A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

sábado, 8 de agosto de 2015

Banco suíço comprova que documento contra Romário era falso

<p>Romário foi acusado pela revista Veja de ter uma conta na Suíça no valor de R$ 7,5 milhões.</p>

O banco suíço BSI publicou na última quarta-feira (5) um comunicado afirmando que Romário não tem uma conta no valor de R$ 7,5 milhões. O ex-jogador e atual senador havia sido acusado pela revista Veja de ocultar o montante da Receita Federal, não declarando o valor.
Romário viajou para a Suíça e se manteve firme acusando a Veja de calúnia. Diante da prova apresentada pelo BSI, Romário afirmou que processará a publicação em "um valor dez vezes superior ao alegado". O banco também afirmou que acionará os reponsáveis na justiça suíça, pelo Ministério Público de Genebra.
O BSI informou que Romário não é o titular desta conta. Mas, o banco não esclareceu se Romário tem, ou teve, alguma conta na Suíça.
A Veja admitiu o erro e publicou em seu site um editorial pedindo desculpas. "A nota do BSI dissipou todas as questões a respeito do extrato. Ele é falso", reconheceu.
Através de suas redes sociais, Romário expressou sua revolta com a acusação falsa: "Diante dessas provas, enterramos, definitivamente, qualquer mentira sobre o assunto. Os falsificadores, mentirosos e caluniadores responderão à justiça brasileira e suíça", concluiu o senador federal eleito pelo estado do Rio de Janeiro.

Nenhum comentário: