A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Caged de julho exibe números positivos para os municípios de Caraguatatuba e Ilhabela



O setor da construção civil, com 127 contratações e 102 demissões, de São Sebastião, foi o único que teve saldo positivo no município
Divulgados recentemente pelo Ministério do Trabalho, os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) de julho indicam queda nos empregos formais em São Sebastião e Ubatuba. Caraguatatuba e Ilhabela fecharam o mês com indicadores positivos. Destaque positivo para Caraguatatuba, que se recuperou da média de demitidos no ano, e para Ilhabela, que segue com mais contratações que demissões em 2012. 
Destaque negativo para a economia de São Sebastião, que perdeu 106 empregos formais neste mês, e para a economia de Ubatuba, campeã em demissões, com 658 empregos formais perdidos desde janeiro. 
 
São Sebastião
São Sebastião registrou 546 admissões e 652 demissões e fechou julho no vermelho. Porém, de janeiro a julho deste ano, o resultado é positivo. São 4.783 admissões e 4.683 demissões até agora. 
Entre principais setores da economia local, a área de serviços foi a que mais contratou (228) e a que mais demitiu (335). O comércio também fechou no vermelho, com 163 admissões e 196 demissões. Salvou-se o setor da construção civil, com 127 contratações e 102 demissões. 

Ilhabela
Ilhabela apresenta os melhores índices de 2012 entre as cidades da região e encerrou mais um mês com números positivos. Foram 191 admissões para 185 demissões. De janeiro a julho deste ano, 1.714 trabalhadores foram contratados formalmente e 1.691 acabaram demitidos. O saldo positivo é de 23.
Comércio e construção civil contrataram mais que demitiram. Já o setor de serviços, com 113 demissões para 93 admissões, não conseguiu manter o ritmo e prejudicou diretamente as estatísticas positivas da cidade. 
 
Caraguatatuba
Caraguatatuba também pode comemorar, sobretudo pelo fato de ter diminuído consideravelmente a quantidade de demissões exposta nos meses de 2012. Desde o começo do ano, a cidade registra uma média negativa de aproximadamente 78 demitidos por mês. Em julho, foram 802 admissões para 800 demissões.
O comércio foi quem mais demitiu (329) e quem mais contratou (335). A construção civil veio na onda com 98 contratados e 104 demitidos. O setor de serviços obteve melhor desempenho, com 327 contratados e 324 demitidos. No ano, até agora, a cidade registra 551 empregos formais a menos.

Ubatuba
Ubatuba encerrou o mês de julho no negativo e até agora já são 658 empregos informais a menos em 2012. Foram 368 admissões para 392 demissões. O comércio foi quem mais demitiu (165) e quem mais contratou (177). O setor de serviços manteve a tendência com 164 admitidos e 183 demitidos. Já o setor de construção civil terminou julho com 30 demissões e 12 contratações.

Nenhum comentário: