Linguiça - Moreira Artesanal

Linguiça - Moreira Artesanal

Cabeça's Barbearia

Cabeça's Barbearia
Av. Pres. Castelo Branco, Sumaré /anexo ao posto Shell, Caraguatatuba, (12) 99616-7705

segunda-feira, 7 de maio de 2012

Agora é Lei: Chineses terão que tatuar no pescoço "Made in China" para entrar no Brasil

Uma medida da Presidente Dilma Rousseff está obrigando os chineses a tatuarem no pescoço a frase "Made in China", para conseguir visto e entrar no Brasil.
O governo diz que a medida é extremamente necessária porque facilita na identificação dos chineses quando entram no território brasileiro, assim como demais produtos vindos da China.
O governo chinês não gostou da ideia e disse que irá discutir o assunto com Dilma Rousseff. Se Dilma não revogar tal decisão a China pensa em tatuar os brasileiros com a frase: "Cuidado, este é brasileiro".
Governo da China não gostou e pensa em tatuar os brasileiros com a frase: "Cuidado, este é brasileiro" 

Funcionários do SBT ameaçam greve se o Silvio não retirar Patrícia e colocar Chaves de volta

O clima está tenso no SBT. Até os funcionários da emissora querem o Chaves de volta, que saiu da grade de programação para dar lugar ao Roda Roda Jequiti apresentado pela filha de Silvio Santos, Patrícia Abravanel.

Os funcionários do SBT fizeram uma assembleia, na manhã desta sexta-feira (4), para anunciar uma greve geral, caso o seriado Chaves continue de fora da programação da emissora.

Acontece que, além de divertir o Brasil inteiro, o seriado Chaves também evita que os funcionários do SBT trabalhem, visto que para exibir o seriado basta rodar as antigas fitas de vídeos. Já a exibição do Roda Roda Jequiti requer um trabalhão, com produção e equipe. Além disso, os funcionários tem que aturar Patrícia Abravanel e Liminha.

Greve poderá começar na segunda-feira se o dono do SBT continuar deixando o Chaves fora da programação  

Polícia Civil do Rio de Janeiro, que apura a publicação das fotos de Carolina Dieckmann

A Polícia Civil do Rio de Janeiro, que apura a publicação das fotos de Carolina Dieckmann, acredita que Quinzé pode ter envolvimento com o caso. Durante a gravação da novela Fina Estampa, ambos viveram como gato e cachorro brigando sem parar e naquela ocasião, Quinze teve acesso ao computador de Teodora, personagem de Carol.
Por enquanto é só uma suspeita, aponta o delegado, que não poderá intimar Quinzé para depor porque o personagem não existe mais.

Suspeito apontado pela polícia passou mais de 6 meses brigando com Carolina Dieckmann igual gato e cachorro  

Rsrsrsrsrsrsr...... Fiquei sabendo hoje por uma fonte segura.....

O medico Dr. Marcelo Ugatti é o pré-candidato do prefeito ACS de Caraguatatuba para as proximas eleições municipal...

Thor Batista compra outra Ferrari para não ter o trabalho de ir ao DETRAN pagar multa

O filho de Eike Batista, Thor Batista, teve a sua Ferrari aprendida em uma blitz, porque estava sem a placa dianteira. O carro foi levado para o DETRAN e uma multa no valor de R$ 191,54 foi aplicada.
Mas Thor Batista já comprou outra Ferrari, para não ter o trabalho de ir até o DETRAN pagar multa para retirar o carro apreendido.
Segundo a fonte Verdana, Eike Batista teria ligado para Sérgio Cabral para negociar a compra do DETRAN, para evitar que outras Ferrari do filho sejam apreendidas, nas blitz do DETRAN no Rio de Janeiro.


Ferrari de Thor Batista é apreendida mas ele já comprou outra ao invés retirá-la no DETRAN
 

Quero tudo novo de novo.

