A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quinta-feira, 12 de março de 2015

Procuradoria pede investigação contra governadores do Rio e do Acre

A Procuradoria-Geral da República (PGR) protocolou nesta quinta-feira, 12, dois pedidos de abertura de inquérito no Superior Tribunal de Justiça (STJ) que devem investigar o suposto envolvimento de dois governadores citados por delatores da Operação Lava Jato. Os pedidos serão analisados pelo ministro Luís Felipe Salomão, relator do caso no STJ, que vai retirar o sigilo das peças e divulgar mais informações até o fim do dia. Com os pedidos enviados hoje, devem ser abertos inquéritos contra os governadores do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão (PMDB), e do Acre, Tião Viana (PT).
Se aceitos os pedidos, o STJ deverá investigar suposto envolvimento de Viana e de Pezão no esquema de desvios na Petrobrás apurado pela Operação Lava Jato.
Em depoimentos colhidos na Operação Lava Jato, o ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás Paulo Roberto Costa disse ter arrecadado R$ 30 milhões para "caixa 2" da campanha de Sérgio Cabral e Luiz Fernando Pezão (PMDB) ao governo do Rio em 2010. Na época, Pezão era candidato a vice-governador.  Costa disse ter se encontrado com os dois e com Regis Fichtner, ex-chefe da Casa Civil do Rio, para tratar de uma "ajuda" à reeleição de Cabral. O ex-diretor da Petrobras disse ter arrecadado o dinheiro com empreiteiras que atuavam na obra do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj). Pezão nega a conversa com Costa e diz que o delator precisa provar o que diz.
Costa disse ainda ter repassado a Tião Viana R$ 300 mil provenientes do esquema de corrupção. Segundo ele, a anotação "0,3 Tvian" em sua agenda é referente ao valor pago ao governador do Acre em 2010.
Outros casos. Em janeiro, o STJ recebeu quatro procedimentos referentes a citações de quatro nomes com foro na corte: da ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney (PMDB-MA), do ex-ministro das Cidades Mário Negromonte (ex-PP), hoje conselheiro do Tribunal de Contas da Bahia, além de Viana e de Pezão. A citação de Roseana que estava no STJ foi remetida à Justiça Estadual do Maranhão a pedido do juiz Sérgio Moro, da 13a Vara Federal da Justiça do Paraná. Roseana também está sob investigação do Supremo Tribunal Federal (STF). Na última sexta, 6, o ministro Teori Zavascki, aceitou pedido da PGR de investigar a ex-governadora por corrupção passiva. O caso de Negromonte também foi enviado ao STF por estar muito relacionado ao de investigados com foro na Suprema Corte.
Ao todo, até o momento, há 50 pessoas investigadas por suspeitas de envolvimento com o esquema de desvios na Petrobrás.

Celebridades são esperadas para protesto do dia 15

A manifestação contra a presidente Dilma Rousseff marcada para domingo em São Paulo contará com a presença de diversas celebridades. 


O ex-jogador Ronaldo Fenômeno confirmou presença no ato, de acordo com sua assessoria. A cantora Wanessa Camargo também é esperada no ato, segundo o deputado Paulinho da Força, presidente do Solidariedade, para quem ela poderá cantar o hino nacional na abertura do evento. 
O parlamentar, que é ligado à Força Sindical , segunda maior central sindical do País,  diz ainda que pelo menos 16 artistas confirmaram presença.  
A lista será revelada nesta quinta em uma entrevista coletiva na Câmara dos Deputados na qual o parlamentar anunciará o início de uma campanha partidária pelo impeachment de Dilma.

Ex de Luciano pede desculpas após insinuar que cantor é gay: “Sei que você é muito homem”

<p>Cleo Loyola, ex-mulher de Luciano Camargo, negou que tenha declarado que o sertanejo gostava de sair com homens. No entanto, pediu desculpas pela polêmica causada por conta de uma mensagem compartilhada na internet.</p><p>Por meio das redes sociais, a mãe de Wesley Camargo, fruto de seu relacionamento com o cantor, disse que a publicação anterior não foi de sua autoria, e ressaltou que não tem dúvidas quanto à sexualidade do artista.</p><p>"Luciano, essa foto é única. Fiquei grávida com 14 anos, como poderia falar da sua sexualidade? Sei que você é muito homem. Foi pai com 15 anos. Postaram coisas usando meu nome. Nunca falaria isso. Sei que um dia a paz reinará sobre nós. Muitos querem ver eu e você brigado para dar ibope, mas isso não vai acontecer nunca mais, afinal, Deus cuida dos seus", escreveu ela na legenda da imagem em que os dois aparecem ainda jovens.</p><p>Cleo ainda pediu desculpas pelo ocorrido: "Luciano, sei que sempre que nos separamos vivemos em guerra. Mas, dessa vez, não fiz isso. São mentiras para colocar nós dois, mais uma vez, em guerra. Quero te pedi perdão. Já erramos muito. Chega de ibope para a imprensa. Não fiz isso. Só tentei ajudar Wesley. Me perdoa por essa maldade".</p><p>A ex do sertanejo finalizou o post pedindo o fim das brigas entre as famílias.</p><p>“Não vou te chamar nem de Luciano, mas de Welson [nome de batismo do cantor]. Olha, chega de brigas. Vamos nos perdoar, afinal, somos filhos de um só Deus. Muita gente, principalmente os maldosos, querendo ver mais uma confusão na mídia. Sim, errei pela primeira vez em 26 anos e te peço perdão”, completou.</p><p>Vale lembrar que logo após o post polêmico, Wesley saiu em defesa do pai e disse que a mãe teria usado seu nome para divulgar calúnias sobre Luciano. O rapaz disse ainda que ela sempre usou suas mesadas em benefício próprio. Xiii...</p>
Cleo Loyola, ex-mulher de Luciano Camargo, negou que tenha declarado que o sertanejo gostava de sair com homens. No entanto, pediu desculpas pela polêmica causada por conta de uma mensagem compartilhada na internet.
Por meio das redes sociais, a mãe de Wesley Camargo, fruto de seu relacionamento com o cantor, disse que a publicação anterior não foi de sua autoria, e ressaltou que não tem dúvidas quanto à sexualidade do artista.
"Luciano, essa foto é única. Fiquei grávida com 14 anos, como poderia falar da sua sexualidade? Sei que você é muito homem. Foi pai com 15 anos. Postaram coisas usando meu nome. Nunca falaria isso. Sei que um dia a paz reinará sobre nós. Muitos querem ver eu e você brigado para dar ibope, mas isso não vai acontecer nunca mais, afinal, Deus cuida dos seus", escreveu ela na legenda da imagem em que os dois aparecem ainda jovens.
Cleo ainda pediu desculpas pelo ocorrido: "Luciano, sei que sempre que nos separamos vivemos em guerra. Mas, dessa vez, não fiz isso. São mentiras para colocar nós dois, mais uma vez, em guerra. Quero te pedi perdão. Já erramos muito. Chega de ibope para a imprensa. Não fiz isso. Só tentei ajudar Wesley. Me perdoa por essa maldade".
A ex do sertanejo finalizou o post pedindo o fim das brigas entre as famílias.
“Não vou te chamar nem de Luciano, mas de Welson [nome de batismo do cantor]. Olha, chega de brigas. Vamos nos perdoar, afinal, somos filhos de um só Deus. Muita gente, principalmente os maldosos, querendo ver mais uma confusão na mídia. Sim, errei pela primeira vez em 26 anos e te peço perdão”, completou.
Vale lembrar que logo após o post polêmico, Wesley saiu em defesa do pai e disse que a mãe teria usado seu nome para divulgar calúnias sobre Luciano. O rapaz disse ainda que ela sempre usou suas mesadas em benefício próprio. Xiii...

E vamos que vamos

Eu venho recebendo inúmeras denuncias de irregularidades, desvio de conduta de alguns profissionais que trabalham na saúde e etc. Após os últimos acontecimentos eu cheguei a seguinte conclusão. "Caraguatatuba não precisa ser decretada estado de calamidade publica, o que precisa é de gestores técnicos na área de saúde”, é o que eu posso neste momento informar aos meus leitores e seguidores.

Informação é tudo

O Portal da Transparência é uma importante ferramenta de controle social e vai te ajudar a melhor fiscalizar e cobrar a correta utilização dos recursos federais em sua cidade.
Cadastre-se, gratuitamente, em: http://goo.gl/QLV5MU