A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

sábado, 31 de outubro de 2015

Pimenta: ardida, mas saudável

A pimenta aumenta a produção de saliva e deixa os dentes mais fortes.

Elas estão presentes na culinária mexicana e baiana. Dão um toque especial no sabor das comidas e esquentam o clima da refeição. É claro, são as pimentas! Esta especiaria traz muitos benefícios para o organismo, inclusive para a saúde bucal. A professora do curso de Nutrição da PUC Minas Telma Teixeira L. Pereira destaca alguns nutrientes como vitaminas A, E, ácido fólico e minerais como zinco e potássio. Também possui vitamina C, que aumenta as defesas do organismo e deixa ossos e dentes mais resistentes. Além disso, a ingestão de pimenta aumenta a salivação e, consequentemente, melhora a mastigação e diminui a incidência de bactérias na boca. 
A nutricionista do Spa Maria Bonita Vânia Barberan explica que a pimenta possui um micronutriente chamado capsaicina, que cria estímulos nervosos e gera a sensação de ardência na boca e língua. A intensidade do ardor varia conforme a quantidade de capsaicina de cada fruto. “A pimenta Trinidad Scorpion Butcht é a mais forte do mundo. Outras pimentas fortes são a cumari, de bode, malagueta, tabasco e de cheiro”, afirma a professora do curso de Nutrição da PUC Minas Raquel Marques Diniz. Segundo ela, as menos ardidas são: Dedo de Moça, Biquinho, Cambuci ou Chapéu de Frade. Para diminuir a sensação de ardência Raquel indica o uso de leite e seus derivados, pois possuem a proteína caseína que reduzem o ardor. Dica: para fazer um molho que acompanhe a refeição, misture uma porção de iogurte com a pimenta. 
Em geral, a pimenta não causa problemas para a saúde bucal. Contudo, as especialistas alertam para o consumo exagerado. A ingestão de grandes quantidades de capsaicina pode causar queimaduras ou bolhas na boca ou na língua, náusea, alteração respiratória e vômito. Vânia explica que não é comum, mas existem pessoas com alergia ou intolerância a pimenta. Os sintomas mais comuns são o inchaço da língua, lábios e mãos. De qualquer forma, fique atento em relação à quantidade ingerida e evite comer pimenta quando estiver com aftas ou feridas na boca. 

Nenhum comentário: