A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Neymar gasta R$ 120 mil em aluguel de helicóptero para viajar do Rio para Santos

Neymar e Carol Portaluppi passaram 7h juntos em hotel da Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, de acordo com o colunista Leo Dias, do jornal 'O Dia'

O jogador usou o meio de transporte pelo menos quatro vezes em uma semana
Neymar não quer saber de economizar em suas viagens de férias pelo país e, na semana passada, alugou um helicóptero por R$ 30 mil para fazer o trajeto entre as duas cidades, diz a coluna "Retratos da Vida", do jornal "Extra", desta segunda-feira (6). No último sábado, o jogador utilizou uma aeronave para chegar ao Rio, onde curtiu a festa de aniversário de Marina Ruy Barbosa.
Só na semana passada, Neymar gastou R$ 120 mil com essas viagens. E o ex-namorado de Bruna Marquezine não economiza também quando fica hospedado na Cidade Maravilhosa. O jogador do Barcelona, cujo contrato foi renovado até 2020, costuma ficar hospedado em um hotel com quatro quartos e vista para o mar, na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade. A diária no local não sai por menos de R$ 8.500.
Após a festa de Marina, o atleta viajou para Santos, onde esteve em chá de bebê do filho de um amigo. Neste domingo, o moicano retornou ao Rio para assistir ao show de Thiaguinho, em boate.
Jogador é apontado como affair de Carol Portaluppi
Entre essas idas e vindas, Neymar passou 7 horas com a filha de Renato Gaúcho em hotel do Rio. De acordo com o jornalista, o jogador e Carol chegaram juntos no estabelecimento no carro do atleta por volta das 7h da manhã.
Um pouco depois das 14h, a jovem deixou o hotel em um táxi. Em seguida, foi a vez de Neymar sair do estabelecimento. A filha do ex-atacante do Fluminense está na mira da "Playboy" para ser capa da edição de 40º aniversário da revista, em agosto.
Neymar pega quatro jogos de suspensão, após expulsão na Copa América
O Brasil foi eliminado da competição após perder para o Paraguai nos pênaltis, mas o seu principal jogador deixou o torneio antes. Neymar acabou expulso por agredir os colombianos Armero e Murillo. O moicano levou o cartão vermelho após o apito final do juiz Enrique Osses.
Como punição, o brasileiro pegou quatro jogos de suspensão e precisou pagar multa de R$ 30 mil. Ele pediu desculpas por sua atitude, ao deixar o Chile, país-sede do torneio. "Aguardei com muita fé e esperança até este momento pela possibilidade de ainda poder atuar pela Seleção Brasileira nesta Copa América. Infelizmente não será mesmo possível... Peço perdão aos meus companheiros por ter me permitido estar nessa situação, mas tenho certeza que saio com mais um aprendizado em minha carreira. Boa sorte Brasil!", escreveu em seu Instagram.

Nenhum comentário: