A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quinta-feira, 30 de junho de 2016

Prefeito de Caraguá assina convênio com governo do Estado para a construção de mais 240 casas populares

O prefeito de Caraguá, Antonio Carlos da Silva, esteve no Palácio dos Bandeirantes, no Auditório Ulysses Guimarães,nesta quarta-feira (29), para assinatura de um convênio com o Governo do Estado e a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Humano (CDHU). O acordo visa a construção de novas casas populares no município.
O documento foi assinado durante a cerimônia de lançamento do programa "Morar Bem, Viver Melhor", com a presença do Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin; do Secretário de Estado da Habitação, Rodrigo Garcia; do presidente da Câmara Municipal de Caraguá, Oswaldo Pimenta de Mello Neto (china); a vereadora de Vilma Teixeira de Oliveira, entre outras autoridades.


O prefeito Antonio Carlos disse que este convênio é de grande importância, pois visa atender as famílias de baixa renda cadastradas no programa habitacional municipal, mas que não foram contempladas no “Minha Casa Minha Vida”.
Este convênio é destinado à construção de um conjunto habitacional com 240 unidades, no bairro Travessão, na Rua João Batista Fernandes, no Travessão, em frente à Escola Estadual Benedito Paes Sobrinho.
De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Social e Cidadania, Marcelo Paiva de Medeiros, até o final deste ano, serão entregues 1.950 casas pelo programa “Minha Casa Minha Vida”. “Mas ainda temos muitas famílias de baixa renda cadastradas, que não puderam ser contempladas. Este convênio reforça o comprometimento do Governo Municipal em propiciar aos nossos munícipes a realização do sonho da casa própria”, disse Medeiros.
Desde 2012 em execução, o Programa Habitacional de interesse social de Caraguatatuba foi responsável pela construção de 500 moradias no bairro Jetuba e 1.470 no bairro do Travessão. “E agora, com a assinatura deste convênio, entraremos na fase de licitação para a construção de mais 240 unidades, que beneficiarão cerca de 1.500 pessoas pelas estimativas da prefeitura”, concluiu o secretário.

Nenhum comentário: