terça-feira, 24 de novembro de 2015

Polícia investiga assassinato de jogador de futebol em Curitiba

<p>Gilvan Ferreira, de 30 anos, foi atingido por mais de 30 tiros.</p>

Agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Curitiba investigam a morte do jogador de futebol Gilvan Ferreira Matos, de 30 anos, assassinado com mais de 30 tiros na última quinta-feira em Curitiba. Os policiais trabalham com algumas linhas de investigação, que não foram divulgadas.
No último sábado, o cunhado de Gilvan, cuja identidade não foi revelada, também foi assassinado com diversos tiros no mesmo bairro. A polícia não confirmou se os dois crimes estão relacionados.
O jogador atuava no time de futebol amador São Bráz Esporte Clube, de Curitiba. Na página do clube no Facebook, colegas lamentaram a morte do jogador. “(...) partiu nosso grande atleta Gilvan , amigo de todas horas, pessoa com humildade e serenidade ímpares, dono de uma postura amiga e conciliadora (...) tinha como marca a alegria, a simpatia e suas brincadeiras, que envolviam e alegravam todos por onde passava (...) vai com Deus, nosso eterno camisa 7, obrigados por tudo”, escreveram.

Nenhum comentário:

Delegacia Virtual do Estado de São Paulo

Delegacia Virtual do Estado do Rio de Janeiro