ABI - Associação Brasileira de Imprensa

ABI - Associação Brasileira de Imprensa
Liberdade de Expressão e Ética

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Comunicado Importantíssimo

O Consultor de Negócios e Políticas Guilherme Araújo, filiou-se ao Partido Republicano Brasileiro (PRB) em 2006, e colocou o seu nome para disputar a Prefeitura de Caraguatatuba.
O convite foi feito pelos lideres sociais, professores, amigos (a), empresários, políticos e presidentes de associações civis.
Esta é a primeira vez que Guilherme Araújo é pré-candidato e coloca-se a disposição para entrar na disputa das eleições do próximo ano, Guilherme Araújo se viu motivado, pela necessidade que o município tem de passar por mudanças urgentes. De acordo com o pré-candidato Guilherme Araújo, o povo de Caraguatatuba está inconformado com a ex-gestão e com a atual gestão.
Sendo que eu fui pego de surpresa pela justiça eleitoral ao me comunicar que eu havia sido enquadrado na dupla filiação. Para minha surpresa o Partido Verde de Caraguatatuba me filiou em Caraguatatuba mesmo sem que eu preenchesse a ficha de filiação do partido verde.
Aqui em Caraguá acontece vem essas coisas...
Diante dessa situação os advogados de Guilherme Araújo já estão resolvendo essa situação com a justiça eleitoral e quero reafirmar o meu compromisso com o PRB e com o meu parceiro, amigo e pré-candidato Michelder em 2012.

“O que me salta aos olhos é ver nossa Caraguatatuba sendo governada apenas por pessoas de fora. Como se não houvesse em Caraguatatuba pessoas capazes para governar. Hoje até parece que somos uma pequena província”. Argumenta.

PSDB quer barrar eventual aliança entre PT e PSD na eleição em São Paulo

A aproximação entre PT e PSD em torno de uma aliança à sucessão da Prefeitura de São Paulo, movimento político que tem a bênção do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, levou o PSDB a deflagrar nos últimos dias esforço concentrado para barrar uma eventual dobradinha entre as duas siglas na capital paulista. A ordem do Palácio dos Bandeirantes é manter as portas abertas para uma aliança entre PSDB e PSD e, na medida do possível, ensaiar gestos públicos que reconstruam a ponte entre as duas legendas, rachada desde o final do ano passado.
O presidente municipal do PSDB em São Paulo, Julio Semeghini, reconheceu nesta terça-feira, 31, que a sigla vai trabalhar para que não haja um acordo entre PSD e PT e ressaltou que, até as prévias para a escolha do candidato tucano, marcadas para o dia 4 de março, as duas legendas podem avançar nas negociações. 'Nós vamos trabalhar muito para que esse relacionamento com o PT não comece', avisou.
A declaração do presidente nacional do PSD e prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, de que as conversas com o PSDB estão encerradas, alarmou, na noite de segunda-feira, 30, membros do Palácio dos Bandeirantes, que temem enfrentar as máquinas federal e municipal na sucessão de São Paulo. Os caciques tucanos esperavam que o prefeito de São Paulo aumentasse os acenos políticos ao PT, mas não aguardavam que ele exibisse publicamente sua insatisfação com o PSDB.
Na última semana, em conversa com o secretário da Casa Civil de São Paulo, Sidney Beraldo, o prefeito de São Paulo não descartou uma aliança entre PSDB e PSD, mas insistiu na indicação do vice-governador de São Paulo, Guilherme Afif Domingos (PSD), como candidato de uma eventual aliança. O presidente nacional do PSD teria reconhecido ainda que um acordo entre PT e PSD tem a simpatia das cúpulas nacional e estadual petistas, mas encontra bastante resistência entre lideranças municipais e movimentos sociais ligados ao PT.
Em busca de retomar as negociações com o PSD, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, não descartou nesta terça-feira, 31, pela primeira vez, um acordo entre PSDB e PSD que tenha como candidato o vice-governador de São Paulo. 'Nenhuma hipótese pode ser descartada em uma conversa', avaliou o tucano, o qual ponderou, contudo, que é natural que o PSDB tenha candidatura própria nas eleições municipais.
'Mas, quando se faz um entendimento, todas as possibilidades são discutidas', acrescentou o governador, após cerimônia nesta manhã de apresentação de quatro unidades móveis do Via Rápida Emprego. Ainda que Afif Domingos não tenha participado do evento, o governador fez questão de citá-lo em discurso e, em entrevista coletiva, fez elogios à sua trajetória política. 'Ele é um grande nome, tem serviço prestado a São Paulo, é um nome preparado para responsabilidades importantes.'
A composição de uma aliança entre PSDB e PSD, que tenha o vice-governador como cabeça de chapa, encontra simpatia entre aliados do ex-governador José Serra, que vislumbram a oportunidade de unir as forças das máquinas estadual e municipal em torno de uma única chapa. Um eventual acordo, contudo, não é bem visto por alguns aliados do governador Geraldo Alckmin, que não pretendem abrir mão de uma candidatura própria para a disputa municipal.
A proposta de Kassab é indicar o vice-governador à sucessão municipal em troca de dar apoio à reeleição de Geraldo Alckmin ao governo de São Paulo, em 2014. 'Daqui até março, o PSDB e o PSD conversarão bastante sobre eleição municipal e sua relação de longo prazo', afirmou Semeghini.
Ao PT, Kassab teria a oferecer o ex-presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, como vice na chapa de Fernando Haddad.'Eu sempre manifestei que tenho simpatia pelo candidato do presidente Lula e do PT', admitiu Meirelles na segunda-feira, após reunião do PSD. Homem ligado ao setor financeiro e presidente da Associação Viva o Centro, Meirelles é visto como 'o José Alencar de Haddad', ou seja, um vice capaz de quebrar resistências em setores em que o PT não atinge. 'Mas esse não é o projeto dele', lamentou Kassab.

Passeio ao Rio de Janeiro saindo de Caraguatatuba


Ola meus amigos (a) de Caraguatatuba, estamos preparando um passeio em vários pontos turísticos do Rio de Janeiro. Neste passeio está incluso os seguintes itens abaixo descriminados. 

Transporte, Hotel (com café da manhã), Praias de (Ipanema, Leblon, barra), Corcovado, Pão de açúcar, Escola de samba grande rio, Passeio na Lapa e mirante do Leblon a noite.
 

Período 03 (três) dias

Valor do pacote: R$ 1, 230,00
Data da saída: 03 de fevereiro as 20:00hs Retorno: 05 de fevereiro as 05:00hs.
Vagas limitadas de 15 pessoas

Saída de Centro de Caraguatatuba
Contato: (12) 97989179 – Guilherme Araújo

Visto para Austrália sairá mais rápido

A partir de 15 de fevereiro, tirar visto de turismo para a Austrália ficará mais rápido. Formulários poderão ser preenchidos pela internet e a apresentação de documentos extras só será necessária em alguns casos. Se tudo for aprovado, o visto poderá ser concedido no mesmo dia, garante a empresa responsável.

Afrah Modas tem novidades para você!!!!

Dilma acerta com PP substituição de Negromonte

A presidente Dilma Rousseff acertou a saída do ministro Mário Negromonte (Cidades) com a direção do PP e com o governador da Bahia, Jaques Wagner (PT). De acordo com informações de bastidores do governo, Negromonte poderá sair ainda nesta semana, logo depois da volta da presidente ao Brasil, na quarta-feira. Dilma viajou para Cuba ontem; amanhã segue para o Haiti e retorna ao Brasil.
Como na quinta-feira a presidente terá de enviar uma mensagem com os planos de trabalho do governo ao Congresso, é possível que o acerto para a saída de Negromonte ocorra na sexta-feira. A presidente pretende reunir-se com o ministro, uma forma de demonstrar um último sinal de prestígio, repetindo um gesto que usa desde a saída de Antonio Palocci (Casa Civil), em junho.
Será o nono ministro a deixar o governo Dilma. Desses, seis foram após denúncias de irregularidades: Antonio Palocci, Alfredo Nascimento, Wagner Rossi, Pedro Novais, Carlos Luppi e Orlando Silva.
Entre os nomes analisados pelo governo para suceder a Negromonte no Ministério das Cidades estão o do líder do PP na Câmara, Agnaldo Ribeiro (PB), e dos deputados Márcio Reinaldo (MG), Beto Mansur (SP) e dos senadores Benedito de Lira (AL) e Ciro Nogueira (PI). A presidente Dilma Rousseff, no entanto, prefere Márcio Fortes, que já foi ministro das Cidades e hoje ocupa o cargo de Autoridade Pública Olímpica (APO).
O acordo entre Dilma, o PP e o governador Jaques Wagner para a saída de Negromonte foi acertada ontem pela manhã, durante assinatura da ordem de serviço para o início das obras de revitalização urbanística da bacia do rio Camaçari, região metropolitana de Salvador. Depois, Jaques Wagner entrou no avião presidencial e seguiu com Dilma para a viagem a Cuba e Haiti. Ele foi o único governador a acompanhar a presidente.
Negromonte assumiu o Ministério das Cidades em janeiro de 2011, por imposição de seu partido, o PP, e com o aval do governador Jaques Wagner. Mas logo ele perdeu o apoio no próprio PP. Agarrou-se então em Wagner, que embora do PT sempre esteve ao lado dele. Os auxiliares próximos à presidente diziam que a chefe o considerava um mau gestor e que não via como mantê-lo na equipe ministerial. Nos últimos dias, apenas Jaques Wagner ficou ao lado do ministro.
Nos últimos dias, Dilma começou uma faxina nos escalões inferiores do Ministério das Cidades. Afastou primeiro o chefe de gabinete do ministro, Cássio Peixoto, por envolvimento com um lobista. Ontem, demitiu João Ubaldo Coelho Dantas do cargo de chefe da Assessoria Parlamentar do ministério, pelo mesmo motivo. Todos os auxiliares foram levados da Bahia a Brasília por Negromonte.
No final de semana, o governador Jaques Wagner confidenciou a um interlocutor que não havia 'perdido a esperança de salvar Negromonte'.
Ao mesmo tempo, porém, destacou que o destino do ministro das Cidades não dependia dele e que não achava correto ficar insistindo com a presidente Dilma para que o mantivesse à frente do ministério. 'Conheço o estilo da presidente e sei que pressão e insistência não adiantam. Se ela decidiu tirá-lo do ministério, não há quem a faça mudar de ideia', disse Wagner ao interlocutor. O desempenho do Ministério das Cidades na gestão Negromonte foi muito ruim. No comando do maior orçamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em 2011, Negromonte pagou apenas 8%das autorizações de gastos do ano. O Programa Minha Casa Minha Vida, um dos mais populares do governo Dilma Rousseff gastou menos de 5% dos R$ 12,6 bilhões autorizados por lei em 2011.
Desempenho pior foi registrado no programa de mobilidade urbana. A maior parte dos pagamentos registrados foram para obras contratadas ainda na gestão Márcio Fortes.

Nevoeiro no RJ afeta 228 voos no aeroporto Santos Dumont

Nevoeiro no RJ afeta 228 voos no aeroporto Santos Dumont - 1 (Fábio Motta AE)
Nevoeiro na cidade do Rio provoca transtornos para os passageiros do aeroporto Santos Dumont. Segundo a Infraero, 228 voos sofreram atrasos ou cancelamento

XIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIiiiii, falei

Passei hoje pela Rua Duque de Caxias, lá na Praia das Palmeiras. Está uma calamidade! Ela é importante porque liga a avenida da praia à avenida josé herculano, na confluencia com o acesso ao morro do algodão.
Não é à toa que os moradores das Palmeiras se sentem abandonados!
É uma lástima!
Por: Alvaro Alencar Trindade
 

Estado do cantor Wando ainda é muito grave

O chefe do CTI do Hospital Biocor, Herbet Miotto, disse ao Grupo Estado, no início da noite desta terça-feira, que o quadro do cantor Wando é muito grave e não há como precisar as chances que ele tem de se recuperar. 'Os procedimentos foram feitos com sucesso e agora temos que aguardar. É uma situação muito grave? É, mas existe uma chance, mas não dá para dizer de quantos por cento', disse o cardiologista.
Segundo ele, Wando deu entrada no hospital, em Belo Horizonte, com um quadro de forte angina (veia coronariana parcialmente entupida), na última sexta-feira, que acabou evoluindo para um infarto quando ele se preparava para passar por um cateterismo. O ponto positivo, disse o médico, é que o cantor não apresentou piora depois de ser operado. O artista segue respirando com ajuda de aparelhos e em coma induzido. 'O que temos a fazer agora é aguardar', afirmou o médico.
A família do cantor divulgou uma nota de agradecimento às manifestações de carinho de amigos e fãs. 'Estivemos passando por momentos muito difíceis e cruciais, mas sabemos que estamos agora em um melhor caminho. Apesar da gravidade do caso, sua melhora tem sido evidente e gradual', diz, na nota, a filha Gabrielle Burcci e a mulher do cantor, Renata Costa Lana e Souza. Gabrielle e Renata também agradeceram a equipe do hospital pelo 'excelente atendimento' e disseram acreditar que 'o fator hereditário e a corrida cotidiana contribuíram de forma importante para o que aconteceu'. Elas lembraram que 'Wando não bebe, não fuma e não é diabético, mas terá que rever seu estilo de vida'.

Indiciada recepcionista de hotel onde menina foi encontrada morta em SP

A recepcionista do hotel onde uma garota de 14 anos foi encontrada morta na zona leste de São Paulo será indiciada nesta terça-feira, 31. Segundo informou a Secretaria de Segurança Pública (SSP), ela foi indiciada por ter modificado a área do crime.
Marcela Santos Aguiar foi encontrada morta dentro de um hotel na Rua Manoel Ferreira Pires, no Parque Santo Antônio, na madrugada de segunda-feira, 30. Um estudante de 19 anos, que passou a noite com Marcela no quarto do hotel, foi preso por estupro de vulnerável e está sendo investigado.
Segundo funcionários do hotel, os jovens entraram no estabelecimento por volta das 2h40. No início da manhã, o estudante pediu ajuda à recepção, dizendo que Marcela estava passando mal. Os funcionários chamaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e avisaram o suspeito, que fugiu. No Hospital Sapopemba, foi constatado que Marcela morreu devido a uma parada cardiorrespiratória.
De acordo com o delegado titular do 69º Distrito Policial (Teotônio Vilela), Antônio José Pereira, a adolescente entrou no hotel utilizando o RG de outra mulher, maior de idade, que constava como documento extraviado.
Suspeito. Ao ser encontrado pela polícia, o estudante alegou que encontrou a vítima aparentemente alcoolizada. Ela também teria usado lança-perfume. Depois de mater relações sexuais, o estudante percebeu que Marcela não apresentava sinais vitais. Com ele foi apreendida uma trouxinha de maconha.
O estudante foi conduzido para 69º DP, onde o caso foi registrado como morte suspeita, oferecer droga a pessoa de seu relacionamento e estupro de vulnerável consumado.

Em ato, OAB defende 'atuação concorrente' do CNJ e das corregedorias


Em ato, OAB defende 'atuação concorrente' do CNJ e das corregedorias
"'Sem as investigações do CNJ, se beneficiarão magistrados sem compromisso com a Justiça'"

BRASÍLIA - Um ato promovido na terça-feira, 31, em Brasília pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) cobrou do Supremo Tribunal Federal (STF) uma decisão que garanta as atividades de investigação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).
Para convencer de que não é possível deixar essa tarefa apenas nas mãos das corregedorias dos tribunais locais, o presidente da OAB, Ophir Cavalcante, citou dados estatísticos do próprio CNJ. Segundo ele, dos 28 corregedores que atuam no Judiciário dos Estados, 18 respondem ou responderam a processos no CNJ. Cavalcante também disse que dos 27 presidentes de Tribunais de Justiça (TJs), 15 têm processos em andamento ou já arquivados pelo CNJ.
Para ele, esses dados demonstram que 'a atuação concorrente (da corregedoria nacional e dos órgãos de apuração locais) é imprescindível para preservar o princípio da moralidade administrativa e evitar a impunidade'.
'O CNJ precisa ter competência concorrente, a competência originária para, em determinadas situações, investigar os que não honram a toga da Justiça brasileira', disse. 'Sem as investigações do CNJ, se beneficiarão os magistrados sem compromisso com a Justiça', afirmou.
No discurso que, segundo a OAB, foi presenciado por cerca de 500 pessoas entre as quais autoridades dos três Poderes, Cavalcante disse que não é apenas a atividade de investigação do CNJ que está em jogo. Para ele, também está em discussão uma visão conservadora segundo a qual os tribunais e seus juízes seriam soberanos, incensuráveis e impermeáveis.
Primeiro presidente da história do CNJ, o advogado e ministro aposentado do STF Nelson Jobim participou do ato, defendeu a atividade investigatória do conselho e disse que os juízes têm a obrigação de prestar contas à sociedade sobre o que fizeram e o que deixaram de fazer. 'Todos nós somos servidores da nação e, portanto, servidores do povo', disse.

'Juiz vender férias é uma aberração', afirma ex-presidente do TJ carioca


'Juiz vender férias é uma aberração', afirma ex-presidente do TJ carioca
"'O funcionalismo público, de uma maneira geral, tem muitas regalias', observou Faver"

'Juiz vender férias é uma aberração', afirma o presidente do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunal de Justiça, Marcus Antônio de Sousa Faver. 'Alguns governantes precisam ter coragem para colocar critérios mais rígidos nas prerrogativas de todos os servidores públicos, inclusive do Judiciário.'
Os magistrados têm dois meses de férias por ano, privilégio do qual não abrem mão. Reside aí o segredo da multiplicação dos zeros nos contracheques em qualquer corte do País. Muitos juízes, ao invés do descanso, negociam suas férias com os tribunais aos quais estão vinculados. Juízes vendem e tribunais compram sob alegação de que o quadro de magistrados é reduzido para tanta demanda. Esse expediente inflaciona o holerite da toga, sobretudo quando as férias se acumulam. Lá adiante, quando a corte vai quitar o passivo com o juiz, agrega ao montante devido um certo fator de atualização monetária.
'Virou uma bola de neve', admite Marcus Faver, de 72 anos, desembargador aposentado pelo Tribunal de Justiça do Rio. Ele presidiu a corte entre 2001 e 2002, também o Tribunal Regional Eleitoral fluminense de 2003 a 2004 e integrou a primeira composição do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que anda às turras com o Judiciário desde que iniciou um pente fino nos benefícios dos magistrados e recorreu ao Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) em busca de malfeitos.
Em meio à tensão que marca os tribunais à espera do julgamento no Supremo Tribunal Federal sobre os limites do CNJ, Marcus Faver falou ao Estado.
?
A venda de férias pelos magistrados virou um negócio?
Isso passou a ser uma regra entre os funcionários do Judiciário e também do Ministério Público e das defensorias públicas. É regra geral do funcionalismo brasileiro e eu acho errado. Sabe de onde foram copiadas essas gratificações que são dadas hoje aos juízes? Do Ministério Público. Não existia isso na lei, foram copiar do Ministério Público.
Como acabar com isso?
Alguns governantes precisam ter coragem para colocar critérios mais rígidos nas prerrogativas dos funcionários públicos, todos os funcionários, inclusive do Judiciário. O Supremo deve incluir novas regras na Lei Orgânica da Magistratura.
O sr. concorda com dois meses de férias para os magistrados?
Concordo pelo tanto que os juízes trabalham. Eu trabalhava sábado, domingo, feriado. Muitas pessoas, tolamente, pensam que o trabalho do juiz é ficar na vara da uma às cinco da tarde. Isso não é nada. Juiz não trabalha só assim, o trabalho dele é feito em casa. Quando ele chega para dar o expediente externo ele já trabalhou 10 horas em casa. Ou mais. Passa horas, dias em cima do processo.
Outras classes não trabalham muito também?
Os outros funcionários não levam serviço para casa. Servidor fecha o cartório, vai para casa, não leva serviço. O juiz, ao contrário, leva a massa de serviços para casa. A população não fala isso por ignorância ou por má fé. Mas isso é absolutamente verdadeiro, é isso que acontece.
O sr. nunca vendeu suas férias para o tribunal?
Nunca. Eu acho que é uma necessidade física o juiz tirar as férias no período certo. Na época em que eu rabalhava, venda de férias não existia. A gente tinha férias, elas eram determinadas numa escala feita pelo tribunal no início do ano. Você sabia o período que iria tirar férias, havia até uma disputa porque a maioria dos juízes, em começo de carreira, com filhos pequenos, queriam é claro tirar férias em janeiro, para coincidir com as férias dos filhos. Nas comarcas em que eu trabalhava nós combinávamos entre os juízes. Ninguém falava em vender e comprar férias.
O sr. é contra a venda de férias?
Isso não é certo. Administrativamente, (dois meses de férias) é um direito que está ali. O que eu acho é que fisicamente é de todo conveniente que o servidor tire suas férias para que desfrute de seu descanso e venha recuperado. O acúmulo de férias é inconveniente. A Lei Orgânica da Magistratura não dá esses direitos, ela não prevê isso, pagamento de venda de férias. Não tem na Lei Orgânica. São leis estaduais que consagraram isso. Acho que um cidadão que trabalha como os juízes tem que gozar as férias pela sua integridade mental e capacidade de trabalho. Se você vender férias está demonstrando que não precisa delas.
Em São Paulo um ex-presidente do TJ recebeu R$ 1,6 milhão por créditos em atraso. O sr. acha correto?
Eu não sei como é que ele recebeu isso. Mas veja lá, o Judiciário está há 4 anos sem nenhum aumento. Por que razão?
Tem juiz ganhando mais de R$ 500 mil, incluindo férias atrasadas. Isso o escandaliza?
Claro, virou uma bola de neve. Há uma necessidade imperiosa de acabar com isso. As pessoas não percebem, elas acham que os juízes trabalham pouco e ganham muito. É a imagem que foi passada. A ideia que se passa na sociedade é essa, o juiz trabalha pouco, ganha muito e tem uma série de regalias.
Como acabar com as regalias?
O funcionalismo público, de uma maneira geral, tem muitas regalias. Talvez não devesse ter tantas, mas elas são consagradas em textos constitucionais, estatutos de funcionários, como é o caso dos juízes. Os juízes não estão recebendo nada que também não seja dados aos funcionários, ao Ministério Público, à procuradoria, à defensoria, que recebem mais do que os juízes. Façam uma comparação no salário dos procuradores e dos promotores para verificar se não ganham mais que o juiz. Isso cria um clima muito desagradável, um mal estar terrível.
Que sugestão o sr. tem para a nova Lei Orgânica da Magistratura?
Temos que fazer uma revisão da legislação brasileira relativa aos funcionários públicos para limitar essas regalias, esses benefícios que a meu ver são exagerados.
Cite um exemplo.
Pagar auxílio mudança. Não vejo porque. Na empresa particular, pega um funcionário de um banco, ele é removido de um lugar para outro, mas é do trabalho dele ser levado para onde foi designado. Não se paga as despesas dele com a mudança.
O sr. abre mão do seu sigilo bancário?
Completamente.
Quanto o sr ganha?
Eu ganho 24 mil e pouco. E tenho de gratificação do PAE (Parcela Autônoma de Equivalência) 5 mil e poucos.
Dá quase R$ 30 mil de salário. Isso não fura o teto?
Não, porque isso aí é era o que estavam devendo lá atrás, está sendo pago só agora.
No próprio site do TJ do Rio há informações sobre pagamentos incluindo vantagens adicionais que, em vários casos, chegam a R$ 300 mil pagos a magistrados. Como o sr. analisa essa situação?
Isso aí eu não sei. Estou aposentado desde 2010.
Quando o sr. se aposentou recebeu quanto?
Recebi o que recebo a mesma coisa hoje, a mesma coisa, não recebi mais nada. Não recebi atrasados, eu não tinha porque sou contra vender férias.
Os tribunais têm algo a esconder?
O tribunal que tiver algo a esconder não merece ser um tribunal. Se tiver um juiz que tenha um comprometimento qualquer deve ser banido, imediatamente banido. Eu defendo até uma outra posição: acho que um delito, um crime cometido por um magistrado ou uma autoridade, deve ter pena superior à pena aplicada a qualquer outro cidadão.
Por que?
Porque o juiz tem a obrigação funcional de não agir assim. Ele é um responsável pelo comportamento ético da sociedade, ele tem que ser espelho, tem que ser farol, sinalizador de um comportamento ético. E ele deve expandir isso para toda a sociedade. Um juiz deve ter rigorosamente função ética perante a sociedade.
O sr. defende punição maior para magistrados?
O Código Penal diz quando há circunstâncias agravantes e quando tem as atenuantes. Um cidadão que é juiz, que tem consciência daquilo que ele vai fazer, se ele comete um delito ele tem um agravante em cima dele. Ele está acima de um conhecimento normal de um cidadão. Então, tem que ser punido gravemente.
O sr. disse em Teresina (PI), durante reunião do Colégio de Presidentes dos TJs, que alguém tem interesse em desestruturar o Judiciário. A quem interessa?
Todos os tribunais, todos os presidentes, têm essa preocupação. As forças de certa propulsão de corrupção e do crime organizado têm interesse nisso. O crime organizado, que a gente divide no crime do banditismo, de controle do tráfico, por exemplo, e o crime da corrupção. São assemelhados, mas não são iguais. O crime organizado envolve as milícias, essas ações que partem para uma violência pessoal contra o juiz, como foi ocaso típico da juíza Patrícia (Aciolli) e o crime organizado mais sofisticado, que parte para a deterioração do poder capaz de persegui lo e condena lo. Um emprega a violência explícita e o outro parte para essa deterioração da imagem daqueles encarregados de responsabilizá-los Essa preocupação existe, está presente em todos os juízes hoje.
Mas a quem interessa a desmoralização do Judiciário?
Eu tenho ideia, mas prefiro não dizer de onde está vindo isso. Há interesses em que a Justiça não funcione.
Vem de outro poder?
Bem possível.
Com que interesse?
A história vai mostrar.
Seja mais claro.
Isso eu não posso dizer, é uma impressão minha, eu não sou um leviano. É uma impressão pessoal.
Por que os juízes temem a quebra de sigilo de suas contas?
Juiz que é juiz não teme.
Há resistência à vedação do nepotismo e limitação dos salários da toga?
Sim. Há um erro basilar nessa estrutura. Fixar subsídio para uma categoria que funciona como carreira é um erro administrativo brutal. Como é que você pode explicar que um juiz que ingressa hoje na magistratura vai ganhar a mesma coisa de um juiz que está na carreira há 10 ou 20 anos? Isso não tem lógica nenhuma.
Mas não era uma aspiração da categoria?
Nunca foi.
A primeira instância não queria essa quase equiparação com os mais antigos?
Nunca.
Mas os magistrados receberam de bom grado...
Claro, oferecem salário bom, juiz recebe de bom grado, mas nunca foi reivindicação (dos juízes). Ao contrário, a reivindicação do Judiciário é manter a hierarquia. As promoções de qualquer carreira administrativa têm no salário o seu incentivo. Você tem um juiz no início da atividade que recebe menos, o que já está há algum tempo na função que recebe mais e vai subindo hierarquicamente assim. Agora fundiram tudo, (criaram) no subsídio.
Não deveria existir um teto?
Claro que deveria. Mas o teto não virou teto, o teto virou piso. Pelas deformações é isso que está aí, erros e erros sucessivos de administração estão levando a isso.
Erros da administração do Judiciário?
Não é o Judiciário que fixa o teto, não foi o Judiciário que fixou.
O sr. é contra ou a favor do teto?
O sistema é federativo? É razoável fixar salário igual para o Brasil inteiro?
O que está errado?
O que deveria ser mantido é a hierarquia. Esse modelo quebra o princípio da hierarquia. Você pega um funcionário qualquer que entra hoje no serviço público para ganhar a mesma coisa daquele que está há 20 anos (no serviço). Não quebra a hierarquia? Não é justo. Você tem que respeitar a hierarquia.
Por que chegou a esse ponto?
A extinção do tempo de serviço é um erro administrativo brutal. Acabaram com isso, a gratificação (por tempo de serviço). Qual é o incentivo que o juiz deveria ter? A gratificação por tempo de serviço. Isso acabou. Deveria ser mantido. Tanto é que quando eu estava no CNJ remetemos um projeto que está lá no Congresso e nunca foi votado. Como é que vai justificar? Você está trabalhando, deveria ter um incentivo para continuar no seu serviço. Então, ganharia mais 5% quando faz 5 anos e assim subindo na carreira. Sob alegação de fazer teto acabaram com isso. É um erro grave.
O sr. acha que os tribunais são desprezados pelo Executivo?
Os governos, de maneira geral, relutam em repassar as verbas necessárias para o funcionamento adequado do Judiciário. O Judiciário não é visto como uma matéria de primeira necessidade para os governos estaduais.
Porque não puxa voto?
Mais que isso, o Judiciário está permanentemente perturbando a administração, Um exemplo: o sistema de saúde não funciona, as pessoas recorrem à Justiça para determinar a entrega de um medicamento ou para uma cirurgia. Um administrador do executivo está sempre infernizado pelo juiz que lhe ordena permanentemente cumprimento daquilo que prometeu fazer. O Executivo vê o Judiciário como um certo inimigo. O Judiciário é um poder que incomoda. A Constituição deu uma série de direitos aos nossos cidadãos e o fez corretamente, mas o poder administrador, o Executivo, não tem às vezes condições de cumprir aquilo e as pessoas reclamam e querem seus direitos.
Isso é ruim para o Judiciário?
Isso criou para o Judiciário um outro problema. Ele é chamado a intervir em tudo, em assuntos que, na verdade, não têm conhecimento, licitação, ecologia, hidrelétrica, transporte, desapropriação, telefone, tudo hoje em dia cai no Judiciário. O juiz nem sempre está preparado para isso. O juiz não é super homem, mas vai decidir, tem que decidir. O juiz não pode negar a prestação jurisdicional a quem quer que seja, por motivo nenhum. Isso provoca uma série de atritos e desagrada.
Qual a expectativa dos presidentes de Tribunais de Justiça para o julgamento no STF desta quarta feira?
Creio que o Supremo está dividido, não temos ideia do que será encaminhado e decidido. Mas a nossa expectativa é que o Supremo deve reconhecer que a resolução objeto da ação realmente contém pontos de inconstitucionalidade. Na integra essa resolução não se sustenta. Um ponto atacado, que a meu ver será derrubado pelo STF, é o dispositivo da resolução que transforma conselhos em tribunais, como o Conselho da Justiça Federal e o da Justiça do Trabalho. Isso aí não se sustenta.
Por que?
Transformar órgão administrativo em órgão jurisdicional não é constitucional. Conselho de contas, conselho da magistratura são órgãos administrativos. Quando é tribunal aí sim envolve jurisdição. As decisões do CNJ não envolvem jurisdição, só medidas administrativas. Também não se sustenta a modificação do texto da Lei Orgânica da Magistratura (Loman), que estabeleceu prazo de prescrição diferente do que está no código civil.
O sr. é contra a competência do CNJ para investigar desembargadores?
É preciso definir se a competência do CNJ para o processo disciplinar é originária ou derivada. A competência do CNJ não pode ser concorrente com as corregedorias (dos Tribunais de Justiça dos Estados). A regra de direito diz isso. Tem que procurar definir com técnicas judiciárias qual será o órgão competente para aquela questão. Tem que ter um órgão definido. Não pode ter dois órgãos com a mesma competência ao mesmo tempo.
Qual o problema?
O problema é que isso permitirá a uma pessoa que ajuíze uma mesma reclamação, ao mesmo tempo, num lado e noutro. Vai escolher, a seu critério, qual o órgão que ele achar melhor, mais rigoroso, ou o que vai dar uma decisão menos grave em sua avaliação. Acho que isso não pode se manter.
Os desembargadores estão preocupados com o julgamento no STF?
Tem que julgar e acabar logo com isso. A expectativa nos tribunais existe por causa de uma tormenta que estão fazendo em copo d'água. Seja de um lado, seja de outro, a competência do CNJ vai continuar, originária ou subsidiária. A originária significa que a própria Constituição deu ao CNJ o direito de avocar os processos. A subsidiária é a subsequente, o CNJ assume depois do julgamento do órgão correcional.
O sr. acredita que de fato as corregedorias dos tribunais são imparciais?
O que pesa nisso tudo é a fiscalização nos tribunais sobre desembargadores. É muito difícil cortar na própria carne, isso em qualquer profissão, jornalista, médico, engenheiro. Por isso se imaginou um órgão superior, com independência, fora das instituições, capaz de julgar os desembargadores. Todo o ponto está aí.
O corporativismo prevalece nos tribunais?
Quando se chega no tribunal surge a dificuldade de fazer apuração ou apenar os colegas. Todos têm ligação, um com o outro, então há uma tendência corporativista nefasta de não efetuar corretamente a correção. Foi daí que nasceu o CNJ, da omissão dos tribunais em punir os seus pares. Desembargadores investigados por infrações com proteção dos colegas, uma atitude corporativista negativa.
Para o sr. quem deve investigar desembargadores? O CNJ ou as corregedorias?
O CNJ deveria se limitar em competência originária apenas com relação aos desembargadores e deixar todo o resto para as corregedorias locais. A meu ver daria solução adequada e acabava com o problema. Eu acredito que o Supremo vai manter as liminares (dos ministros Marco Aurélio Mello e Ricardo Lewandowski). Não tem como ser de outra forma. O CNJ é órgão administrativo, não é órgão judicial. Não pode quebrar sigilo bancário. Houve a quebra de sigilo sem autorização judicial. Há que se estabelecer com muita tranquilidade, muita segurança, que o CNJ não é um órgão judicial, ele é um órgão administrativo. Participei do CNJ em sua primeira composição. Ajudei a elaborar o seu regimento interno. O regimento não prevê que o CNJ possa quebrar o sigilo bancário, porque isso depende de autorização judicial. O CNJ não funciona como juiz, mas como administrador.
Mas e se o Supremo não mantiver as liminares dos ministros Marco Aurélio Mello e Ricardo Lewandowski?
Então, vamos ter que saber aonde vão decidir as questões sobre competência das Corregedorias dos tribunais e do CNJ. O Supremo tem que dizer. Dois órgãos se arvoram competentes para aplicar punições. O Supremo vai ter que decidir, não pode empatar o jogo. Evidenciado se houve quebra de sigilo bancário sem autorização judicial não pode ser de outra forma.
O regimento interno do CNJ foi alterado?
Foi alterado depois, mas o regimento não pode permitir (que o CNJ quebre sigilo bancário). Seria uma ilegalidade manifesta. O CNJ é órgão administrativo fiscalizador dos tribunais Não tem viés judicial, não pode analisar uma decisão de um juiz. Pode verificar se aquela decisão, administrativamente, tem alguma ilegalidade, Mas analisar o conteúdo da decisão, jamais.

Convite de Alvaro Alencar Trindade

Estou convidando todos os nossos amigos para comparecerem na Câmara Municipal de Caraguatatuba, na próxima 2ª feira, dia 06 de fevereiro de 2012, às 19,00 horas para um Encontro Com o Deputado Carlinhos de Almeida.
Como o Deputado Federal mais votado da cidade, ele vem para dizer o que já fez por nós desde su posse. Vem ouvir nossas sugestões e reivindicações pertinentes com o mandato de deputado federal e se voce tem algum projeto, comunitário, social ou assistencial para apresentar em Brasília, poderá encaminhá-lo através do Carlinhos de Ameida.

Em clima de disputa, bancada do PT decide destino de Marta no Senado


Em clima de disputa, bancada do PT decide destino de Marta no Senado
"Para o PT, Marta Suplicy tem um papel importante no Senado"

A bancada do PT no Senado se reúne nesta quarta-feira, 1º, às 11 horas, para definir a permanência ou não da senadora Marta Suplicy (PT-SP) na vice-presidência da Casa. Marta resiste em cumprir o acordo celebrado há um ano com José Pimentel (PT-CE), de que fariam um rodízio no cargo.
A disputa está tão acirrada que o presidente do PT, Rui Falcão, foi convidado a participar da reunião a fim de contribuir para um desfecho pacífico. Isso porque a solução do impasse reflete, diretamente, na campanha do petista Fernando Haddad à Prefeitura de São Paulo. Outra pauta é a sucessão do atual líder petista, Humberto Costa (PE).
Nos bastidores, senadores petistas avaliam que faltou sutileza a Marta Suplicy nas tratativas para continuar no segundo cargo de comando do Senado. Seria como se Pimentel tivesse de se contentar com o cargo de líder do governo no Congresso.
Petistas ouvidos pela Agência Estado relatam que nos telefonemas que Marta disparou em busca de apoio para sua permanência no cargo, ela teria adotado uma atitude impositiva. Nessas conversas, alegou que merecia o cargo porque renunciou à candidatura a prefeita de São Paulo. Se também tivesse de abdicar da vice-presidência, era como se sofresse duas rejeições por parte do PT, prejudicando-a junto ao eleitorado. A cúpula petista receia que, frustrada em seus objetivos, Marta - que tem forte penetração na periferia - não ajude na campanha do ex-ministro Fernando Haddad à prefeitura paulistana.
Sucessão na liderança. Em outra frente, os senadores Wellington Dias (PT-PI) e Walter Pinheiro (PT-BA) disputam a sucessão do atual líder, Humberto Costa. Pinheiro afirmou à Agência Estado que não partirá para o confronto com o piauiense. 'Ao invés de sair aos tapas, vamos sair de braços dados', afirmou.
Por sua vez, Dias intensificou as negociações para arrebatar a liderança. Dias, que no ano passado liderou a cruzada dos Estados do Nordeste e do Norte pela redistribuição dos royalties de petróleo, não quer distância dos holofotes. Nos bastidores, ele argumenta que a Bahia já conta com uma representação forte no governo.
No ano passado, Pinheiro ganhou uma relatoria importante: o Plano Plurianual 2012-2015, que define o plano de investimentos do governo para os próximos quatro anos. Além disso, atribui-se ao governador da Bahia, Jaques Wagner, e a Walter Pinheiro, aliado de primeira hora de Wagner, a indicação do deputado Afonso Florence (PT-BA) para ser o ministro do Desenvolvimento Agrário.

Assembleia de SP inicia ano legislativo com pauta 'limpa'

A Assembleia Legislativa paulista inicia o ano legislativo nesta quarta-feira, 1º, com a retomada os debates e da votação de projetos de lei. Respaldado por sua ampla base de sustentação - 66 dos 94 parlamentares - o governo trabalha para que o ano corra sem sobressaltos. Já a oposição, em franca minoria, vê nas articulações para as eleições municipais deste ano uma janela para atrair parlamentares insatisfeitos e ampliar sua influência.
O líder do governo na Assembleia, deputado Samuel Moreira, dá a medida da influência do governador Geraldo Alckmin na Casa. 'Entre os projetos enviados pelo governo em 2011, quase todos foram aprovados. A pauta deste ano está praticamente limpa', afirma. Segundo Moreira, uma das prioridades para as próximas semanas é encaminhar o projeto de lei 687/11, que regulariza terras devolutas com menos de 500 hectares na região do Pontal do Paranapanema.
Ainda no primeiro semestre, outros dois assuntos que devem receber a atenção da bancada governista é a criação da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), com o objetivo de acelerar a formação de professores da rede pública, e a definição do novo piso regional do salário mínimo.
O ritmo de andamento desses projetos, porém, deve ser mais lento. Se nos anos sem eleições os deputados estaduais comparecem à Assembleia para discutir e votar projetos de terça a quinta-feira, neste ano a atividade legislativa pode ser reduzida a dois dias por semana - apenas terças e quartas, segundo o líder do PT na Casa, deputado Enio Tatto. Para ele, é 'compreensível' que em anos eleitorais as sessões sejam reduzidas para que o deputado atue na sua base, o que seria 'inerente' à atividade parlamentar.
Tatto afirma que em 2012 a oposição, que segundo ele reúne hoje 28 deputados - 24 do PT, dois do PC do B, um do PSOL e um do PDT - pode crescer e atingir o desejado número de 34 parlamentares, o mínimo para conseguir instalar Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs).
'Há deputados da base cansados de serem serviçais do governo que podem vir a atuar do nosso lado', afirma. Outra cartada na manga de Tatto são as conversas entre Gilberto Kassab e o PT para as eleições municipais. Para ele, se houver acordo para a disputa da Prefeitura de São Paulo, os três deputados do PSD podem vir a votar com a oposição. 'É um partido novo e tudo é possível', diz.

Bilionário visita o Rio com iate de US$ 200 mi

Um dos maiores iates do mundo está ancorado na enseada de Botafogo, na zona sul do Rio, desde segunda-feira. O Octopus - do bilionário americano Paul Allen, um dos fundadores da Microsoft - mede 126 metros. Entre outros luxos, tem dois helipontos, 18 suítes, cinemas para 150 pessoas e pistas de boliche. Allen, que já visitou o Rio, vai passar o carnaval na cidade. Em 2003, ele pagou mais de US$ 200 milhões pelo iate.

Carnaval 2012: blocos de rua serão monitorados por dirigível no Rio

Carnaval 2012: blocos de rua serão monitorados por dirigível no Rio
"Novo equipamento auxiliará no monitoramento da cidade"

SÃO PAULO - O carnaval de rua no Rio será monitorado por um dirigível neste ano. O presidente da Riotur, Antonio Pedro Figueira de Mello, anunciou a novidade na manhã desta terça-feira, 31, durante a divulgação do esquema operacional para os desfiles de blocos de rua que acontecem no período pré-carnaval, de 2 a 16 de fevereiro. A coletiva foi realizada no Centro de Operações Rio, na Cidade Nova.
O patrulhamento aéreo dos blocos será feito por um dirigível de 10 metros comprimento por 2,6 metros de altura com capacidade para sobrevoar as rotas da folia por até três horas numa altura de 30 metros do solo. Um gás não inflamável, inodoro e não tóxico modela o formato do 'zepelim', dotado de um motor elétrico silencioso e guiado por controle remoto.
O novo equipamento auxiliará ainda mais no monitoramento da cidade, que tem 560 câmeras instaladas nos principais pontos do município. Cerca de 790 mil foliões são esperados nos 151 blocos que desfilarão em todas as regiões da cidade no pré-carnaval. Neste período serão utilizados 2.150 banheiros químicos, além de outros 50 contêineres.

Militares são afastados por tirar fotos ao lado de escultura de vaca em SC


Militares são afastados por tirar fotos ao lado de escultura de vaca em SC
"PM está tomando providências para que todos, inclusive o fotógrafo, sejam ouvidos"

SÃO PAULO - Os quatro policiais militares de Santa Catarina flagrados tirando fotos com uma escultura da Cow Parade, no centro de Florianópolis, foram identificados e afastados de suas funções, segundo informações da Polícia Militar.
O flagrante aconteceu em novembro do ano passado, junto à escultura instalada em frente ao Mercado Público de Florianópolis, segundo a PM, e foi divulgado na segunda-feira na internet.
A PM está tomando providências para que todos os envolvidos, inclusive o fotógrafo, sejam ouvidos, para depois aplicar a punição necessária. Os PMs responderão a processo administrativo.
A mostra Cow Parade, que reúne vacas esculpidas em fibra de vidro espalhadas em diversos pontos da cidade, começou em novembro de 2011 em Santa Catarina e terminou em janeiro de 2012. As esculturas são expostas em espaços públicos com visitação gratuita.

