A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Cartórios eleitorais ampliam atendimentos para evitar filas

Os cartórios eleitorais do Litoral Norte estão com seu horário de atendimento ampliado até esta sexta-feira. Isso porque o Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) está fazendo a campanha “Semana de Alistamento Eleitoral” para antecipar a demanda nos cartórios do Estado com o objetivo de regularizar a situação de eleitores, tendo em vista as eleições municipais do ano que vem.
Com isso, os cartórios terão seus horários de funcionamento ampliados, das 9h às 17h, para evitar filas recorrentes no fim do período de alistamento eleitoral. Já em períodos normais, o horário de atendimento se inicia a partir das 12h.
Heloisa Rodrigues, chefe do cartório em Caraguá, explica que a campanha tem o intuito de evitar filas no fim do período de alistamento eleitoral, a se encerrar em 7 de maio próximo, 150 dias antes do pleito municipal. “A ideia é estimular jovens eleitores e as pessoas a regularizarem alguma pendência”, comenta. Heloisa se refere a eleitores que precisam fazer alguma transferência, ou segunda via, revisão do título ou até mesmo quitação de multas. Há cerca de 70 mil eleitores em Caraguá.
Já Fábio Menezes, chefe do cartório eleitoral de São Sebastião, ressalta que a ampliação no atendimento se restringe aos cartórios, onde há a emissão do título na mesma hora. “Nos postos de atendimento eleitoral em Boiçucanga (na Costa Sul sebastianense) e em Ilhabela, o atendimento será no horário normal, e a emissão do título é em uma semana”, ressalta. No cartório sebastianense há mais de 50 mil eleitores inscritos.

Jovem


Mas o alvo da campanha não se restringe a evitar filas. Antes, a ação também busca ampliar o número de jovens de 16 e 17 anos aptos a votar. De acordo com o tribunal, apenas 0,83% do eleitorado do Estado de São Paulo, ou 252.417 inscritos, estão nessa faixa etária. Na capital paulista a relação cai para 0,68%, ou 57.437 inscritos. Jovens de 16 a 20 anos que solicitarem o título de eleitor pela primeira vez precisam ainda do comprovante de quitação do Serviço Militar.

O eleitor que quiser uma segunda via do seu título deve levar ao cartório documento de identificação (RG, Carteira Nacional de Habilitação, carteira profissional, certidão de nascimento ou casamento, entre outros) e comprovantes de votação ou de justificativa que tiver. Para casos de transferência de endereço, também é necessário o título de eleitor e um comprovante de residência recente.
O TRE-SP disponibiliza ao eleitor uma central para o esclarecimento de dúvidas - (11) 2858-2100 ou 148.

Nenhum comentário: