Como você avalia os 180 dias de governo do prefeito José Pereira de Aguilar Junior

Stella Massis Congelados

Brasileirinho Delivery

sábado, 27 de agosto de 2016

Os candidatos

Quem nunca ouviu: “Brasileiro não sabe votar”? Ou: “O culpado pelo mau político é o eleitor que o elege. Assim, transfere-se a culpa da desgraça para a vítima, como se fosse responsável pelos malfeitos decorrentes de seu voto, sobre o qual não tem mais controle depois que o digita na urna eletrônica. E isso acontece porque inexistem instrumentos permitindo a participação direta das pessoas nas políticas públicas.
Portanto, funciona assim: se, de repente, um governador amanhece com vontade de construir um aquário, ele manda fazer, e não há força que o impeça. Depois, deixa a conta para o próximo governo, isto é, para o cidadão contribuinte.
Outro problema é a falta de diversidade entre as opções eleitorais, apesar da quantidade de candidatos. Vejamos os quatros principais concorrentes nestas eleições municipais.
Capitão Wagner (PR): apresenta-se como “novidade”. Mas, sabemos, há moços velhos e velhos moços. Wagner enquadra-se no primeiro caso. A sua proposta é uma repetição de chavões; foi líder de uma greve armada na polícia que deixou a cidade refém dos PMs. Tem como um dos tutores o senador Eunício Oliveira (PMDB), cuja especialidade é cavar cargos para seus aliados.
Heitor Férrer (PSB): o deputado tornou-se mais conhecido pelos discursos ácidos contra os Ferreira Gomes, e não por ter um programa para a cidade. Vamos ver como vai se arranjar sem os irmãos sobralenses (diretamente) na disputa.
Luizianne Lins (PT): ficou oito anos chefiando a Prefeitura, tendo como aliados o governo federal, o governo estadual e a Câmara dos Vereadores. Mesmo com essas facilidades, não fez uma fração do que poderia ter feito.
Roberto Cláudio (PDT), atual prefeito: acolheu a Moroni Torgan (DEM) como vice de sua chapa. Moroni é uma espécie de Capitão Wagner de tempos idos: mau sinal.
Frente a esse quadro, não estaria o eleitor condenado a “votar mal”?
PS. Tem ainda João Alfredo, do Psol, partido que tenta recolher as bandeiras deixadas no caminho pelo PT.

Nenhum comentário:

Óticas Azucar - Caraguatatuba

Óticas Azucar - Caraguatatuba
Rua: Major Ayres, 164 - Centro / Caraguatatuba

Queens Berry

WChic - Banheiros de Luxo para Eventos

Pousada Ananas - Ilhabela

O GACC - Grupo de Assistência à Criança com Câncer

Forum

Imobiliaria Tabatinga

Pousada Costa Verde

Advocacia & Consultoria Dr. Rodrigo Fernandes Henrique de Oliveira - (12) 78980953 - Id: 54*514

Advocacia & Consultoria Dr. Rodrigo Fernandes Henrique de Oliveira - (12) 78980953 - Id: 54*514

World Brazil - Agencia

Transparência Brasil

Karambola Bar

Bar do Helio

Fragus

Natureza