Mulher com 2 vaginas recusa 1 milhão de dólares para fazer filme pornô

Hazel Jones
Hazel Jones 
Hazel Jone chamou a atenção da indústria pornográfica ao parecer nos noticiários do mundo inteiro devido a uma condição pouco comum: ela tem duas vaginas, uma condição rara conhecida como 'uterus didelphys'.
Segundo o site do Daily Mail, após sua entrevista a um canal de televisão inglês falando sobre a sua condição, Hazel recebeu uma oferta de Steven Hirsch, dono da Vivid Enterteinment, uma das maiores produtoras de filme pornô dos Estados Unidos. Segundo o site YMZ, a Vivid estaria disposta a pagar US$ 1 milhão para que a inglesa estrelasse um de seus filmes. Na carta, Hirsch escreveu: "Você certamente é uma pessoa extraordinária e eu gostaria de lhe fazer uma proposta para estrelar uma de nossas próximas produções. Nós pagaríamos até US$ 1 milhão pelos seus serviços".
Hazel não aceitou o convite.
"Eu nunca havia recebido ofertas desse tipo e eu nunca consideraria fazer isso em um milhão de anos. Eu apenas quero ser deixada em paz", disse ela.

Steven Hirsch, da Vivid
Steven Hirsch, da Vivid 
Durante a entrevista concedida na semana passada, quando falou de sua condição, Hazel afirmou ter perdido a virgindade duas vezes e que só soube que era diferente após um de seus namorados dizer que havia algo de diferente "naquele lugar". A inglesa afirmou, porém que já se acostumou à situação e não pretende fazer cirurgia para mudar.

Mulher rende ladrão e o obriga a ser seu escravo sexual

Olga Zajac, em foto divulgada pela polícia russa: ela obrigou seu escravo sexual a tomar Viagra
Olga Zajac, em foto divulgada pela polícia russa: ela obrigou seu escravo sexual a tomar Viagra 
Essa é a história de um ladrão que tentou se dar bem e acabou sendo vítima do seu próprio alvo. Viktor Jasinski, de 32 anos, invadiu um salão de beleza na cidade de Meshchovsk, na Rússia, armado com um revólver para fazer a limpa no caixa.
Depois de recolher a grana, ele foi supreendido pela jovem Olga Zajac, de 28 anos, cabeleleira e faixa preta de caratê. A loura derrubou o cara no chão, tomou-lhe a arma e amarrou suas mãos com o fio de um secador de cabelos.
Mas quem pensa que a história acaba aqui, está muito enganado. Em vez de ligar para a polícia, Olga arrastou Viktor até um quartinho escuro, tirou suas roupas e o obrigou a ser seu escravo sexual durante três dias. Depois de usar e abusar do sujeito, para lhe dar uma lição, Olga libertou o cara e ainda disse: "Desapareça da minha vista".
Viktor foi direto para um hospital para tratar de hematomas nos testículos e no pênis. À polícia, ele disse que ficou preso por um par de algemas de pelúcia cor de rosa e que neste período foi obrigado a tomar Viagra.
Olga foi chamada para depor e confirmou a história: "Esse cara é um idiota! Nós fizemos sexo muitas vezes. Mas eu lhe dei uma calça jeans nova, comida e ainda dei dinheiro para que ele fosse embora do meu salão".
Viktor foi preso por roubo e Olga, por tortura e cárcere privado.

Menina pode morrer se pentear o cabelo

Megan Stewart sofre da Síndrome do Cabelo Penteado, um caso único no mundo.
Megan Stewart sofre da Síndrome do Cabelo Penteado, um caso único no mundo. 
Megan Stewart, uma menina escocesa de 13 anos, pode ser considerada um caso único na medicina mundial. Ela sofre da Síndrome do Cabelo Penteado, ou seja, se ela escovar suas madeixas ruivas um pouco mais forte, ela entrará em colapso e poderá morrer.
Megan, que nasceu prematura, 12 semanas antes do previsto, tem problemas de visão, asma e deficiência pulmonar, mas nada disso a impede de ter uma vida normal. O que atrapalha mesmo é o fato de não poder escovar os cabelos.
O problema de Megan, na verdade, não é um caso da medicina, mas da Física. “O cérebro dela não aguenta a energia estática que se forma quando penteamos os cabelos”, disse Sharon, mãe da menina.
Megan só descobriu o problema quando tinha seis anos. Ela teve uma parada respiratória quando sua mãe penteava seu cabelo antes de ir para a escola.
“Ela simplesmente parou de respirar na minha frente. Chamei os paramédicos, ela foi para o hospital, ficou boa, mas os médicos não souberam explicar. Agora, ela fica até pálida quando precisa se pentear”, afirmou a mãe.
O pai Ian explica melhor o que a menina tem.
“Quando ela se penteia, cria tanta eletricidade estática que seu cérebro não aguenta. Ele praticamente ‘desliga’ e o coração para de bater e os pulmões não funcionam mais. Todas as vezes que ela se penteia, não sabemos como vai terminar”.
Megan teve que passar um ano de sua vida internada no Yorkhill Hospital até que fosse diagnosticada por físicos, e não por médicos.
Agora ela dá palestras para levantar fundos para o hospital que a tratou.

Restaurante espanhol oferece strippers como sobremesa

Clientes ainda têm opção: dança sensual ou briga entre as meninas numa piscina de lama 
Para enfrentar a crise econômica que assola a Europa e não ficar no prejuízo, o restaurante Campana de Ribarroja, em Valência, na Espanha, colocou no cardápio uma sobremesa, digamos, exótica. Depois de se servirem do prato principal, os clientes podem lamber os beiços com um show de strippers. E ainda têm opção: luta entre elas numa piscina de lama ou uma dança sensual em cima da mesa e até mesmo no colo!
A estratégia deu certo. O restaurante passou a oferecer essa “variedade no cardápio” no último Natal e, desde estão, a clientela não parou de crescer.
— Fomos confrontados com uma situação difícil e decidimos tomar medidas. Começamos a fazer isso um dia por semana durante o almoço, e agora já vamos fazer em três dias — disse María José Murciano, dona do restaurante, ao jornal espanhol “El Mundo”.
Por causa do show das strippers em plena luz do dia, o restaurante proibiu a entrada de menores de idade. Ainda assim, o local recebe cerca de 100 clientes durante os almoços das segundas, quartas e sextas, dias em que as “meninas” são as sobremesas.
— Tem gente que não sabe e, quando chega aqui para comer, não acredita no que vê. Já estamos fazendo reservas até para empresas — conta María José Murciano.

H&M deve chegar no Brasil A H&M, maior rede fast fashion mundial pode chegar ao Brasil através da C&A. Há algum tempo existem especulações sobre a entrada da poderosa sueca por aqui, mas nunca os rumores foram tão fortes.

H&M (reprodução)
H&M
A H&M, maior rede fast fashion mundial pode chegar ao Brasil através da C&A. Há algum tempo existem especulações sobre a entrada da poderosa sueca por aqui, mas nunca os rumores foram tão fortes.
H&M, que tem valor estimado em sessenta bilhões de dólares, produz roupas de qualidade por preços ótimos e concorre diretamente com a Zara. Segundo o site da EXAME, a H&M estaria interessada na compra da C&A que é líder no segmento fast fashion no Brasil tendo 210 lojas espalhadas pelo país.
Mesmo tendo a liderança em suas mãos, a C&A passou por dificuldades financeiras no ano de 2010 enfrentando até mesmo a falta de produtos nas lojas. Investindo em campanhas e parcerias como, por exemplo, Stella McCartney, Gisele Bündchen, Fergie, e Pedro Lourenço a marca conseguiu superar. Nenhumas das duas empresas confirmaram a aquisição, mas segundo um executivo da C&A existe negociação.
Particularmente acho positivo que a H&M chegue ao Brasil, além de não gostar da C&A e a qualidade da H&M ser indiscutível, logo, uma ótima troca, acredito que o Brasil merece uma loja do porte da H&M. Aguardemos.

100 anos de moda em 100 segundos A produção tem direção de Jake Lunt junto com The Viral Factory e trilha sonora de Tristin Norwell, foi feito para a inauguração do que teoricamente é o maior centro urbano de compras da Europa, o Westfield Stratford City que foi lançado em setembro deste ano. O vídeo foi gravado em quatro dias no leste de Londres e teve centenas de trocas de roupas.

100 anos de moda em 100 segundos é um vídeo que mostra a evolução da moda desde 1911 até os dias de hoje. É interpretado apenas por dois personagens, um homem e uma mulher que ‘dançam através do tempo’, mudam-se as roupas, a música e o ritmo da dança de acordo com a época.
A produção tem direção de Jake Lunt junto com The Viral Factory e trilha sonora de Tristin Norwell, foi feito para a inauguração do que teoricamente é o maior centro urbano de compras da Europa, o Westfield Stratford City que foi lançado em setembro deste ano. O vídeo foi gravado em quatro dias no leste de Londres e teve centenas de trocas de roupas.
Achei o trabalho super criativo e bem executado, é rápido, mas atinge o objetivo e sem falar na produção de moda e musical impecável.

www.netcina.com.br - Londres 100 anos de moda em 100 seg - London 100 ye...

Depilação masculina elimina barba através de pulsos de luz Ao contrário do laser, o tratamento é praticamente indolor e não invasivo, podendo ser feito também em peles morenas. Além disso, pode ser aplicado no corpo todo e é ideal para nadadores, lutadores e para quem busca um corpo livre de pelos.

Hoje em dia, os homens estão cada vez mais vaidosos e buscando tratamentos estéticos e também novos métodos para a remoção de pelos. Uma das principais reclamações masculinas é desconforto ao utilizar a lâmina na hora de se barbear. O procedimento acaba causando ferimentos no rosto e pescoço e também é um dos responsáveis pela foliculite, infecção dos folículos pilosos que deixa a pele com um aspecto vermelho, com edemas e imperfeições.
Para ajudar o público masculino a se livrar desse incômodo, a Pommes Depilação oferece o IPL (Intense Pulse Light), um método de depilação permanente que elimina os pelos de forma rápida, progressiva e segura através da aplicação de pulsos de luz, provocando a queda dos pelos num período de cerca de 10 dias.
Ao contrário do laser, o tratamento é praticamente indolor e não invasivo, podendo ser feito também em peles morenas. Além disso, pode ser aplicado no corpo todo e é ideal para nadadores, lutadores e para quem busca um corpo livre de pelos.
Segundo Sandra Regina Carneiro, proprietária da Pommes, os homens tem procurado novas técnicas para a depilação, principalmente para a barba, por isso, o centro especializado oferece um espaço exclusivo para atender o público masculino. “Mesmo tendo cuidado, geralmente a barba feita com lâmina não fica perfeita, o que pode causar ferimentos e foliculite. Nesses casos, indicamos o IPL que é a solução perfeita, já que elimina os pelos sem causar irritações e tem efeito prolongado”, comenta.
Para o procedimento ser eficaz, é necessário que sejam feitas algumas sessões que vão depender de cada pessoa, pois existem fatores como desequilíbrio hormonal e fototipo (tom da pele) que influenciam no resultado. Depois do término de todo o processo são realizadas apenas manutenções, geralmente uma ou duas vezes ao ano.

Evanescence - My Heart Is Broken

The Cure - Primary

Faith, o disco religioso do The Cure Em 25 de abril 2005, “Faith” foi relançado em versão CD duplo, inserido na série de Universal Music Deluxe Edition, no qual teve a inclusão da canção “Carrage Visors”, de quase 30 minutos de duração.

The Cure - Primary (reprodução / Youtube)
The Cure - Primary
“Faith” é o terceiro álbum de estúdio do The Cure, lançado em 1981 – quarto para alguns, se considerar a compilação “Boy´s Don´t Cry”. O trabalho mostra o clima que a banda vivia na época, causado pela perda de vários amigos, o final de algumas relações de amizade, assim como a morte da amada avó de Smith e da mãe do baterista Lol Tolhurst. O grupo também voltara a ser um trio após a saída do tecladista Matthieu Hartley, devido a desentendimentos graves com Robert Smith.
Robert Smith havia concebido “Faith” como uma série de canções que investigavam a idéia de fé como crença e durante sua composição visitava regulamente a Igreja. Ele entendia que as pessoas iam lá porque acreditavam na eternidade, no entanto, ele não tinha essa fé.
Segundo Roberto Smith, “Faith estava planejado para ser mais positivo, mas, devido aos diversos problemas pessoais que se abateu sobre nós na época, ele acabou se tornando mórbido, semi-religioso”.
A capa representa as ruínas da abadia de Bolton no nevoeiro. Fundado pela ordem agostiniana, nas margens do rio Wharfe, Yorkshire, Inglaterra.
O clima religioso, arrastado com teclados sombrios e percussão minimalista, começa na faixa de abertura “The Holy Hour”, conduzida por uma linha de baixo marcante de Simon Gallup.
Em seguida vem “Primary”, a única faixa “alegre” em Faith, lançada em single também foi o maior sucesso do álbum, chegando ao Top 50 do Reino Unido e 25º nas paradas dos EUA. A música começou a ser composta à época da turnê “Seventeen Seconds”, sob o nome de “Cold Colours” e com uma letra completamente diferente.
Fato curioso: muitas vezes antes de tocar a canção, a banda dedicava-a a Ian Curtis, líder do Joy Division.
Falando em Joy Divison, algumas canções aproximam muito do estilo “cold wave” do Joy Division, fase “Closer”. É o caso de “All Cats Are Grey” (uma citação shakesperiana), lenta e melancólica, Smith em sua teoria da derrota e perda celebra a elegia da morte. Todo este clima sorumbático continua na faixa seguinte “The Funeral Party”, que faz o ouvindo mergulhar de vez numa atmosfera surreal e etérea.
“The Drowning Man”, fala de uma menina que se afoga em um rio, enquanto Smith simula um canto gregoriano do submundo.
O álbum encerra com a faixa-título, talvez o momento mais sublime do álbum. Um fim digno de um trabalho amargo, duro, difícil, esmiuçando-se o estado emocional de seu compositor. Sua versão ao vivo, algumas vezes ultrapassa 15 minutos de duração (o dobro da original de estúdio).
Drogas e álcool desempenharam um papel importante na criação do álbum, bem como durante as sessões de gravação do álbum anterior, “Seventeen Seconds”.
Em 25 de abril 2005, “Faith” foi relançado em versão CD duplo, inserido na série de Universal Music Deluxe Edition, no qual teve a inclusão da canção “Carrage Visors”, de quase 30 minutos de duração.
Originalmente “Carrage Visors” só saiu na versão cassete de “Faith”. Trata-se de uma longa faixa que muda permanentemente de andamento, sem perder a forma. A idéia veio quando o Cure decidiu não ter mais bandas abrindo seus shows. Para deixar seu público distraído com alguma coisa, enquanto os concertos não começavam, o grupo fez “Carnage Visors”, um curta que seria exibido antes das apresentações. O filme, dirigido pelo irmão do baixista, Richard Gallup, não tinha enredo e mostrava uma dançarina mexicana fazendo acrobacias em um jogo impressionante de cores.
A versão Deluxe oferece também outras raridades da banda e faixas ao vivo. Além do single “Charlotte Sometimes”, que também está na coletânea de singles “Standing on a Beach”.
Um registro deprimente, certamente, mas também um dos álbuns mais subestimados e belos do Cure. A banda ainda voltaria nesse tipo de tristeza exuberante, embora um pouco menos sombrio e mais pop, em “Disintegration”, de 1989.
Outro fato curioso: a canção “All Cats Are Grey” é tocada no encerramento do filme “Maria Antonieta” (2006), de Sofia Coppola.

Minas Gerais e Rio de Janeiro continuam sofrendo com as chuvas Sudeste de Mato Grosso registrou 40% da chuva do mês apenas nesta madrugada. Ontem, os maiores acumulados ficaram concentrados entre a zona da mata de Minas Gerais e o Rio de Janeiro.

Uma área de instabilidade chamada de Vórtice Ciclônico de Altos Níveis organiza toda a umidade da Amazônia, gerando uma grande área de nuvens e chuva que começa na Amazônia e avança na direção do Sudeste e da costa da Região Sul. De acordo com os meteorologistas da SOMAR, apenas nesta madrugada choveu pouco mais de 100mm em Rondonópolis, no sudeste de Mato Grosso, correspondendo a 40% da média do mês de janeiro.
Já ontem, os maiores acumulados ficaram concentrados entre a zona da mata de Minas Gerais e o Rio de Janeiro. Em Barbacena, o acumulado chegou a 110mm entre 21h de domingo e 21h de segunda-feira, correspondendo a 40% da média de janeiro.
Entretanto, as atenções voltam-se ao Rio de Janeiro, mais especificamente à Sapucaia, região do Vale do Paraíba. Um deslizamento atingiu pelo menos oito casas. Não há uma estação meteorológica oficial em Sapucaia. Mas, de acordo com o meteorologista Celso Oliveira, fazendo-se uma média com as estações mais próximas, estima-se que desde outubro já tenha chovido 1200mm, 300mm a mais que o normal para o quadrimestre. Apenas nestes primeiros nove dias, a estimativa é de que tenha chovido uma vez e meia o normal para todo o mês de janeiro.
Já no Rio Grande do Sul e em Mato Grosso do Sul, no interior de Santa Catarina e do Paraná e no leste do Nordeste, a terça-feira começou com tempo seco e bastante abafado.

Como será o transito no Brasil em 2050? Pesquisa aponta que 27% dos brasileiros acreditam que o trânsito estará melhor em 2050.

Apenas 27% dos brasileiros acreditam que o trânsito estará melhor em 2050. Foi o que apontou uma pesquisa realizada pela OThink, consultoria de gestão de negócios, entre setembro e outubro de 2011, com cerca de mil pessoas de todo o país. O estudo apontou também que mais da metade dos entrevistados (57%) acredita que o trânsito piorará, 5% creem que não haverá mudança e 11% não souberam responder.
Os respondentes da região Sudeste são os mais pessimistas, 60% acredita que ocorrerá uma piora no trânsito enquanto que 22% sonham com sua melhora. Já a região Nordeste é a mais otimista. Além de 33% das pessoas acreditarem que o transito será melhor, o índice de pessoas que acredita em sua piora é menor (53%).
Comparando as respostas entre homens e mulheres, percebe-se que os respondentes do sexo masculino são menos pessimistas (30% dos homens acreditam que haverá uma melhoria e apenas 54% acreditam que haverá uma piora) enquanto que as mulheres são mais pessimistas (apenas 25% das pessoas acreditam que haverá uma melhoria e 60% acreditam que haverá uma piora).
Quanto às classes sociais, a mais alta (A) é mais pessimista em relação ao transito nas grandes cidades, apesar de 28% acreditarem que haverá uma melhoria 62% acreditam que esse quesito irá piorar até 2050. A classe C por outro lado é a mais otimista 27% acreditam que o trânsito irá melhorar e 53% que irá piorar.

Brasileiro acredita que 2012 será melhor que 2011 Brasileiro crê que 2012 será melhor do que 2011, mostra IBOPE Inteligência. Barômetro Global de Otimismo foi realizado em parceria com a rede global de pesquisas WIN e ouviu 52.913 pessoas de 58 países.

Para 74% dos brasileiros, 2012 será melhor do que 2011 e 60% acreditam que será um ano de prosperidade econômica. Esse mesmo otimismo se reflete na vida pessoal: 76% garantem estar muito satisfeitos com suas vidas. Esses são os principais resultados da pesquisa Barômetro Global de Otimismo, feita pelo IBOPE Inteligência em parceria com a Worldwide Independent Network of Market Research (WIN). Realizada em 58 países, com 52.913 entrevistados, o objetivo do estudo é medir a expectativa da população mundial para o ano que se inicia. No Brasil, foram ouvidas 2.002 pessoas com mais de 16 anos em 142 municípios entre 8 e 12 de dezembro de 2011.
Analisando a série histórica, é possível verificar que em 30 anos a proporção de otimistas dobrou no país, já que em 1980 era de apenas 38%. O atual índice de otimismo do brasileiro, de 74%, há três anos se mantém como o mais alto da história.
Neste ano, há um empate na média mundial em relação à economia: 32% acreditam que 2012 será de prosperidade econômica, enquanto 33% esperam um período de dificuldade. Entretanto, o otimismo brasileiro (60%) é o dobro da média global. Por região, a África é o continente mais otimista com a economia (68%), seguido da América Latina (54%). Os menos otimistas são os países do oeste (7%) e do leste (14%) da Europa.

Regiões do Brasil

As regiões Norte e Centro-Oeste foram as que apresentaram o maior índice de otimismo em relação à prosperidade econômica. Para 75% dos moradores dessas regiões, que registraram vigoroso crescimento nos últimos anos, 2012 será marcado por prosperidade. A região onde se observa o índice mais baixo é o Sudeste, com apenas 57% dos entrevistados acreditando em crescimento.
Por idade, como esperado, os jovens da faixa de 16-24 anos são os mais otimistas em relação à prosperidade econômica do Brasil em 2012 (67%). Já os mais velhos, acima de 50 anos, são os menos otimistas (53%).

Satisfação pessoal

Ao serem questionados sobre como se sentem em relação às suas vidas atualmente, 76% dos brasileiros declaram estar satisfeitos, bem acima da média global, de 53%. Os moradores da região Sul são os mais satisfeitos, com 81%, seguidos dos habitantes do Sudeste (76%), Nordeste e Norte/Centro-Oeste (ambas com 75%). “Nota-se que quanto maior o município menor o índice de felicidade”, conta a diretora executiva de marketing e novos negócios do IBOPE Inteligência, Laure Castelnau.
Ela também ressalta que quanto mais elevada a classe social, maior o índice de satisfação pessoal: 81% nas classes A/B, 76% na classe C e 71% nas classes D/E.
As populações de Fiji e da Nigéria são as mais satisfeitas, com 89% dos habitantes declarando estarem felizes com suas vidas. O Brasil aparece na sexta colocação atrás ainda de Gana, Holanda e Suíça. Já os cidadãos de Romênia e Egito são os mais infelizes, com índices de 39% e 36%, respectivamente. Por continente, os países africanos são os mais felizes (77%), seguidos da América Latina (74%). O mundo árabe (28%) e a América do Norte (20%) são os mais infelizes.

