A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quinta-feira, 17 de março de 2011

Ronaldinho pode pegar gancho de seis jogos por entrada no Fla-Flu

 

A Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Rio de Janeiro (TJD/RJ) resquisitou as imagens do clássico entre Flamengo e Fluminense e vai analisar se denuncia o meia Ronaldinho Gaúcho pela entrada no goleiro Ricardo Berna. O Procurador-Geral do TJD/RJ, André Valentim, disse que vai analisar as imagens para tomar a decisão.
- Vamos verificar nas imagens se houve infração. No meu entender, houve. Mas quero ter certeza se foi praticada uma jogada violenta - disse Valentim ao site Justicadesportiva.com.br
Caso Ronaldinho Gaúcho vá parar no banco de réus, ele deve ser denunciado no artigo 254 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (praticar jogada violenta), que prevê como pena a suspensão de uma a seis partidas. Como Ronaldinho é primário e no lance recebeu apenas o cartão amarelo, a possibilidade de ser absolvido ou pegar apenas uma advertência é grande, caso a denúncia aconteça.
O presidente da Comissão de Arbitragem da Federação de Futebol do Rio, Jorge Rabello, ironizou a suspeita levantada pelo tribunal, e disse que a jogada foi enquadrada como ação temerária.
- O TJD pode denunciar porque não conhece regra. Ele está cumprindo a suspensão por três cartões. Os caras esqueceram que o carrinho é enquadrado como ação temerária, nem é imprudência. O Ronaldinho estava a dois metros do assistente da linha de fundo, que orientou o árbitro que o goleiro não foi tocado. O Berna fez teatro - disse Rabello.
De acordo com o manual de arbitragem, ação temerária é colocar em risco a integridade física de um jogador, enquanto imprudência é quando o jogador comete um ato sem intenção.
- Se o Ronaldinho acertasse é expulsão porque é força excessiva - explicou Rabello.

Nenhum comentário: