A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Segurança pública: onde isso vai parar?

Que as coisas não vão bem em diversos campos, isso é notório para todos. A saúde agonizando, educação precária, profissionais mal remunerados, desmotivados, falta de estrutura e equipamentos. Parece ser sempre o mesmo blá, blá, blá. Mas entre as diversas mazelas sociais que ocorrem neste pobre rico país, uma me chama mais a atenção: a segurança pública.

Não irei entrar no mérito do sucateamento das polícias, da falta de efetivo, dos míseros salários pagos em alguns estados, transformando a profissão em um subemprego, em uma última opção de trabalho. Isso também já é senso comum, notícia corriqueira. O que mais preocupa dentro da segurança pública é a inversão de valores que ocorre atualmente.

Entendo perfeitamente o espírito da Constituição de 1988. Ela foi elaborada por pessoas que vivenciaram situações de extremo abuso de poder, sobretudo pelos militares. Entendo também que a polícia de outrora era por demais politizada, entranhada em um sistema brutal e corrupto, servindo a interesses de um ou outro grupo que se revezava no poder. Tudo isso contribuiu para que um conjunto de leis mais rígidas no que tange o controle de abusos fosse criado. Além disso, a proliferação de políticas voltados aos interesses de defesa dos direitos humanos tornou-se uma realidade indissociável de qualquer lei que porventura seja criada.

O que está acontecendo nos dias atuais é justamente uma inversão de valores. A cada dia novas leis penais são criadas, favorecendo que opta pelo mundo crime. Brechas legais são utilizadas por experientes advogados para postergar condenações. Policias, ao contrário do que dita a lei, são praticamente considerados culpados até que se prove a inocência.  Militantes dos direitos humanos confortam famílias de presos, mas não auxiliam famílias de policiais mortos no cumprimento do dever. O próprio Estado paga auxílio reclusão de R$ 798,30 para famílias de detentos, enquanto briga para que o salário mínimo fique em R$545,00 e, ao mesmo tempo, tira todas as gratificações do policial da ativa que teve que se aposentar por invalidez em decorrência de acidente em serviço.

Onde está, afinal, a real defesa dos Direitos Humanos? Ela só existe para um lado da moeda? Cadê o Estado que não está vendo que as pessoas estão perdendo o principal de seus direitos, que é a liberdade? Como ter qualidade de vida se ela vem desacompanhada da sensação de segurança? Por onde andam os direitos dos cidadãos de bem de possuírem seus bens sem a preocupação de ter que escondê-los? Até quando vamos suportar infratores com mais de trinta passagens pela polícia soltos nas ruas e cometendo os mesmos crimes?

O Brasil marcha, perigosamente, para um caminho sem volta. Não gera votos investir em segurança pública. Não gera mídia o esforço para que um novo modelo de segurança seja implantado. As coisas não vão bem e a tendência é piorar. Os bandidos debocham de todo o sistema penal, a polícia e a justiça estão cada vez mais amarradas por leis criadas sem um mínimo critério, os presídios caríssimos não recuperam mais ninguém. Muitas questões, nenhuma ação e o sangue de gente inocente sendo derramado sem respingar nos detentores do poder, já que para eles o sistema não falha, pois vivem num país paralelo, com carros blindados, seguranças particulares e condomínios de luxo.
É isso.

Descance em paz Netto

Amigos Junior Reis e Barbara, mesmo estando aqui em São Paulo na cidade de Caraguatatuba, e com o coração partido e sem palavras para expressar o que estamos sentindo, eu entrego a Deus Junior Reis, Barbara toda a família Reis e peço que console neste momento tão difícil de suas vidas, na certeza que esta hora Netto esta no ceu.
A familia Araújo tambem esta de luto.
Meus pêsames

Comunicado Importantíssimo

Dados alarmantes, 70% dos vereadores de Caraguatatuba estão respondendo processos civis na TJSP e outras.
A hora esta chegando e o funil esta apertando....
Renovação total no legistativo de Caraguatatuba.

A sua ferramenta é o seu voto, faça dele a sua justiça na hora de votar...

Nove crianças sofrem abuso sexual dentro de Escola em Montes Claros

Peço uma corrente de orações pelo Neto filho do Vereador Jr. Reis

Quero pedir aos amigos (a) que faça uma oração pelo filho do meu amigo e vereador Junior Reis que foi atropelado na cidade de Buzios. 

Peço a todos oa amigos (a) que rezem e orem por essa criança. 

Vereador Junior Reis, esposa e familia Reis estamos orando pelo Neto e Deus esta no controle.

Apresentador diz onde Moram Alexandre Cardoso e Samuquinha-Candidatos a ...