Licença-maternidade de 180 dias poderá ser obrigatória Empresas podem ser obrigadas a ampliar a licença-maternidade para 180 dias.

Gravidez (foto: Anna / Fotolia)
Gravidez
Ampliar o período de licença-maternidade de 120 para 180 dias pode deixar de ser facultativo e se tornar obrigatório às empresas caso o Projeto de Lei nº 2299/11, do deputado Bonifácio de Andrada (PSDB-MG), seja aprovado.
“A proposta é estender o período da licença maternidade, como já foi feito com a lei n.º 11.770/2008, por meio da qual foi criado o Programa Empresa Cidadã, destinado à prorrogação da licença-maternidade mediante a concessão de incentivo fiscal. O projeto de lei apresentado, visa a ampliação da licença, contudo, de forma compulsiva, sem qualquer benefício ao empregador”, explica a advogada Rafaela Domingos Liroa, do Innocenti Advogados Associados.
A proposta altera a Lei 8.213/91, que atualmente prevê o pagamento do salário-maternidade durante 120 dias (quatro meses). No entanto, de acordo com a advogada, apesar de beneficiar as futuras mamães, essa medida pode comprometer o mercado de trabalho para as mulheres.
“Embora seja um benefício muito bom para a empregada que engravida, que passa a ter condições de amamentar seu filho pelo período ideal recomendado pelos médicos (seis meses), se realmente for aprovado o projeto, certamente as empresas passarão a contratar mais funcionários homens, o que naturalmente vai dificultar o ingresso ou reingresso de mulheres no mercado de trabalho”, prevê a advogada.
A proposta, que tramita em caráter conclusivo, será analisada pelas comissões de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados.

Correis recebe 1.271 unidades do Kangoo Express Renault do Brasil entrega 1.271 unidades do Kangoo Express para os Correios.

A Renault do Brasil começou a entregar as 1.271 unidades do Kangoo Express 1.6 16V Hi-Flex à Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT). Esses veículos serão utilizados pelos Correios em 37 cidades, de 26 estados e do Distrito Federal. Foi a maior venda deste modelo já realizada pela marca no País, confirmando a capacidade do Kangoo Express de se adaptar e atender aos mais diversos tipo de utilização, além de reafirmar a boa relação custo x benefício deste furgão multiuso, com vocação para o trabalho urbano, cuja capacidade de carga é a maior da categoria: 800kg.
Kangoo Express (foto: divulgação)
Kangoo Express
Os Correios brasileiros não são os únicos a contar com o auxílio do Kangoo Express. O modelo serve também serviços postais de outros países. São mais de 60 mil veículos envolvidos no trabalho de entrega de correspondências em nações como França, Suécia, Irlanda, Holanda, Espanha, Noruega, Suíça, Polônia, Bélgica, Finlândia, México, entre outros. Na Europa, aliás, a Renault é líder de vendas de veículos utilitários há 14 anos.
No total, serão 1.271 unidades do Kangoo Express, sendo 1.017 modelos comprados no primeiro lote e 254 veículos adquiridos posteriormente. Os Kangoo Express que serão usados pelos Correios brasileiros já serão entregues pintados no tradicional amarelo usado pela companhia e contam com porta lateral corrediça. Todos são equipados com o motor 1.6 16V Hi-Flex, que desenvolve potência de 98,3 cv (etanol) e 95 cv (gasolina), sempre a 5.000 rpm. O torque máximo é de 15,3 kgfm (etanol) e de 15,1 kgfm (gasolina), a 3.750 rpm.
A agilidade no trânsito urbano e a boa capacidade de carga fazem do Kangoo Express um utilitário multiuso ideal para atender de profissionais autônomos a frotistas e órgãos de governo.
Para os consumidores, o Kangoo Express pode ser adquirido com ou sem porta lateral deslizante e já vem equipado com ar quente, regulagem elétrica dos faróis com comando interno (imprescindível para manter a visibilidade noturna quando o veículo está carregado), terceira luz de freio, retrovisores externos com dupla visão, protetor de cárter e pneus 165/70 R14. Opcionalmente, os consumidores têm à disposição ar-condicionado, direção hidráulica além da porta lateral deslizante.

Peças mais em conta

Dando continuidade à política de baixo custo de manutenção adotada pela marca em sua linha de produtos à venda no mercado nacional, a Renault diminuiu, desde o ano passado, o preço de peças e serviços do Kangoo Express.
Na média, os 27 itens do Kangoo, tiveram uma redução de 40%, quando comparados com os preços antigos. Entre os componentes que tiveram os seus valores reposicionados, merecem destaque: o par de discos de freios (-64%); a correia do motor (-58%); o cabo da embreagem (-20%), o elemento de filtro do ar (- 47%); a mola da suspensão dianteira (-74%); o rolamento de roda traseira (-78,4%); o silencioso traseiro (-69,7%).

Preço fechado

Os proprietários do Kangoo Express contam ainda com os benefícios do programa “Revisão Preço Fechado”, que fixa preços, válidos em todo o País, incluindo os valores de peças e mão-de-obra para a realização das revisões periódicas preconizadas no programa de manutenção preventiva da marca.
Além disso, está disponível o “Renault Assistance”, um serviço de assistência técnica e de socorro mecânico, com atendimento 24 horas. O “Renault Assistance” providencia um técnico para realizar pequenos reparos no local e, nos casos em que não for possível o reparo, a remoção do automóvel para a concessionária mais próxima.
O “Renault Assistance” é oferecido gratuitamente por 12 meses e inclui uma completa gama de serviços de assistência aos proprietários de veículos da marca.

Globo Esporte estreia estúdio móvel com Tiago Leifert e Neymar Tiago Leifert estreia estúdio móvel do ‘Globo Esporte’ com a participação de Neymar.

Na edição do ‘Globo Esporte’ São Paulo desta terça-feira, dia 24, Tiago Leifert estreou o estúdio móvel na Vila Belmiro, em Santos.
Tiago Leifert estreia estúdio móvel com a participação de Neymar (foto: TV Globo/Bob Paulino)
Tiago Leifert estreia estúdio móvel com a participação de Neymar
O programa contou com a participação especial de Neymar, que mostrou a inauguração do Espaço Puskas no Memorial das Conquistas do clube, em homenagem ao o gol mais bonito de 2011 eleito pela Fifa, feito pelo próprio jogador. Em volta do ônibus do ‘Globo Esporte’ centenas de pessoas se aglomeraram para acompanhar essa edição especial.
Dentro do Memorial do Santos, Tiago mostrou o espaço dedicado ao jogador e brincou que ele já pode se aposentar, pois tem um espaço para suas conquistas dentro da Vila Belmiro. Prontamente, Neymar afirmou que quer muito mais espaço por lá. Também estava presente no local o presidente do clube, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro, que comandou a cerimônia. Além do Prêmio Puskas, o local conta também com uma estátua do atacante feita em lata, a chuteira usada por ele na partida histórica contra o Flamengo, vencida pelo clube carioca por 5 a 4, e os títulos de Rei da América de 2011 e também o de melhor jogador da Copa Libertadores.
No bloco seguinte, Tiago Leifert foi para o estúdio móvel, onde realizou a entrevista de estreia com Neymar. Eles conversaram sobre sua trajetória dentro do futebol, o sucesso da carreira, os fãs, entre outros assuntos. O jogador aproveitou a ida e assinou um dos pufes que estão no cenário. Depois, Tiago saiu do ônibus para ficar mais próximo dos espectadores que estavam no local.

Mayara ou Fael, quem deve ser eliminado do BBB 12? O veterinário Rafael e a arte-educadora Mayara estão no paredão do Big Brother Brasil 12.

O anjo da semana, Ronaldo, o vendedor, de São Paulo, resolveu imunizar Yuri, o professor de muay thai, de Goiás.
A líder Laisa colocou o primeiro participante nesta etapa no paredão, a escolhida pela líder foi a arte-educadora, de São Paulo, de 23 anos, Mayara. Segundo Laisa, o motivo da escolha foi porque Mayara não faz muitas atividades na casa.
O segundo participante a ir para o paredão foi escolhido por votação, com maioria de votos Fael, o veterinário, do Mato Grosso do Sul, de 25 anos.
Para votar em Fael, você deve ligar para 0303 108 8401 ou envie um SMS para 88401, para votar em Mayara, você deve ligar 0303 108 8402 ou envie um SMS para 88402.
Na terça-feira (31) um destes participantes será eliminado da casa, quem deve sair do BBB 12?

The announcement of the provisional New7Wonders of Nature

Cataratas do Iguaçu, uma das belezas do Brasil Nesta terça-feira (31), o Google homenageou as Cataratas do Iguaçu com um doodle em sua página inicial. Cataratas do Iguaçu pode ser uma das Novas Sete Maravilhas da Natureza.

Uma das maiores belezas do Brasil e do mundo, as Cataratas do Iguaçu podem ser alcançadas a partir das duas principais cidades dos dois lados das cataratas, Foz do Iguaçu, no estado do Paraná, no Brasil, e Puerto Iguazú, na província de Misiones, Argentina, bem como a partir de Ciudad del Este, no Paraguai, do outro lado do rio Paraná.
Cataratas do Iguaçu (foto: Thonny Cantaleano / Cataratas do Iguaçu S.A. / divulgação)
Cataratas do Iguaçu (foto: Thonny Cantaleano / Cataratas do Iguaçu S.A. / divulgação)
No lado brasileiro das Cataratas, existe uma passarela ao longo do cânion com uma extensão para a base inferior da Garganta do Diabo.
Um passeio requisitado pelos turistas é o vôo de helicóptero que oferece vistas aéreas das quedas estão disponíveis apenas no lado brasileiro, a Argentina proibiu estas excursões. As Cataratas do Iguaçu já estiveram presentes de diversos filmes entre eles está “007 Contra o Foguete da Morte”, “Miami Vice” e “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Crista

Novas Sete Maravilhas da Natureza

Em 2011 as Cataratas do Iguaçu ficaram entre as finalistas selecionadas para participar da grande final da eleição mundial das Novas Sete Maravilhas da Natureza. O resultado, anunciado nesta terça-feira (21) pela Fundação New 7 Wonders, levou em conta o voto dos internautas e a opinião de um grupo de sete especialistas, que analisou uma série de quesitos como legado histórico e relevância ambiental, além da beleza dos locais.
A eleição das Novas Sete Maravilhas da Natureza teve início em dezembro de 2007, envolvendo mais de 440 atrações de 220 países. Entre os especialistas que selecionaram as finalistas estão o ex-diretor-geral da Unesco Federico Mayor Zaragoza e o ambientalista Rex Weyler, co-fundador do Greenpeace Internacional.
Eles avaliaram a beleza das candidatas; sua relevância ambiental (o nível de preservação); o legado histórico (relação da comunidade e\ou povos indígenas com o local); e a localização geográfica (entre as finalistas há atrações de todos os continentes).
No dia 11 de novembro de 2011 foi divulgado a pré contagem deste concurso, baseado na primeira contagem de votos resultados anunciados na sede N7W em Zurique, em 11/11/11, A New7wonders of Nature tem a sua primeira lista de 7 maravilhas, mas a lista é provisória. O processo de confirmação da New7Wonders está em andamento. Confira no vídeo abaixo o anuncio oficial da lista provisória das 7 maravilhas:

Aparecimento de uveítes é maior em quem fuma Tabagismo aumenta os riscos de uveíte. Pesquisa encontra relação entre tabagismo e um maior aparecimento de uveítes.

