A Beira Mar

A Beira Mar
Bar e Restaurante

terça-feira, 27 de março de 2018

Prefeitura estuda melhorias para atendimento de pacientes na Acalento

A Prefeitura de Caraguatatuba assina no próximo dia 17 de abril o aditamento de contrato com a Acalento (Associação de Apoio ao Desenvolvimento Humano) para atendimento de 130 pacientes encaminhados pela Secretaria dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso (Sepedi).

A Acalento atende e apoia pessoas com deficiência e seus familiares com tratamento de habilitação e reabilitação, por meio de atendimentos ambulatoriais e equoterápicos. Para o trabalho, a entidade receberá em torno de R$ 80 mil mensais da Prefeitura de Caraguatatuba.
Na manhã desta terça-feira (27/03), o prefeito Aguilar Junior, visitou a entidade e conversou com a diretoria, funcionários, pais e pacientes.
Ele esteve acompanhado dos vereadores Oswaldo Pimenta de Mello Neto (Chininha) e João Silva de Paula Ferreira (De Paula), do secretário dos Direitos da Pessoa com Deficiência e do Idoso (Sepedi), Leo Macedo, da chefe da Seção de Comunicação Inclusiva da Sepedi, Marcela Sugahara, de servidores da Secretaria de Esportes, e da presidente da entidade, Zenaide de Souza Bicudo Vernizzi.
Depois de ouvir algumas demandas, o prefeito anunciou também melhorias no local, por meio de recursos municipais e emendas parlamentares.
“Vamos verificar a questão de um novo veículo para o transporte de pacientes, ar condicionado para a piscina onde ocorre a hidroterapia e cadeiras anfíbias para que os pacientes tenham contato com o mar”, disse o prefeito Aguilar Junior.
O prefeito recebeu também um abaixo assinado de pais e da direção para a compra da área onde funciona a instituição no bairro do Porto Novo.
“Faremos um levantamento jurídico e orçamentário sobre o pedido. Tudo que estiver ao nosso alcance será feito para melhorar o atendimento feito pela Acalento, que é uma referência regional”, finaliza.

Conquista
Após a apresentação de um projeto, a Acalento foi contemplada com equipamentos para um novo tratamento de habilitação e reabilitação nos pacientes.
Trata-se do método PediaSuit, uma abordagem holística para tratamento de indivíduos com distúrbios neurológicos, como paralisia cerebral, atraso no desenvolvimento, lesões traumáticas cerebrais, autismo e outras condições que afetam as  funções motoras e cognitivas de uma criança. 
Para trabalhar a nova técnica, o PediaSuit utiliza diversas ferramentas. Uma delas é a propriocepção dinâmica, por meio de uma órtese mole, chamada Suit, que consiste em colete, shorts e um sistema de elásticos ajustáveis, posicionados para reproduzir a musculatura, promovendo uma melhora da postura e consequentemente melhora dos movimentos.
“Foi uma conquista para a entidade e a técnica também será utilizada com os pacientes atendidos pelo convênio com a Prefeitura”, explica a presidente da entidade, Zenaide de Souza Bicudo Vernizzi.

Nenhum comentário: