segunda-feira, 3 de junho de 2013

BIOGRAFIA DE GRETCHEN MIRANDA

Quase ninguém a conhece como Maria Odete Brito de Miranda, mas quando alguém menciona seu nome artístico, conhecido há mais de 30 anos nacionalmente, não há como deixar de ter alguma referência, mesmo que não tenha nascido na década de 80. Gretchen é uma cantora, atriz e dançarina brasileira conhecida como "Rainha do Bumbum" e por sucessos que emplacou há anos, como "Freak le boom boom", "Conga, conga, conga"e "Melô do piripipi (je suis la femme)", que atingiram o topo das paradas na América Latina e países hispânicos.
Gretchen nasceu no Rio de Janeiro, em 29 de maio de 1959, e iniciou a carreira como "crooner" da orquestra do maestro Zaccaro, em 1976. Ainda adolescente, fez parte do grupo "As melindrosas", juntamente com as irmãs Sula Miranda, Yara e a prima Paula. O LP projetou o grupo e as quatro meninas começaram a aparecer na TV, com clipe divulgado no programa "Fantástico", da TV Globo. Gretchen, no entanto, partiu para carreira solo no final da década de 70. O nome ainda era Maria Odete e foi no Programa Carlos Imperial, exibido na extinta TV Tupi, que o nome artístico apareceu pela primeira vez, inspirado no filme "Aleluia Gretchen". O produtor que descobriu na integrante de "As Mirandas, era assim que o quarteto passou a se apresentar, um potencial e assumiu sua carreira, em 1978, foi o argentino Santiago Malnati. Gretchen vira logo um recorde de vendas, alcançando a marca de mil espetáculos em menos de três anos.
A dançarina e cantora vendeu cinco milhões de discos no Brasil na passagem da década de 70 para a de 80, além de ter conquistado fãs na Argentina, Paraguai, Uruguai e ter vendido mais de dois milhões nesses países do disco "My name is Gretchen". O sucesso lhe rendeu fama no início da década de 90, quando se apresentou em países da Europa e nos Estados Unidos aproveitando-se do ritmo que era uma febre naquele momento: a lambada. Muitos consideram Gretchen a grande precursora do estilo. O título de bumbum mais bonito do Brasil foi preservado por
Gretchen por muitos anos. No currículo, muitas capas de revista e ensaios nus. No cinema, a dançarina e cantora participou de filmes diversos, como o infantil "Vamos cantar disco baby", ao lado das irmãs. Em 1982, fez o filme "Aluga-se moças", uma pornochanchada que tinha a participação de Rita Cadillac, a eterna dançarina do Chacrinha, e que foi um sucesso brasileiro, ficando na frente de "Caçadores da arca perdida", de Steven Spilberg.
Nos anos 2000, fez filmes pornográficos que não chegaram a fazer muito sucesso. Em 2012, participou da quinta edição do reality show "A Fazenda", mas desistiu na sexta semana. Antes a dançarina havia participado do programa "Troca de Família", também exibido pela Rede Record. Gretchen tem cinco filhos biológicos e uma filha adotiva. Uma de suas filhas é a cantora, dançarina e atriz Thammy.

Nenhum comentário:

Delegacia Virtual do Estado de São Paulo

Delegacia Virtual do Estado do Rio de Janeiro