Já sabemos que fumar aumenta o risco de doença cardíaca coronariana, derrame e câncer de pulmão, mas agora, os oftalmologistas devem se preocupar também com um risco aumentado de uveítes.
O tabagismo está associado com uma ocorrência maior de uveítes, levando ao aumento da necessidade de uso de colírios esteróides e ao aumento da incidência de catarata e edema macular, diz um estudo de Martin Roesel, médico do Departamento de Oftalmologia do Hospital St. Franziskus, em Muenster, na Alemanha.
Os resultados deste estudo destacam a necessidade de encorajar os pacientes com uveíte a parar de fumar ou pelo menos reduzir a quantidade de cigarros fumados por dia.
Embora não esteja claro se o fumo está envolvido na patogênese da uveíte, o tabagismo parece de alguma forma desempenhar um papel relevante na maior atividade da doença, observou Martin Roesel. Seu trabalho foi publicado na versão on line da Graefe’s Archive for Clinical and Experimental Ophthalmology.

Tabagismo x uveítes

O tabagismo impacta negativamente as doenças auto-imunes. No grupo das doenças auto-imunes, o tabagismo está associado com um risco aumentado de doença de Crohn, maior gravidade da fibromialgia e maior risco de manifestações extra-intestinais em reto-colite ulcerativa. Os estudos também têm associado o tabagismo ao agravamento dos quadros de artrite reumatóide.
Mas qual o impacto do tabagismo sobre as uveítes? Roesel e sua equipe analisaram os dados de 350 pacientes com uveíte não infecciosa, dos quais 155 pacientes (32,9%) eram fumantes. E eles descobriram que a doença se desenvolvia, primeiro, nos fumantes. Além disto, os pesquisadores notaram que a doença era mais ativa nos fumantes, ou seja, eles têm uveítes com mais freqüência.
O número de cigarros fumados por dia também aumenta o risco da atividade inflamatória da uveíte. Conseqüentemente, os fumantes necessitam mais de colírios corticóides do que os não fumantes. E quanto mais maços fumados durante cada ano, mais forte é a presença de edemas maculares.

Uveítes não são apenas olhos vermelhos…

“Olhos vermelhos são sintomas comuns nas uveítes e nos quadros de conjuntivite. Daí, a importância de estabelecer um diagnóstico preciso. A uveíte é uma inflamação que se manifesta em toda a úvea ou em uma de suas partes”, afirma o oftalmologista Virgílio Centurion, diretor do IMO, Instituto de Moléstias Oculares.
Do ponto de vista anatômico, a úvea é dividida em duas porções: a anterior, que engloba a íris e o corpo ciliar, e a posterior, constituída pela coróide que está intimamente ligada à retina. “Por isso, os processos inflamatórios que atingem a coróide ou a retina se misturam. Muitas alterações que comprometem inicialmente a coróide passam a comprometer a retina e vice-versa”, diz Roberta Velletri, oftalmologista que também integra o corpo clínico do IMO.
Conforme o local em que a inflamação se manifesta, a uveíte pode ser anterior, posterior ou intermediária e os sintomas variam muito de acordo com o local comprometido. Quando o comprometimento é só do segmento anterior, ou seja, da íris ou do corpo ciliar, os sinais da doença são diferentes daqueles em que há comprometimento da coróide, isto é, do segmento posterior.
Na uveíte anterior aguda, os principais sintomas são hiperemia, fotofobia e, às vezes, dor. Na uveíte posterior, com comprometimento da coróide, mesmo a aparência do olho sendo normal, o paciente pode apresentar alterações da visão.
“Além da hiperemia, a queixa oftalmológica que os pacientes mais apresentam é a alteração da visão. Os pacientes se queixam da presença de uma mancha escura ou de turvação visual. Isso acontece, sobretudo, quando existe comprometimento da coróide e da retina, porque muitas células passam para o humor vítreo, que perde a transparência e a nuvem que se forma na frente da retina perturba a nitidez da visão”, explica Roberta Velletri.

Diagnosticando o problema

Quando se faz o diagnóstico das uveítes, estabelecer a distinção entre uveíte anterior e posterior é fundamental para determinar as prováveis causas. O olho funciona praticamente como um gânglio e muitas manifestações que apresenta decorrem de doenças sistêmicas.
Como a úvea é constituída por tecido muito semelhante ao das articulações, existe relação entre as doenças articulares – reumatológicas e auto-imunes – e as doenças da úvea. Já foi estabelecido também um estudo epidemiológico de prevalência que indica ser importante caracterizar o grupo etário a que pertence o paciente: jovem (de zero a vinte anos), adulto-jovem (de vinte a quarenta anos) e idoso (acima de quarenta anos).
“O diagnóstico diferencial também é importante porque existe a síndrome mascarada, com características que simulam a uveíte, mas que são manifestações de doenças sistêmicas como metástases, leucemia ou de alguns linfomas”, afirma a oftalmologista Sandra Alice Falvo, que também integra o corpo clínico do IMO. O corpo estranho intraocular também pode manifestar-se como uveíte e deve ser considerado durante o diagnóstico.
A causa mais freqüente de uveíte posterior é a toxoplasmose, inclusive a toxoplasmose congênita. No Brasil, há uma incidência alta de toxoplasmose adquirida, que é contraída pelo indivíduo quando ele entra em contato com o parasita causador da doença. Erechim, no sul do Brasil, é responsável por uma das mais altas taxas de toxoplasmose ocular do mundo, que é 18%, enquanto a taxa americana é de apenas 2%.
A contaminação geralmente ocorre com o contato das mucosas com fezes de cães e gatos contaminados com o parasita, bem como com o contato com terra contaminada, frutas e legumes mal lavados. “Assim, todos estamos expostos ao risco de contrair toxoplasmose. O diagnóstico da toxoplasmose ocular tem que ser feito logo, pois quanto mais tempo o indivíduo passa sem tratamento, maiores são as sequelas. A toxoplasmose congênita, dependendo da fase da gestação em que for adquirida pode levar além da má formação fetal à cegueira, por isso é tão importante que as gestantes evitem a exposição a alimentos com chance de estarem contaminados, durante a gestação”, alerta Roberta Velletri.

Incidência da doença

As uveítes são mais freqüentes no adulto-jovem, entre 20 e 40 anos. Nessa faixa de idade, 60-70% dos pacientes com uveíte posterior unilateral, turvação da visão e olho aparentemente calmo apresentam exame positivo para toxoplasmose. Na verdade, a partir dos quinze anos, aumenta muito a prevalência de uveíte posterior causada por toxoplasmose.
Já a uveíte anterior unilateral aguda em paciente idoso, na maioria das vezes, ocorre por conta de processos herpéticos, provocados pelo vírus herpes simples.
“Todos os pacientes com alguma manifestação reumatológica devem fazer um exame de sangue chamado FAN fatorantinúcleo, pois 70% dos que têm FAN positivo desenvolverão mais tarde um quadro de uveíte. A vantagem do diagnóstico precoce tanto da uveíte anterior quanto da posterior é poder atuar preventivamente, uma vez que o grande foco da terapêutica é preservar a anatomia do bulbo ocular, a visão e proporcionar conforto ao paciente”, explica a médica.

Alterações visuais

Pacientes com uveíte anterior não tratada correm o risco de apresentar uma lesão anatômica irreversível porque a inflamação dentro do olho pode provocar uma aderência da íris ao cristalino, fazendo com que ela deixe de exercer seu papel de diafragma.
“Por isso, quando o olho vermelho é sintoma de uveíte anterior, a primeira medida terapêutica é dilatar a pupila para evitar aderências e preservar a anatomia do olho”, conta Sandra Alice Falvo.
As uveítes sempre provocam alterações visuais. No entanto, é comum encontrar pacientes com uveíte posterior em que o diagnóstico só foi feito com base numa cicatriz mais antiga ou não chegou a ser feito. Tudo depende da área onde se localiza a inflamação.
“Se for na parte periférica da retina, poderá passar despercebida, o que não acontece quando a lesão ocorre na parte anterior da retina”, informa a oftalmologista.
Geralmente, nas crianças, o quadro não é agudo, é crônico e elas não reclamam muito porque vão se acostumando com os sintomas. São os pais que notam os olhos vermelhos. Com os adultos é diferente, uma vez que dor, sensibilidade à luz e hiperemia são sintomas marcantes da uveíte anterior.
“A uveíte que acomete a parte posterior do bulbo ocular, mais freqüente nos jovens e nos adultos-jovens, apresenta como sintoma mais comum a turvação visual”, afirma Sandra Alice Falvo.

Tratando a uveíte…

O diagnóstico preciso da uveíte é fundamental para orientar o tratamento adequado para cada caso. Se a causa primária não for combatida, o tratamento ocular pode trazer alívio, mas não a cura.
“Por exemplo, a sífilis ocular é considerada manifestação da sífilis terciária. Portanto, não adianta pingar uma gotinha de colírio para resolver o problema dos olhos. É preciso tratar a sífilis também”, lembra Sandra Alice Falvo.
As uveítes podem manifestar-se num olho ou nos dois olhos e estar associadas a doenças sistêmicas. Sobretudo nos casos de uveíte anterior, a primeira preocupação é dilatar a pupila e prescrever um antiinflamatório local, pois o tratamento oftalmológico visa a preservação da anatomia do olho e o conforto dos pacientes.
No entanto, a conduta terapêutica depende do diagnóstico etiológico. Indicam-se corticóides, quando o problema ocular está associado às doenças auto-imunes. Quando a causa for herpética, não se pode indicar tal medicamento.
“Nos casos de uveíte posterior por toxoplasmose, tuberculose ou sífilis é preciso introduzir um tratamento sistêmico. Por isso, o tratamento deve ser orientado conjuntamente, pelo oftalmologista e por um clínico, para garantir uma abordagem mais completa ao paciente”, defende a oftalmologista Roberta Velletri.

Delegacia Virtual do Estado de São Paulo

Delegacia Virtual do Estado do Rio de Janeiro