Quero tudo novo de novo. Quero não sentir medo. Quero me entregar mais, me jogar mais, amar mais.
Viajar até cansar. Quero sair pelo mundo. Quero fins de semana de praia. Aproveitar os amigos e abraçá-los mais. Quero ver mais filmes e comer mais pipoca, ler mais. Sair mais. Quero um trabalho novo. Quero não me atrasar tanto, nem me preocupar tanto. Quero morar sozinho, quero ter momentos de paz. Quero dançar mais. Comer mais brigadeiro de panela, acordar mais cedo e economizar mais. Sorrir mais, chorar menos e ajudar mais. Pensar mais e pensar menos. Andar mais de bicicleta. Ir mais vezes ao parque. Quero ser feliz, quero sossego, quero outra tatuagem. Quero me olhar mais. Cortar mais os cabelos. Tomar mais sol e mais banho de chuva. Preciso me concentrar mais, delirar mais.
Não quero esperar mais, quero fazer mais, suar mais, cantar mais e mais. Quero conhecer mais pessoas. Quero olhar para frente e só o necessário para trás. Quero olhar nos olhos do que fez sofrer e sorrir e abraçar, sem mágoa. Quero pedir menos desculpas, sentir menos culpa. Quero mais chão, pouco vão e mais bolinhas de sabão. Quero aceitar menos, indagar mais, ousar mais. Experimentar mais. Quero menos “mas”. Quero não sentir tanta saudade. Quero mais e tudo o mais.
“E o resto que venha se vier, ou tiver que vir, ou não venha".

Prefeita de Malhador define com professores novo piso salarial da categoria Sarina Faro encaminhará para Câmara de Vereadores o resultado da rodada de negociações


 
MALHADOR (SE) – A prefeita de Malhador, Sarina Faro (PRB), se reuniu com representantes do Sindicato dos Professores (SINTESE) da cidade sergipana para negociar o reajuste e pagamento do novo piso salarial do magistério. Também participaram da rodada de negociação a secretária Municipal de Educação, Maria Leia dos Santos; o vereador Valter Rubens (PT); e os professores Wilson, José Luiz e Liene.

Com jornada de trabalho de 40 horas semanais, a categoria reivindicou o reajuste do novo piso dos professores, que passou de R$ 1, 1.187, 00 para R$ 1.451,00, um aumento de 22,22%. O valor reivindicado é garantido pela Lei Federal 11.738, de 16 de junho de 2008.

O projeto de lei para o pagamento de reajuste do magistério, a partir deste mês, será encaminhado para a Câmara de Vereadores, onde será analisado pela Comissão de Educação. De acordo com Sarina Faro, a prefeitura sempre manteve aberto o diálogo com os professores, ao demonstrar interesse no cumprimento da lei do piso do magistério, como também na qualidade da educação.

Para a republicana, além de repassar o conhecimento adquirido através de anos de estudo, o professor é peça fundamental na sociedade. “Ele atua com dedicação no exercício da profissão, para formar cidadãos conscientes, profissionais capacitados que, no futuro, vão retribuir à sociedade ao aplicar na prática a teoria adquirida em sala de aula”, disse Sarina Faro.

De acordo com a prefeita do PRB, apesar das dificuldades financeiras nas quais o município se encontra - em depender exclusivamente de repasses de verbas do governo federal e estadual, a Prefeitura de Malhador vai pagar o novo piso salarial da categoria.


PRB Mulher-SP está unido Militância reúne representantes na capital paulista


 
SÃO PAULO (SP) – A executiva estadual do PRB Mulher-SP reuniu, na sede do partido, na capital paulista, representantes republicanas de todo o Estado para capacitar e compartilhar informações. Mhel Lancerotti, presidente estadual da militância, também compartilhou o que foi passado no “III Encontro do PRB Mulher – Coordenadoras do Brasil”, que ocorreu nos dias 13 e 14 deste mês, em Brasília.

Mhel reúne as militantes mensalmente. Em abril foram duas reuniões: uma no dia 10 e outra, extraordinária, na última sexta-feira, dia 20. Nos encontros, além das presidentes da militância nos municípios, também estiveram presentes representantes dos gabinetes dos deputados estaduais Gilmaci Santos e Sebastião Santos, e dos federais Antonio Bulhões e Otoniel Lima.


A dirigente disse que esses eventos servem também para preparar as militantes para a campanha eleitoral, “ensiná-las a trabalhar o marketing pessoal e explicar, por exemplo, quais são as atribuições de uma vereadora”.


Lancerotti acrescentou que procura conscientizar as mulheres sobre a necessidade de todas caminharem juntas. “É como eu sempre digo: reunir-se é o começo, continuar juntas é um progresso, mas se trabalharmos juntas alcançaremos o sucesso”, afirmou. A republicana disse também que o PRB Mulher está unido, “formando um grupo coeso, preocupado com o crescimento do partido, independente do município”. Durante a reunião, Mhel Lancerotti adiantou que a militância está preparando um evento para comemorar o Dia das Mães.

Um novo jeito de governar