nas praias, piscinas como centros esportivos, escolas e outros e em caso de calamidade e tragédias naturais estes profissionais seja convocados;
Ampliação dos balcões de: empregos em Caraguá e que cada região tenha um núcleo;
Eventos: Reformulação do calendário de eventos e em especial dos eventos da temporada seguindo algumas alterações:
Que os eventos da temporada sejam gratuitos e aberto ao publico, mas que tenha camarote vip para pessoas que tenham condições de pagar;

Que seja incluso neste calendário eventos, eventos gospel;

Guilherme Araújo entrevista o senhor José Luis das Neves

Guilherme Araújo, entrevista trabalhadores da construção civil





A noite do dia 18/08/2015 foi marcada com a
presença de mais de 400 Trabalhadores na Câmara Municipal de Caraguatatuba
reivindicando respeito por parte dos empregadores e empenho do poder público executivo
e legislativo de Caraguatatuba.

Nota 10

Parabéns aos trabalhadores presentes na noite de hoje na Câmara Municipal de Caraguatatuba em que vários trabalhadores reivindicavam respeito dos empregadores. Continuem nesta luta que no meu ponto de vista este é o caminho.