A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

terça-feira, 24 de julho de 2012

Secretaria de Saúde incentiva doação de sangue no município

A Secretaria Municipal de Saúde pretende realizar mais ações que incentivem a doação de sangue em Ubatuba. Para isso vai programar, juntamente com a Santa Casa, novas campanhas, oferecendo o apoio técnico e logístico necessários. As datas das próximas campanhas serão divulgadas oportunamente. 
A Secretaria de Saúde participou na última quinta-feira, da Campanha de Doação de Sangue “Bombeiro Sangue Bom”, realizada na Base dos Bombeiros de Ubatuba. A secretária de Saúde, Solange Toledo, esteve presente e colaborou com a campanha, doando seu sangue.

Para dar apoio às atividades, a Secretaria de Saúde colocou um veículo do SAMU, com funcionários, à disposição da Campanha e colaborou ainda com o transporte do sangue coletado para o Hemocentro de Taubaté. De acordo com o comandante da Base dos Bombeiros em Ubatuba, sub-tenente Nestor Gama Pinto, a coleta iniciou às 8h e aproximadamente 120 pessoas se inscreveram para realizar a doação. Porém, após a triagem, apenas 58 estavam aptas a doar, o que resultou em cerca de 24 litros de sangue coletados.
“Nós apelamos para a comunidade doar sangue neste mês de julho, quando os Bombeiros de várias cidades do Estado estão realizando esta campanha”, explicou o subtenente Gama, acrescentando que houve uma boa procura e que o evento superou as expectativas.

Quem pode doar sangue

Podem doar pessoas com mais de 50 kg, entre 18 e 67 anos. É recomendável que seja feito repouso de no mínimo 6 horas antes do ato da doação e a pessoa precisa estar em boas condições de saúde, além de evitar alimentos gordurosos e derivados do leite um dia antes. Alguns outros fatores podem causar o impedimento no momento da doação, como: estar grávida ou amamentando, estar com gripe ou febre, ter ingerido bebida alcoólica no dia da doação, ter feito tatuagem ou piercing sem condições de avaliação de higiene há menos de um ano e comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis. 

Nenhum comentário: