Esthetic Center

Esthetic Center
Av Maranhão, 417, Jardim Primavera

Castro Massas - Delivery

Castro Massas - Delivery
Peça já seu marmitex e lanches delivery (12) 992124729 - (12) 982035208 - Enseada - São Sebastião

Bar do Helio

DREAM HOUSE Festas Caraguá

Brasileirinho Delivery

Viela Café Caraguá

terça-feira, 2 de maio de 2017

Legislação ambiental é tema de palestra para engenheiros e arquitetos da cidade

Mais de 40 profissionais participaram da palestra, “A Aprovação Ambiental na Construção Civil”, promovida pela Prefeitura aos membros da Associação de Engenheiros, Arquitetos e Agrônomos de Caraguatatuba (AEAA).

A palestra foi proferida pelo oceanógrafo e diretor consultivo, da Secretaria de Meio Ambiente, Agricultura e Pesca, (SMAAP), Ronaldo Cheberle, que falou sobre a importância de compatibilizar projetos de construção civil com a lei ambiental. 

De acordo com Ronaldo Cheberle, essa compatibilização diminuiria o enorme número de projetos que hoje são indeferidos por não estarem em concordância com a lei.  Segundo ele, para obter a aprovação de construção o projeto tramita primeiramente na secretaria de Urbanismo e depois na de Meio Ambiente.

“Trabalhar de acordo com a legislação é uma forma de ganhar tempo e dinheiro, além de evitar aborrecimentos, já que o trâmite entre as secretarias se torna mais  mais rápido”, explica Cheberle, que reforça ainda que a falta de informação faz com que muitos projetos não vinguem.

Já o secretário da SMAAP, Marcel Giorgeti, considerou excelente a receptividade dos profissionais à palestra. “Já estamos pensando em mais duas para continuar desenvolvendo o assunto, como por exemplo, a elaboração de plantas”.

Ainda de acordo com Giorgeti, a iniciativa abriu um importante canal de comunicação entre a Prefeitura e os profissionais de engenharia e arquitetura. 
Para o próximo encontro, o secretário destaca a participação de corretores de imóveis.  “Nosso objetivo é estreitar essa parceria para melhorar as condições socioambientais da cidade. Quem ganha com isso é o município”. 

O presidente da AEAA, Nilton de Oliveira e Silva, também participou do encontro.

Nenhum comentário: